FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout  
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
 

(Pesquisar fics e autores/leitores)

 


 

ATENÇÃO: Esta fic pode conter linguagem e conteúdo inapropriados para menores de idade então o leitor está concordando com os termos descritos.

::Menu da Fic::

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo


Capítulo muito poluído com formatação? Tente a versão clean aqui.


______________________________
Visualizando o capítulo:

45. Capitulo 45


Fic: A Caricia do Vento. - Concluida - Dramione


Fonte: 10 12 14 16 18 20
______________________________

Malfoy puxou-a lentamente para mais perto do seu corpo musculoso, a voz rouca e macia como veludo.


 


No entanto, por baixo da maciez, Hermione pressentia a falta de piedade. Segurando o cobertor sobre os seios, conseguia usar apenas um dos braços para tentar afastá-lo. Teria sido igualmente em vão com os dois. A sua cabeça dobrou-se sobre ela, e a castanha torceu a dela para trás e para longe.


 


A boca do homem atacou a curva esguia de seu pescoço, queimando a pele como línguas ardentes de fogo. Ela ergueu a mão para o contorno duro do queixo, tentando empurrá-lo, e falhando.


 


- Por que não me acaricia como acariciou Potter? - A respiração dele roçava-lhe o pescoço. Afastou a mão e torceu-a atrás das costas da moça, erguendo a cabeça para deixar que seu olhar escuro zombasse dos esforços inúteis dela. - Quem sabe eu possa ser persuadido a soltá-la.


- Porco! Odeio você! - cuspiu Hermione.


 


O braço nas suas costas aumentou a pressão para esmagar seus quadris contra os músculos rígidos das coxas dele. Dobrando-se para trás para evitar o contacto com o peito dele, os seios da moça subiam e desciam rapidamente, de agitação. O cobertor frouxo escorregou para revelar-lhe ainda mais o corpo.


 


- É, minha leoa, você me odeia. - Malfoy deu um sorriso frio. - Gostaria de me arrancar os olhos. Tenta constantemente lutar contra mim, ignorando as minhas ordens, mesmo sabendo que farei com que obedeça a elas. Teria se dado melhor se tivesse sido humilde e submissa, ao invés de tão determinada a me desafiar.


- Se eu tivesse sido humilde e submissa, você e seu bando de assassinos teriam me violentado e matado quando assassinaram Ronald! - lembrou-lhe Hermione, arquejando selvagemente.


- Agora está à minha mercê.


- Você não tem misericórdia! Não tem coração! - disse ela, depois tentou soltar-se de novo.


 


Viu os músculos ao longo do seu maxilar enrijecerem, e soube que o havia provocado de novo. Acusara-o de não ter misericórdia, e Draco Malfoy não demonstrou nenhuma, ao ferir os lábios dela com a sua boca punitiva.


 


Presos num redemoinho violento, seus sentidos baquearam ante o assalto. O abraço constritor negava-lhe o ar aos pulmões, enquanto ele esmagava a sua boca com a dele. A escuridão rondava os limites da sua consciência. Hermione lutou para não ser atraída para o turbilhão da sua raiva.


 


A virilidade agressiva dele estava fazendo que ela perdesse o contacto com a realidade. A pressão esmagadora da sua boca tornou-se menos violenta e mais sensualmente persuasiva. E Hermione estava tonta demais para resistir à língua exploradora do homem.


 


Estava apenas semi-consciente de que ele havia libertado os seus braços. Os movimentos excitantes das mãos nos seus quadris e costas, grudando-a ao seu corpo de granito, estavam libertando descargas explosivas, até que ela se agarrou debilmente a ele.


 


Apenas um gemido baixo de protesto escapou-lhe da garganta quando ele a tomou no colo.


 


Um desejo primitivo e insidioso crescia dentro dela, e Hermione sentia-se impotente para detê-lo. Odiava-o desesperadamente, enquanto reconhecia que era um mestre na arte de seduzir. Comparado a Malfoy, Ronald fora um amador desastrado.


 


Enquanto a deitava na cama, tirou-lhe o cobertor. A castanha tentou pegá-lo, instintivamente, porém ele o jogou para longe do alcance dela. Então os seus sentidos entorpecidos de amor deram-se conta de que não estava na sua cama.


 


As mãos de Malfoy instintivamente encontraram-na na penumbra. O contacto firme delas fez Hermione começar a chutar e se debater como um animal selvagem.


 


Ele soltou uma risada rouca, rechaçando os golpes dos braços e pernas dela, enquanto a imobilizava sobre o colchão.


 


- Grite, se quiser- murmurou Malfoy. - Ninguém vai ouvir, por causa do temporal. Mesmo que ouçam, não virão até aqui.


 


A sua boca quente descobriu a linha sensível ao longo do pescoço. Hermione enterrou os dedos na pele dele, tendo a sensação satisfatória da carne que se rasgava sob as suas unhas, enquanto lhe arranhava os ombros. A despeito do palavrão abafado de dor que ele soltou, as mãos que a seguravam não cederam um centímetro.


 


A violência desesperada estava acabando com as energias dela. Hermione parou para tomar fôlego.


 


Imediatamente, ele tomou posse dos seus lábios entreabertos, forçando-lhe a cabeça para trás enquanto a beijava. As mãos seguraram-lhe os seios para explorar a sua firmeza redonda.


 


Hermione Granger sentiu os bicos dos seios enrijecerem sob o toque, e soltou um grito mudo ante a incapacidade de controlar as reações da sua carne. A cabeça dela girava loucamente na torrente de desejos incandescentes que lhe atormentavam o corpo.


--**--


N/A: Primeiramente eu quero me desculpar pela demora! Eu estive muito atarefada com a faculdade... ela me consumiu um tempo absurdo esse semestre.


Ahhh sim, todos os comentários foram respondidos! Espero que voces não se esqueçam de ler. =)


Em breve posto outro capitulo! hehehe.


Beijos =*
Angel_S

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo

Menu da Fic

Adicionar Fic aos Favoritos :: Adicionar Autor aos Favoritos

 

_____________________________________________


Comentários: 0

Nenhum comentário para este capítulo!

_____________________________________________

______________________________


Potterish.com / FeB V.4.1 (Ano 17) - Copyright 2002-2022
Contato: clique aqui

Moderadores:



Created by: Júlio e Marcelo

Layout: Carmem Cardoso

Creative Commons Licence
Potterish Content by Marcelo Neves / Potterish.com is licensed under a Creative Commons
Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License.
Based on a work at potterish.com.