FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout  
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
 

(Pesquisar fics e autores/leitores)

 


 

ATENÇÃO: Esta fic pode conter linguagem e conteúdo inapropriados para menores de idade então o leitor está concordando com os termos descritos.

::Menu da Fic::

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo


Capítulo muito poluído com formatação? Tente a versão clean aqui.


______________________________
Visualizando o capítulo:

16. It`s Impossible


Fic: HP e Nossa História. 1


Fonte: 10 12 14 16 18 20
______________________________

      PARTE


                                                                 


                        TRÊS


 


 


 


 


 


 


 


 


 


 


 


 


 


 


 


 


 


 


 


 


                                                           Cap.16It’s impossible


 


            Mariana abriu um largo sorriso para sua pasma amiga Camila. Ela realmente não conseguia acreditar.


 - VO-VOCÊ??


 - Ah , koé? Vai dizer que você não percebeu? Eu voei na sua frente quando o trem caiu!


 - Ma-mas eu não....


 - CARACA! Você é muito burra!! – disse Mariana


 - Mas você conseguiu parar o trem e produzir um lindo patrono... Você é muito jovem pra isso!!E no dia do ataque à escola,Yasmin colocou toda a sala pra dormir?!


 - Quanto ao patrono e ter parado o trem... Estou tendo treinamento rigoroso desde que nasci, até mesmo vida dupla. De manhã: Mary Evans do colégio ADN, mas à tarde eu sou a senhorita Evangelista, que todos conhecem por ser extremamente gostosa e ter um namorado perfeito.


Camila encarou o cabelo de Mariana. Lindos e longos cachos negros e super hidratados.                              


 - Uma boa dose de ressecamento toda manhã! Isto me deixa exausta! – Disse Maria como se tivesse lido os pensamentos de Camila


 - E ...


 - E a escola? – Perguntou acertando de novo


 - Assim que Yasmin se levantou e retirou a varinha da mochila, eu percebi o feitiço que ela usaria e usei, então, um escudo para me defender daquele maldito pó do sono!!


 - Eu ainda não consigo acreditar...


            Trent as encarava completamente desentendido. O barulho parecia ter despertado a pessoal, todos surgiram na saída do trem rapidamente. A reação de Yasmin foi única ao ver Mariana:


 - QUEEE???!! VOCÊ??? NÃO DÁ PRA ACREDITAR!!!  É UMA VAQUINHA!! – correu e deu um apertado abraço na amiga.


 - Viu?-disse Mariana ajeitando sua apertada calça jeans e fazendo uma cara de falso deboche – Pelo menos ELA foi capaz de me dar um abraço.


 - OH, desculpe. – disse Camila abraçando Mariana – É que eu fiquei muito pasma.


 - Pois então? Vamos voar para Hogwarts?


 - Cadê o Tiago? – perguntou Camila


 - Ficou lá dentro! – respondeu Yasmin - Queria ter um papo-cabeça com o Jhonnatan.


 - TIAGO?! – intrigou-se Mary – Caralho! Ele também é bruxo?!


 - Não..


 - Ah, tá... Mas como...


            Camila se pôs a contar toda a história para Mariana e quando se deu conta, ela já tinha contado a de Yasmin e até a dela mesma...


 - CONSEGUI, CAMILA!!! – gritou Tiago saindo do trem e pulando na amiga – TÔ NAMORANDO, AHÁ!! – Tiago de repente se calou ao perceber quem estava à sua frente, simplesmente continuou calado, encarando Mariana.


 - OI, TUDO BOM?? – perguntou Mariana


            Tiago gritou e deu um abraço tão forte na amiga que a derrubou no chão.


 - Vamos voar?- perguntou Mariana largando Tiago.


            Várias vassouras se postaram diante deles, com seus respectivos donos do lado.


 - VOAR?! – exclamou Tiago alisando uma antiga Cleansweep – Você disse “voar”? – uma lágrima escorreu - Eu não consigo acredit... – “BUM” Tiago desmaiara.


 - O que há com ele? – perguntou Tonks. Mariana rolava no chão de tanto rir.


 - Deixe-o aí! – disse um dos membros da Ordem, montando em sua vassoura.      


 - Cale a boca, Moody!! – indignou-se Tonks que tentava reanimar Tiago – Vocês irão de garupa, escolha um membro da Ordem e vamos!


            Por fim, com Tiago de volta, todos montaram com um membro, Camila escolheu um que ela achou super simpático. Tiago montou atrás de Tonks. Mariana sentou atrás de um gato: moreno forte, olhos castanho claro, cabelos curtos, porte de mau; Mariana o beijou. Era seu namorado.


 - Preparem-se... VOANDO! – ordenou Tonks


            Todos os membros deram impulso como um só e quatro longas fileiras ergueram–se no ar. Tiago tentava olhar a paisagem, mas os longos cabelos rosa da bruxa batiam em seu rosto como milhares de chicotes. Camila abraçou mais forte a cintura de seu parceiro com medo de cair.                


