FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout  
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
 

(Pesquisar fics e autores/leitores)

 


 

::Menu da Fic::

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo


Capítulo muito poluído com formatação? Tente a versão clean aqui.


______________________________
Visualizando o capítulo:

1. O Sumiço e a Morte


Fic: A Morte dos pais e o Início da Tortura


Fonte: 10 12 14 16 18 20
______________________________

Hermiione Liv Granger era uma menina baixinha de cabelos castanhos claro e ondulados. Hermiione tinha os pais trouxas e dentistas. Estava voltando para casa nas férias de natal , quando entrou em casa correndo procurando os pais , afinal estava morrendo de saudades. 
- Mamãããe... Papaaai ! - Gritou enquanto os procurava - Mamãe ? Papai ? - Hermiione havia rondado toda a casa quando percebeu que não estavam em casa, ficou preocupada , sempre estavam alí quando Hermiione chegava de Hogwarts , fora assim durante 6 anos, por que seria diferente agora. 
Um barulho de aparatação se ouviu na casa , ela se virou para trás e uma fumaça preta veio em sua direção , tão rápido que não conseguiu fazer nada para impedí-la. Era um comensal desconhecido por Hermiione, ele se materializou e aparatou com a menina em fração de segundos , sem que a mesma pudesse se defender , tentou mudar o destino da aparatção , mas nada adiantou.
Hermiione foi levada para um lugar escuro , parecia a sala de uma casa muito bonita , mas estava escuro , as janelas e cortinas fechados , só podia se ver as poucas pessoas que estavam alí , e muitas delas Hermiione reconhecia. de acordo com que ia identificando casa um, foi se assustando cada vez mais, eram todos comensais. Eram 10 ao total , 10 comensais , comensais entre: Bellatrix Lestrange , Narcisa e Lucius Malfoy, Scarbior, Porém , a pessoa que mais intrigou Hermiione foi o homem alto com vestes e cabelos negros, pele pálida que estava ao lado esquerdo de Bellatrix Lestrange .
- Professor Snape ?! -  disse a bruxa, agora segurada por Lucius Malfoy pelo braço, e com a varinha do bruxo apontada para a sua garganta. snape não teve reação ao ver a menina o olhando sem entender
- Ora, Ora, Ora, o que temos aqui ? a maldita sangue-ruim veio nos fazer uma visita - disse Bellatrix em um tom irônico e com um sorriso maléfico em seu rosto, e risadas foram ouvidas entre os comensais que estavam alinhados em um semi-círculo, com Bella ao meio e Snape ao seu lado esquerdo . Porém algo chamou a atenção de Hermiione , algo se mexia atras do semi-circulo dos comensais , Parecia quase nitidamente duas pessoas amarradas escondidas por uma manto negro.
Hermiione observou a cena intrigada e pensou: "será que são os meus pais?" , os olhos de Hermiione se arregalaram , e ela com certa força tentou se soltar das mãos suja de Lucius, porém o mesmo a segurou com mais força dizendo
- O que foi srtª Granger , onde pensas que vai? - Hermiione não conseguira falar , ela continuou olhando para o manto negro , e ficando cada vez mais intrigada e mais nervosa, até que Bella percebeu o que a menina estava querendo , então um sorriso ironico foi estampado no rosto de Bella que perguntou em um tom irônico
- O que foi querida ? - Disse enquanto dava um passo para a direita , deixando que Hermiione ficasse cara a cara com as possiveis pessoas feitas de refén pelos comensais - é isso que quer ver ? - disse olhando-a. Snape sacudiu a varinha , e então os reféns vieram para frente , passando no meio de Bellatrix e Snape , e parando entre os dois e a menina , ainda segurada por Lucius. - quer ver quem são? -  Bellatrix sacudiu a varinha e o manto negro desapareceu , revelando quem eram as pessoas feitas refén pelos comensais. Sr. e Srª Granger estavam machucados , e amarrados de forma brusca e apertada,  mal conseguiam se movimentar , estavam machucados , sangravam em algumas partes do rosto , mas estavam consciente ainda. O desespero tomou conta do corpo de Hermiione ao reconhecer as pessoas amordaçadas e feridas, que olhavam para ela clamando por liberdade
- MAMÃE ! PAPAI! - Hermiione gritou ao vê-los - Não ! o que fizeram com eles? - O medo tomou conta do corpo de Hermiione , e junto com o desespero de vê-los amarrados e machucados , a fez começar a chorar.
- Own , coitadinha , esta chorando - fingiu um biquinho de pena e depois sorriu largamente - Ora , só nos divertimos um pouco minha querida... - Bellatrix sorriu e soltou aquela gargalhada gostosa que só ela sabe fazer. 
- Não ! solte eles agora Bellatrix ! Faço tudo para que larguem-os! - Hermiione gritou enquanto chorava. Os comensais soltaram gargalhadas ao ouvir o pedido de Hermiione , porém a mais estonteante de todas, a de Bellatrix, durou pouco a mulher andou para perto de Hermiione e disse:
- Tudo ? - sorriu com desdem , chegando bem perto da menina que estava sendo segurada por Lucius, ficou rodeando a mesma e disse:- Será que a nobre Hermiione Liv Granger seria capaz de fazer qualquer coisa para salvar seu pais ? - Hermiione estava com medo e balançou a cabeça que sim enquanto lágrimas rolavam em seu rosto, Bella continuara andando em volta dela , agora , atras dela , se abaixou e sussurrou em seu ouvido: - Até entregar o melhor amigo ? Harry Potter ? 
- NUNCA ! - ela gritou com determinação ,e Bella ordenou
- Snape ! - Bella apontou para os pais de Hermiione , Snape sorriu e apontou a varinha para os dois e  disse com vontade : - Crucius ! - os pais de Hermiione começaram a se contorcer de dor, enquanto Hermiione gritava e choravam :
- NÃO ! PAREM ! - Hermiione chorava - Por favor , parem !
- Então me diga onde está o menino ! - disse Bella perdendo a paciência. Hermiione muito inteligente , sacou a varinha com a mão livre e apontou para Bella e gritou:
- Estupefaça ! - A menina logo depois apontou para Lucius e disse : - Confundus ! - Lucius não teve tempo de se proteger , e se confundiu soltando a menina , que correu para longe de Bella. Bella se protegera do feitiço de Hermiione e gritara:
- Como ousa me desafiar sua sangue-ruim ? - Bellatrix viu que Hermiione saíra correndo , ela então correu atras da mesma. Bella conseguiu alcançá-la antes mesmo que ela pudesse sair da grande sala da Mansão dos Malfoy's. Mas agora , sem sua varinha , a mesma estava guardade em suas vestes , Bellatrix sacara seu punhal de prata , que estava preso em sua perna direita , escorou Hermiione na parede , e colocou o punhal em seu pescoço. Hermiione estava enrascada , não podia se mover, à menos que quisesse morrer. 
- Ou você me diz onde está o menino, ou eu mato seus pais e logo depois você... - Disse Bella , encarando a menina , que agora ameaçava segurando-na na parede - você escolhe meu bem...
Hermiione estava perdida, era seus pais ou Harry . Sabia que se entregasse Harry as forças das trevas iriam acabar com o mundo trouxa . Mas se não entregassem , seus pais morreriam.  Com o rosto de Bella quase que colado ao seu , e podendo sentir a respiração de Bella, ela derramou uma lágrima . Não sabia o que fazer , logo quem , logo Hermiione , a sempre certa, a que sempre sabia o que fazer nas horas de perigo , e sempre a ideia certa . Bella apertou o punhal contra a garganta de Hermiione lhe causando uma dor suportável.


