FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout  
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
 

(Pesquisar fics e autores/leitores)

 


 

::Menu da Fic::

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo


Capítulo muito poluído com formatação? Tente a versão clean aqui.


______________________________
Visualizando o capítulo:

3. Lição nº1:Um elogio vai bem


Fic: Aulas de Conquista com Draco Malfoy


Fonte: 10 12 14 16 18 20
______________________________

N.A.:UAU...
tem muito tempo que eu nao atualizo né gente?
Mas se vcs soubessem..
vida de pré-vestibulando não é fácil...pois é..estudando muito..pois bem..
decidi..em minhas horinhas vagas..escrever AULAS DE CONQUISTA com Draco Malfoy e nao abandonar a fic!É sério gente,só vou poder um pouquinho de paciencia da parte de vcs!
Inclusive com esse cap que nao ficou lá essas coisas..mas é só o começo..muitas coisas aconteceram nessas aulas e a partir delas!MUAHAHAHAHA

rsrs
 Então é isso pessoal,espero que gostem e perdoem-me a demora!

ps.:Ah...vou editar esse cap e os outros amanha ou depois ta? bjs

A.H





Lição nº1:Um elogio vai bem




Isso é tão ‘não eu’.


Isso ficou meio confuso,mas é isso que está acontecendo dentro da minha cabeça e na minha vida.Uma conversa,se é que se pode chamar aquilo de conversa,de 5 minutos com o Malfoy já embaralhou minha vida inteira!


Talvez essa afirmação seja meio exagerada mas quando na minha vida eu menti para os meninos?E ainda para me encontrar com o Malfoy?


Viu como eu não estava exagerando?


É por isso que agora,faltando cinco minutos para as 20:00 eu estou me dirigindo para a Biblioteca,mas especificamente para a seção de História da Magia.


Mas não para terminar um trabalho de aritmancia como disse muito mentirosamente para Harry e Ron,mas para me encontrar com Draco Malfoy!


Pior,receber aulas de ‘CONQUISTA’ com o sonserino mentalmente deficiente...


Que engraçado,acho que a pessoa com problemas mentais nessa história sou eu.


 


 


 


 


20:03


A Granger está atrasada.


O que é algo bem atípico da personalidade da sabe-tudo irritante,ou seja,esse atraso pode significar 3 coisas:


1.Ela esta atrasada mesmo.


2.Ela me ignorou totalmente e não vai vir.


3.Vou ter que fazer eu mesmo a porcaria dos deveres extras da McGonagall.


Maldição.


Eu paro minha vida,para ajudar aquela sangue-ruim de cabelo armado e ela ainda me dá um bolo.É muita falta de consideração...e ainda to sentado aqui correndo riscos de danar permanentemente meu sistema respiratório.Esse lugar da Biblioteca tem mais poeira que livros,e que  pessoas com certeza...


Ouço um ruído de leve e vejo a Granger andando em minha direção olhando para os lados,provavelmente morrendo de medo que alguém visse a santa Granger com o degenerado Draco Malfoy.Tão ingênua...ainda acha que alguém estuda Historia da Magia sexta a noite...


Ela para a minha frente olhando para todos os lados menos em minha direção.Sinto cheiro de...nervosismo.


Interessante.


-Sabia que viria Sangue-ruim...


Não é exatamente uma mentira...eu no fundo sabia que ela viria.


É verdade!


Dane-se,não te devo satisfações...


-Você é tão convencido Malfoy...


Olhei para ela com as sobrancelhas erguidas e ia responder quando:


-Agradeceria se não me chamasse de sangue-ruim sabe...visto que iremos conviver,ainda que não seja uma decisão espontânea  e aspirada por nenhum de nós,o mínimo de respeito faz-se necessário.


Do que essa garota ta falando?


-Granger,larga essa pompa toda,você não esta falando com o primeiro ministro,ainda que eu seja tão importante quando e certamente com a qualidade de ser infinitamente bonito...


Ela revirou os olhos,bufou e sentou-se a minha frente.


-Será que podemos começar?


-AHHHH,o que estou vendo aqui?Granger ansiosa pelas minhas aulas de conquista?


-Ansiosa pra ver-se longe de sua presença desagradável.


-Tão espirituosa,lição numero 1:Homens não gostam de garotas engraçadinhas...


-Malfoy...


-Não,sério!Que homem gosta de garotas que desdenham sobre tudo que ele fala,o coloca para baixo,o faz sentir inferior?E acredite,o Weasley já tem muitos motivos para se sentir inferior sem você para ajudar...


Não é que a Granger esta mesmo levando a sério o que eu to falando?Ela esta com aquela expressão engraçada de concentração,como se estivesse se esforçando muito.


Hilário.


-Você está sugerindo que eu não posso ser eu mesma com os garotos?


-Granger,no seu caso,com certeza!Se possível,fazer um transplante de personalidade...e de aparência também não seria nada mal...


Se olhar matasse eu estaria morto agora mesmo.


-Voce esta esquecendo quem vai fazer seu dever de casa?


-Voce esta esquecendo quem vai te ajudar a conquistar o pobretão?


Eca,que nojo...


-Esta bem Malfoy...o que você sugere?


Uau,isso foi mais fácil que eu esperava...