 - Calma! Assim você amassa meu estômago - disse ele rindo.


 - Desculpe.


 - Tudo bem. Qual seu nome?                                                                                                                               -55-


 - Meu nome é Camila.... E o seu?


 - Remo... Remo Lupin


            Camila quase caiu.


 - Lupin?? É Lupin??- perguntou Camila sem acreditar.


 - Por quê?  Está com medo? Pelo fato de eu ser lobisomem? – perguntou ele receoso


 - Medo? Claro que não!! Eu acho maravilhoso!Ai meu Deus! Eu não acredito que estou sentada, ou melhor, agarrada a Remo Lupin. Isso é muita coisa para uma menina jovem como eu agüentar. – empolgou-se Camila.


 - Obrigado. - respondeu Remo lisonjeado e ligeiramente envergonhado.       


            Yasmin vinha na mesma vassoura de Quim Shackbolt e não conseguia enxergar nada a sua frente com aquela muralha de homem tapando a visão. Continuaram voando até que o Sol da tarde bateu em suas cabeças e os fizeram desejar estar debaixo de uma boa ducha refrescante...Mariana olhou para baixo,viu uma estação de trem vazia e gritou:   


 - Olhem! É a estação de Hogsmead!


 - ME COLOQUEM NA FRENTE, SOU A RESPONSÁVEL POR ESTES GAROTOS!! – Deise gritava no último lugar da fila voadora.


 - VOCÊ NUNCA FOI RESPONSÁVEL, SUA LOIRA FALSA!! – gritou Rogério em resposta.


            Tonks,junto com o resto, aumentou a velocidade para logo chegarem.


 - Vamos ter que descer em frente ao castelo, não poderemos entrar voan... AHHHH!!


            Uma grande “coisa” voadora investiu contra Tonks que desviou tão bruscamente que Tiago deslizou pela parte de trás da vassoura e quase caiu.


 - O que foi isso?! – gritou Tonks assustada.


            Milhares de animais voadores surgiram de uma das nuvens, para uma investida contra o grupo. Camila os encarou, eram centenas ou até milhares de hipogrifos gigantescos, voando contra eles com aqueles bicos ameaçadores e ferozes. Voltas, giros e manobras bruscas. Tiago estava descobrindo a parte ruim de voar enquanto Tonks atirava feitiços contra os hipogrifos.


 - São muitos, não poderemos lutar contra eles! – gritou Mariana, seus lindos cachos balançando contra o vento.


            Um hipogrifo acertou o piloto da vassoura onde Mariana estava e ele caiu. Mariana tomou o controle da vassoura, ergueu sua varinha e fez seu namorado pousar com leveza no chão e disse:


 -Vou descer e entrar em Hogwarts! Já trago ajuda! – e assim Mariana investiu para baixo como se fizesse uma finta de Wronski.


            Tiago olhou para frente. Viu as majestosas torres do castelo de Hogwarts. Por um momento ele soltou Tonks e encarou aquela maravilha. O som e a briga de Tonks pareciam ter sumido, ao menos para ele. Viu, no alto de uma das torres, corujas voando. Porém um hipogrifo investiu com força contra seu braço, rasgando-o e fazendo Tiago se desequilibrar e cair. Preocupada com os animais à sua frente, Tonks nem percebeu o incidente, nem ela, nem ninguém.


            Mariana veio, voando de uma vassoura, de dentro do castelo, seguido de perto por McGonagall e Snape.


 - O feitiço de vôo do castelo foi desfeito! – gritou Minerva – Podem entrar!Será mais fácil conter estas feras lá dentro!


            Tonks de repente percebeu que sua vassoura ficara mais leve e olhou para trás. Percebeu então que Tiago caíra.


 - Vamos! – gritou Mariana.


            Tonks desceu com a vassoura enquanto a batalha no ar continuava agora entrando no castelo. Uma vez dentro de Hogwarts,todos os professores subiram no ar e ,juntos, expulsaram todos aqueles demônios da escola.                                        


 - Vamos recolocar o feitiço de vôo na escola! – gritou Minerva que pousava com leveza nos gramados da escola, junto com todo o resto.


 - Tonks, Tonks, cadê o Tiago? – perguntou Camila ao perceber a ausência dos gritos do amigo por estarem em Hogwarts.


 - Oh, meu Deus! Tonks... Terá ele ficado para trás?! – preocupou-se Minerva


 - Isto não importa. – soou a voz de Snape - Era de se esperar que tivéssemos vítimas. Temos que recolocar o feitiço na escola o mais rápido possível!!


 - Como?O que você disse?  - perguntou Camila indignada.


 - Eu disse que já era esperado haver vítimas, esta... - respondeu Snape vagarosamente, quase friamente.