- Não irá responder querida... – disse em um tom sarcástico e com sorriso um tanto maléfico ela disse sem tirar os olhos da menina a sua frente - ... Snape ?! – e Snape apontou a varinha para os pais de Hermiione e os dois começaram a se remoer de dor , Hermiione na mesma hora gritou


- NÃÃÃÃO ! – Snape forçou mais a maldição , causando mais dores ao casal , que depois de muitos machucados , e muito torturados , cessaram. Não morreram , apenas ficaram desacordados. Mas , Hermiione não sabia disso , ela gritou novamente. – Nãããão ! Não , Não ... – olhou para o casal desacordado , e não conseguiu conter o choro .


Bella parecia sentir prazer em ver aquela cena. Os olhos dela brilhavam ao ver cada lágrima cair dos olhos verdes de Hermiione, ao ouvir cada grito de desespero da menina ao ver seus pais desacordados. Snape continuou a conjurar a maldição cruciatus nos pais de Hermiione até que a menina gritou


- Não , Pare ! Eu conto ! – Hermiione percebeu o que havia feito , ao ver que Snape havia parado com a maldição e olhado para Hermiione esperando a menina falar algo. Bella olhara para a menina e apertara o punhal contra seu pescoço com força e disse entre dentes


- Diga ... – Bella olhou-a com um sorriso , Hermiione a olhou e respirou fundo , engoliu a seco , e disse: - Ele está em Hogsmeade... – disse a menina respirando ofegante de medo. Ela estava mentindo , ela sabia disso , e Bella sorriu. Bella retirou a varinha da menina jogando a mesma para longe da menina, e a soltou. Hermiione caiu no chão meio que deitada , antes que Hermiione pudesse fazer algum movimento, Bellatrix girou o corpo apontando para o casal e gritou – Avada Kedavra ! – o lampejo de luz verde acertou em cheio o casal .