-Sobre o transplante de aparência...CALMINHA,É BRINCADEIRA,eu sugiro que você comece fazendo alguns elogios sabe,inflando o ego inexistente dele,porque coitado,a auto estima dele deve ser muito baixa sabe,e com motivo...


-Para sua informação Malfoy,o Ron é simplesmente o menino mais doce que poderia existir!Ele é gentil,quando tem que ser,engraçado,você nunca consegue ficar triste perto dele,porque ele É alegria e traz alegria as pessoas!Ele é inteligente,mesmo que não acredite muito...e a auto-estima dele pode até ser baixa,mas é porque ele tem um coração bom demais para se achar melhor,superior que qualquer um.Enfim,qualidades que você certamente não possui e que o faz um bruxo  e PESSOA muito melhor do que você jamais poderia ser.


Com isso ela se levantou,pegou meus pergaminhos de dever extra e  disse:


-Acho que eu fico com isso.Boa noite Malfoy...até amanha.


Saiu a passos largos da biblioteca e me deixou aqui.


Imaginando como seria ter alguém que pensasse assim de mim.


 


 


O Malfoy é tão,mas tão idiota!


Como alguém pode falar tantas asneiras seguidas?Não existe sei lá,um limite de idiotices por segundo?Deveria ter...


Porém,tem uma coisa,uma coisinha que ele disse que realmente faz sentido...(se você disser que eu disse isso para alguém,já sabe o esquema né?NEGO ATÉ A MORTE)


Talvez,só talvez,eu nunca tenha ajudado muito na construção da alta estima do Ron,sabe como é,eu posso ter na minha tentativa de ajuda-lo com criticas construtivas,contribuído com essa montanha de insegurança que é Ronald Weasley.


E talvez,só talvez esteja na hora de mudar isso...


Ta que eu ainda não sei como fazer isso,quis fazer uma saída triunfal com fala digna de Hollywood e esqueci de perguntar pro Malfoy como devo agir sobre a ‘lição numero 1’.


Vou ter que improvisar...


Só não esperava que fosse agora,porque sentando no sofá perto da lareira,meio cochilando estava ele,Ron.


Taquicardia,suor nas mãos,bochechas vermelhas e pensamentos a mil.


Sintomas da presença de Ronald Weasley em Hermione Granger.


E ele está apenas dormindo.Sua ridícula...


Me aproximo dele,pensando se o acordo ou não.Acho melhor sim,afinal se ele passar a noite nessa posição amanha ele sentirá MUITA dor no pescoço...


Mal toco seu ombro ele dá um pulo,quase como se sentisse minha presença, e eu dou um pulo também,batendo meu cotovelo no rosto dele.


-AI!


AI MEU MERLIM!


-Ron,me desculpe,eu te machuquei?


-Não,só acho que deslocou minha mandíbula e talvez quebrado um ou dois dentes...


Rá.


Os meninos podem ser espirituosos e eu não né?


-Engraçado Ron,deixe-me ver isso...


Me aproximo e analiso de perto o bonito(pelo menos pra mim né,sou suspeita)rosto de Ronald Weasley,agora com uma incrivel marca vermelha.


-Como sou desastrada.,quer que eu cuide disso?


-Não Mione...-agora ela esta dando um meio sorriso-Eu estava só brincando,na verdade estava só esperando você chegar para dormir...


Ele estava me esperando,que fofo!O Ron é realmente uma graça!Por que reclamo tanto dele afinal?


Ele se espreguiçou e foi se levantando,me deu umas palmadinhas na cabeça(que romântico Ronald,sempre sonho a noite com palmadinhas suas na cabeça) e dirigiu-se as escadas rumo a seu dormitório.


MERLIM!Tenho que aproveitar a oportunidade e fazer um elogio a ele não tenho?Que foi mesmo que o Malfoy disse sobre inflar o ego ou algo assim?


Elogios,elogios,elogios...o que eu falo?


-RON!


Não preciso dizer que meu chamamento foi provavelmente um pouco mais alto e agudo do que a etiqueta manda não é mesmo?Mas pelo menos ele parou de subir as escadas...


-Que foi Mione?


Ele me olhou com aquelas orbes tremendamente azuis e que parecem me deixar meio anestesiada as vezes,e eu disse meu gaguejando.


-Eh...você..tem mandíbulas proeminentes.


Ele me olhou por meio segundo como se eu fosse justamente o que eu sou.


Uma retardada mental.


-Er,obrigado,acho.


E continuou subindo as escadas.


E o premio de idiotices a horas indevidas vai para HERMIONE GRANGER.


Tantos elogios a ser fazer...olhos,cabelo...


Ele vai achar que eu sou a tarada da mandíbula.


E que me ‘excito’ deslocando-as.


Droga.


 


 

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo

Menu da Fic

Adicionar Fic aos Favoritos :: Adicionar Autor aos Favoritos

 

_____________________________________________


Comentários: 0

Nenhum comentário para este capítulo!

_____________________________________________

______________________________


Potterish.com / FeB V.4.1 (Ano 17) - Copyright 2002-2022
Contato: clique aqui

Moderadores:



Created by: Júlio e Marcelo

Layout: Carmem Cardoso

Creative Commons Licence
Potterish Content by Marcelo Neves / Potterish.com is licensed under a Creative Commons
Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License.
Based on a work at potterish.com.