FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout  
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
 

(Pesquisar fics e autores/leitores)

 


 

::Menu da Fic::

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo


Capítulo muito poluído com formatação? Tente a versão clean aqui.


______________________________
Visualizando o capítulo:

9. Silêncio - Femme L/N


Fic: Projeto Cartas - Envie sua carta


Fonte: 10 12 14 16 18 20
______________________________




Autor:
 Beatriz Potter


Título: Silêncio


Shipper: Lily/Narcisa


Resumo: Lily e Narcisa tinham um romance que se rompe quando a grifinória aceita o pedido de casamento de Tiago Potter. 



Silêncio, por Narcisa Malfoy



 


Você devia ter dito não. É uma palavra tão simples. Três letras. Uma sílaba. Por que você não disse?


Eu sei o porquê. Porque você é covarde. Você é covarde, Lílian Evans. Você não diz não. Tampouco diz que sim. E dizem que quem cala consente, então esse é o seu jogo. Consentir. Eu esperei pela sua resposta para as minhas dezenas de perguntas. Para cada uma delas, um "não" teria me destroçado. E mesmo assim eu colaria peça por peça e seria como um cristal que não reflete mais a luz, mas ainda existe. Mas você não disse não. Você não disse nada.


Você me ama? Fica comigo? Foge comigo? Me assume? Se assume?


Você devia ter dito não. Mas seu sorriso e aquele brilho de diversão incontida nos seus olhos pareciam tantas promessas positivas que eu acreditei que você dizia "sim". Você não sabe dizer "sim". Você não quer dizer "não". Eu fui levando.


Como naquele primeiro beijo. Minha boca procurou a sua e meus olhos buscaram os seus, esperando a reação. O que eu encontrei foi o silêncio. Pensei que era um bom sinal, um consentimento. Beijei você aquela vez e tantas outras porque você nunca me disse para não fazê-lo. Eu nunca reparei que você tampouco me disse para seguir em frente. Céus, como eu passei tanto tempo cega à sua indiferença? Como eu não aprendi a te decifrar?


Tudo em você gritava "talvez". Tantas falsas possibilidades e impossibilidades muito mais reais. Você fugia o tempo todo, inventando uma desculpa atrás da outra para nunca me dar ou me negar o que eu pedia. O que eu queria. O que eu precisava.


Você devia ter dito não e deixado claro que eu não conseguiria tirar nada de você. Ao invés disso, você me fez acreditar que eu podia ter tudo. Bastava esperar. Um pouco mais, muito mais... o quanto você quisesse.


Você me ama? Fica comigo? Foge comigo? Me assume? Se assume?


Você não disse não.


E por que, idiota, eu pensei que isso queria dizer sim?


Foi assim com ele também, Lílian? Ele se ajoelhou e estendeu aquela gigantesca esmeralda diante dos seus olhos? Ele te fez dezenas de perguntas?


Você me ama? Fica comigo? Foge comigo? Me assume? Se assume?


Casa comigo?


E você sorriu, com seus olhos brilhando de diversão incontida e deixou que ele te beijasse, sem dizer que sim nem que não, como é de praxe. E ele teria colocado a aliança em seu dedo, sem você negar com a cabeça ou recolher a mão. Também sem estender o dedo de boa vontade para sentir o anel deslizar. Sem dizer nada. Porque quem cala, consente, e esse é o seu jogo.


E talvez no altar quando perguntarem finalmente qual é a sua resposta, você apenas sacuda a cabeça, fazendo aquele perfume intoxicante se desprender do seu cabelo e atire os braços ao redor do pescoço de Potter e parta para o "pode beijar a noiva". E você certamente parecerá tão apaixonada e entregue que ninguém reparará que você mais uma vez não disse que sim nem que não.


E décadas depois quando você se cansar desse seu novo brinquedo de cabelos arrepiados e disser que está indo embora, ele cobrará a promessa. E você dirá com esses olhos verdes feitos para enfeitiçar demônios que nunca prometeu coisa alguma. Então Potter pensará em cada um dos momentos de silêncio e notará, como eu noto agora, que a falta de palavras não era emoção e sim a mais patética indiferença. E que você está tão livre quanto sempre esteve.


Você não pertence a ninguém, Lílian Evans. Mas será de todos que te reivindicarem, porque você não diz não.


Você devia ter dito não. Pra mim. Pra ele. E talvez eu não estivesse agora escrevendo essa carta, como uma amante insegura depois da primeira noite de sexo, tentando saber se foi bom pra você. É claro que não terei nenhuma resposta. Pras minhas perguntas ou para essa carta. Porque quem cala consente, e esse é o seu jogo. 

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo

Menu da Fic

Adicionar Fic aos Favoritos :: Adicionar Autor aos Favoritos

 

_____________________________________________


Comentários: 4

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por Lai Prince Slytherin em 28/10/2011

"olhos verdes feitos para enfeitiçar demônios" MORRI

Nota: 1

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por Lai Prince Slytherin em 28/10/2011

não me diga, pelo amor de todos os deuses, que isso vai acontecer em sweet and low :(((((((((((((((

Nota: 1

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por Beatriz Potter em 21/10/2011

Own Mi! Pois é, faz tempo! paoskao Ou nem tanto tempo assim, se vc pensar. As coisas aconteceram rápido! Naquela época eu já tinha até começado a escrever SAL, eu acho. Apaixonei nesse ship, fazer o que? Que bom que gostou, Mi. Vc é um amor! *-*

Nota: 1

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por MiSyroff em 14/10/2011

Ai Bia, reli o e-mail que você me mandou quando enviou a carta...

E cara, você dizia: Oi Mi, sou a Beatriz Potter do FeB, Bia normalmente...

Caraca, quanto tempo né?


Enfim, uma fic foda pra caramba, linda demais...

E agora acompanhando Sweet and Low, esse shipper fica ainda mais fodastico!

Nota: 5

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

_____________________________________________

______________________________


Potterish.com / FeB V.4.1 (Ano 17) - Copyright 2002-2021
Contato: clique aqui

Moderadores:



Created by: Júlio e Marcelo

Layout: Carmem Cardoso

Creative Commons Licence
Potterish Content by Marcelo Neves / Potterish.com is licensed under a Creative Commons
Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License.
Based on a work at potterish.com.