- Nããão ! – Disse Hermiione ao se levantar e correr até o corpo de seus pais. Narcisa apontou a varinha para a mesma jogando-a longe. Bella andou rapidamente até Snape , e sussurrou


- Vamos ver se a sangue ruim não está mentindo novamente... – olhou-a com raiva. Olhou para Lucius – Lucius , cuide da sangue-ruim


- Sim Madame Lestrange .- Disse Lucius , apontando a varinha para Hermiione e jogando-a para longe do corpo de seus pais. Bellatrix e Snape se transformaram em uma nuvem de fumaça negra , característica dos comensais da morte . Lucius olhou com um sorriso um tanto maléfico para Hermiione , agora caída no chão , olhando para o corpo de seus pais , chorando.


- Tão bonita... – disse Lucius andando para perto da menina , os comensais restantes na sala iam sumindo gradativamente , até que só sobrassem os dois na sala. Narcisa , mulher de Lucius , estava na sala , mas a pedido de Lucius um pouco antes , ela se retirara. - ... mas tão tolinha... – Lucius estava perto de Hermiione . a mesma ainda estava no chão . Ela olhara com medo para Lucius , afinal , estava em desvantagem sem sua varinha .


Um barulho estranho foi ouvido , e logo se pode ver o que era. ou melhor , quem era . Era Fawkes , a fênix do professor Dumbledore. Ela entrou na sala quebrando a janela , fora direto nos olhos de Lucius , sem que o mesmo pudesse fazer algo. Hermiione viu aquilo e logo olhou para sua varinha , que estava no chão , a poucos metros dela . sem pestanejar , ela correu até ela e a pegou. Neste exato momento , Lucius havia conseguido tirar fawkes de sua frente , depois de varios feitiços inacertados . Fawkes saiu pela mesma janela que entrou.


Lucius virou rapidamente para Liv e travou um duelo com a mesma . Lucius fora com tudo para cima de Liv , e mesma se defendeu de todos os feitiços e maldições de o comensal conjurava . Volta e meia Liv atacava , mas , era melhor se defender do que atacar e ser acertada. O duelo foi forte e brutal , Lucius viu que não conseguiria acertar Liv , então , começou a apelar para os objetos , fez com que as estatuas de metal que estavam espalhadas pela sala se movessem e o ajudasse.


- Ops , acho que está em desvantagem agora srtª Granger ... - disse Lucius com um sorriso malicioso e vitorioso em seu rosto . Hermiione se impressionou ao ver pelo menos 6 armaduras de metal se posicionarem atrás de Lucius em movimentos automaticos e indenticos. Mas , logo teve uma ideia excepicional.


- Finite Incantatem ! - as estátuas pararam de se mover no mesmo instante , antes que lucius pudesse dizer algo , Hermiione sussurrou apontando para todas as armaduras. - Reducto ! - o feitiço foi conjrado perfeitamente por Liv, por esse motivo as estátuas viraram pó e ela pode ver a cara de surpresa de Lucius, que não se rebaixou , voltou a duelar com Hermiione. Liv viu que se continuasse alí , ela morreria, ela então , logo desaparatou da Mansão Malfoy. Lucius viu quando a menina desaparatou e logo deu um grito de raiva. Narcisa ouviu o barulho da aparatação de Liv e logo depois o grito do marido e se apressou para chegar na sala.


- O que houve meu bem ? - Perguntou Narcisa preocupada


- Ela escapou . - Disse Lucius entre dentes olhando para os corpos dos pais de Liv estendidos no meio da grande sala , ele olhou para Narcisa e logo fez uma pergunta , quase que retórica : - O que vamos fazer com.... isso ? - disse com nojo , apontando a varinha para os mesmos.


- Incendio - O feitiço cor de fogo rompeu os ares ao sair da varinha da bruxa , e foi direto aos corpos na sala. queimando-os rapidamente. - Qual foi a pergunta mesmo ? - Narcisa sorriu e os dois desaparataram da grande sala da Mansão Malfoy .


 


 



" e aí ? estão gostando ? paro, ou continuo ?" 

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo

Menu da Fic

Adicionar Fic aos Favoritos :: Adicionar Autor aos Favoritos

 

_____________________________________________


Comentários: 4

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por Herdeira - Della Rosier Lestrange em 28/11/2011

Minhas queridas.... estou continuando aos poucos . 

O Primeiro Capítulo está encerrado .

Começarei o segundo hoje mesmo ...

Obrigada pelos comentários... *---*

Nota: 1

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por JuhSnape em 28/11/2011

CONTINUA!!!!!!!!!!!!!!!

Nota: 1

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por Lai Prince Snape em 17/09/2011

CONTINUA!! ESTOU GOSTANDO MT!

Nota: 5

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por Beca_Snape em 13/09/2011

continuaaaaaaaaaaa

Nota: 5

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

_____________________________________________

______________________________


Potterish.com / FeB V.4.1 (Ano 17) - Copyright 2002-2022
Contato: clique aqui

Moderadores:



Created by: Júlio e Marcelo

Layout: Carmem Cardoso

Creative Commons Licence
Potterish Content by Marcelo Neves / Potterish.com is licensed under a Creative Commons
Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License.
Based on a work at potterish.com.