 - O meu amigo pode ter morrido, ou melhor, um ser humano pode ter morrido e você fala uma coisa dessas? Realmente você é o mesmo infeliz que eu conheci lendo os livros de Harry Potter. – revoltou-se Camila, sem ao menos responder a Snape qual era seu nome.


 - Muito obrigado, mas suas palavras na surtem efeito em mim porque não me importo com elas. – disse Snape antes que Camila pudesse abrir a boca pra retrucar, continuou – A única coisa q agora me importa é restaurar o feitiço de vôo em Hogwarts. Com sua licença. – e saiu pra fazer o que tinha q fazer.


 - Calma, Jhonnatan!! - Falava Yasmin tentando acalmá-lo, porque este estava aos prantos.


 - Olha! – disse Trent cutucando Camila e apontando p/ a direção do lago.


            Era o namorado de Mariana acompanhado de Tiago. Camila e Yasmin saíram correndo para abraçar o amigo, mas Jhonnatan deu um salto e correndo desesperado se agarrou a Tiago, derrubando-o no chão.                                    -56-


 - Eu quase caí no chão agora a pouco e você ainda me derruba? – disse Tiago. Mas Jhonanntan nem ligou, nem ao menos escutou, pois estava ocupado demais beijando e abraçando seu namorado.


 - Pensei que você tivesse morrido!


 - Vaso ruim não quebra fácil. – disse o namorado de Mariana – Eu o vi caindo e lancei um feitiço, simples! Ah, Tonks está vindo logo atrás.


            Tonks entrou voando, sorrindo e acenando. Snape, fingindo não ter visto Tonks, começou a entoar palavras pra restaurar o feitiço no castelo. Tonks de repente se contorceu, Camila, logo percebendo, deu um forte empurrão em Snape, o derrubando.


 - Sua desclassifica! O que pensa?! Sou professor de Hogwarts e ...


 - Ah, cala a boca!


 - Você vai pagar por...


            Porém algo inesperado interrompeu Snape de falar, ou melhor duas coisas: 1- Camila dera um tapa na face de Snape, um tapa para expressar toda sua raiva de quando liam os livros; 2- Um grito sem igual, agudo que fez rapidamente Camila se virar e não perceber que Snape pegara sua varinha. Por fim, Tiago percebera que Minerva McGonagall era Minerva McGonnagall e, com um super grito, correu para abraçá-la.


 - Componha-se, menino! – disse McGonnagall ao mesmo tempo em que Camila sentia algo passar raspando por sua orelha. Snape lhe lançara um feitiço, mas errara por muito pouco.


 - Posso saber o que está havendo? – perguntou Lupin se aproximando ao ver Snape segurar a varinha – Severo...


 - Remo...


 - Posso saber o porquê de estar apontando a varinha para tão bela dama? – Camila corou.


 - Receio que não faça parte do seu trabalho meter o nariz onde não é chamado!


            A atenção de todos se voltou para Tiago que corria para eles, ou melhor...


 - AHHHH!! SNAPE! AHHH!!


            Tiago pulou, porém ainda no ar serviu como alvo de um feitiço lançado pelo próprio Snape, que o fez cair e , com a força que batera com a cabeça, desmaiou.


 - Você... – começou Camila.


            Porém, antes mesmo que Minerva ou qualquer outra pessoa percebesse o acontecido Snape saiu, andando ligeiramente depressa, para os terrenos da escola.


                                                                                              -//-


 


 - Ordem! – dizia Minerva levando todos a seus dormitórios – É isto que s devem ter! Umas duas torres do castelo foram esvaziadas apenas para abrigar pessoas de fora. E aviso: qualquer um que perturbar o andamento normal da escola terá punições severas.


            Minerva parou de frente para uma parede no fim de um corredor escuro.


 - Estão avisados! – e virou-se para a parede – Nicolau Flamel!


            A parede sumiu, como se ela nem existisse antes, e deixou revelar uma escada de pedra circular que levava à uma das torres.


 - Sejam bem-vindos!...          


            O primeiro dia deles pôde não ter sido um dos melhores, é claro, mas todos receberam Mariana com total excitação. Ela já era muito querida. Camila conheceu muitas outras pessoas, uma das que mais gostou foi Amos Diggory; já Yasmin preferiu ter uma longa conversa com Fudge sobre o Ministério e suas falhas, Tiago... Bem este nem vale a pena comentar...                                                          

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo

Menu da Fic

Adicionar Fic aos Favoritos :: Adicionar Autor aos Favoritos

 

_____________________________________________


Comentários: 0

Nenhum comentário para este capítulo!

_____________________________________________

______________________________


Potterish.com / FeB V.4.1 (Ano 17) - Copyright 2002-2022
Contato: clique aqui

Moderadores:



Created by: Júlio e Marcelo

Layout: Carmem Cardoso

Creative Commons Licence
Potterish Content by Marcelo Neves / Potterish.com is licensed under a Creative Commons
Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License.
Based on a work at potterish.com.