FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout  
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
 

(Pesquisar fics e autores/leitores)

 


 

::Menu da Fic::

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo


Capítulo muito poluído com formatação? Tente a versão clean aqui.


______________________________
Visualizando o capítulo:

4. Doce Horcrux - Femme G/L


Fic: Projeto Cartas - Envie sua carta


Fonte: 10 12 14 16 18 20
______________________________




Autor:
Miss Granger


Título: Doce Horcrux


Shipper: Gina/Harry, Gina/Luna


Resumo: Carta de um amor, quase, impossível


 


Doce Horcrux, por Luna Lovegood


 



“Doce,
Tudo começou no dia em que te vi. Foi estranho. Ninguém nunca havia chamado tanto a minha atenção. Meu mundo era totalmente suficiente para mim, e de repente surgiu você. Os espaços vazios da minha mente foram preenchidos pelo seu sorriso, pela sua voz.
Fiquei observando você conversar com as pessoas. Fiquei ouvindo. Você parecia diferente de tudo que eu conhecia, era inesperada, era única. Eu comecei a gastar meu tempo em conseguir ficar perto de você. Qualquer desculpa para me aproximar. E o mais incrível, você parecia querer passar tempo comigo! E então começou a agonia.
Nas aulas em que eu não partilhava com você, eu me contorcia com cada movimento do ponteiro do relógio. As noites no dormitório pareciam intermináveis. E quanto mais eu ficava perto de você mais essa sensação aumentava. E então percebi. Era você. Tudo aquilo do qual eu debochava, tudo que eu achava idiota, existia. O amor existia. E um amor daqueles só existiria uma vez.
Esse conhecimento não me tornou cautelosa, não mesmo. Eu me atirei de cabeça. Eu sabia que você não seria minha. Seu coração era de outro. Você era de outro. Mas eu não me importei. Por que eu sabia que uma parte do seu amor era meu. Você me garantiu isso e eu acreditei.
Enquanto estava perto de você eu estava bem, eu estava ótima. Longe, bem...longe era outra história. Eu sofri. Mas eu não me importei. Uma parte de você era minha. É minha. Estou certa, doce? Sei que sim. Te amei mais do que tudo, mais do que todos, mais do que o Harry. Duvido até mesmo que a sua mãe te ame mais do que eu. Eu sei, modéstia nunca foi uma das minhas qualidades.
E então veio aquele beijo. Eu não esperava, doce. Eu juro. Nenhuma parte do meu ser esperava por aquilo. Foi o melhor presente do mundo. Foi incrível. Mas eu sabia, sabia que você não seria minha. Outros beijos vieram e a certeza: eu nunca teria você por completo. Mas do que eu reclamaria? Eu tinha sua voz, seus olhos, seu cheiro, sua personalidade e, ocasionalmente, seus lábios. Era mais do que eu poderia esperar.
Eu não estou escrevendo isso para que você entenda o quanto eu te amo, você sabe o quanto eu te amo. Estou escrevendo isso para te dizer que isso nunca vai mudar.
Hogwarts acabou. E se meus planos deram certo, como sempre dão, você estará lendo isso em uma cabine do Expresso. Eu fui antes, eu não queria ter toda essa viagem de sensações estranhas, eu fui de pó-de-flu. Desculpe não avisar. Mas eu não quero me despedir disso, de você, dessa época, dos meus sentimentos, nem por um dia. Mesmo sabendo que a verei em breve. Não poderia dizer: “Até semana que vem.”
Eu imagino que você se casará com o Harry um dia. E tenho certeza de que ele será um bom marido. E eu ficarei feliz em ver você com seus filhos, suas vidas.
Mas uma parte da sua alma está em mim. Contida em mim. Eu a roubei naquele primeiro beijo. Eu também abandonei uma parte da minha naquele dia, e espero que você tenha pego. Você é minha Horcrux, e como toda horcrux essa também teve um preço. Eu morri um pouquinho naquele dia, mas foi um pouquinho só. Por que você sorriu daquele jeito enviesado e ninguém morre depois de ver aquilo.
Sinto te informar, doce, que eu sempre (um sempre eternamente) estarei com você. Mesmo depois de morta, pois minha alma jaz em você. Espero que isso não lhe incomode, mas se incomodar, eu sinto muito, não posso evitar.


Sorria quando terminar de ler, onde estiver eu vou saber.


Com todo amor que alguém pode conceber,

Luna Lovegood

PS: Suba a minha colina. De preferência todos os dias. Deixe a janela aberta. E a porta também.”

Gina continuou mirando o papel por alguns segundos antes de sorrir. Colocou as pernas para cima do banco e se recostou ainda sorrindo. Harry entrou logo.
– Um sorriso lindo desse, só pode ser desmanchado com um beijo. – disse ele dando um beijo breve nela. – Estava pensando, na próxima sexta-feira nós poderíamos ir ao Beco Diagonal, dizem que está cada vez melhor com as novas lojas.
– Hum... poderia ser na segunda-feira? – perguntou Gina.
– Acho que sim, por que? – ele sentou-se e ela deitou a cabeça no seu colo.
– Sexta-feira eu estava pensando em ver a Luna, fazer uma visita. – respondeu Gina.
– Ok. – Harry sorriu – Sem problemas. Chame Luna para ir ao Beco conosco acho que ela vai gostar.
– Ótima idéia. – disse Gina sorrindo. No bolso da camisa a carta de Luna era como um ponto de calor. Como a pele dela.

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo

Menu da Fic

Adicionar Fic aos Favoritos :: Adicionar Autor aos Favoritos

 

_____________________________________________


Comentários: 4

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por Bells Black em 06/11/2011

A Gina pra mim é fogo puro (e não só no sentido safajhenho da coisa), o tipo de pessoa que não consegue sossegar. Tipo uma ariana com ascendente em aquario ou algo assim. Já a Luna... bem, é a Luna. Não consigo ver essa relação dando certo IUEHIUEH Mas o incrível é que as shorts com o casal são as melhores. Sempre. INCRÍVEL ISSO. Como essa.

Nota: 1

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por MiSyroff em 31/10/2011

Bells sempre do contra...

ahushaushuahsu

Gina/Luna ever *-*

Nota: 5

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por Bells Black em 31/10/2011

Já eu detesto Ginny/Luna UHSUHSAU Eu amo a Luna, mas pra mim ela é assexuada. De qualquer forma, que linda coisa com horcruxes *-*

Nota: 1

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por Lai Prince Slytherin em 28/10/2011

ginny/luna é épico né. na moral, elas foram feitas uma pra outra *o* e acho q a luna seria bem assim, ela ia compreender tudo.

só não imagino ela não acreditando em amor. porq ela acredita em tanta coisa besta AEUHAEUEHAEUHEAUH

Nota: 1

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

_____________________________________________

______________________________


Potterish.com / FeB V.4.1 (Ano 17) - Copyright 2002-2021
Contato: clique aqui

Moderadores:



Created by: Júlio e Marcelo

Layout: Carmem Cardoso

Creative Commons Licence
Potterish Content by Marcelo Neves / Potterish.com is licensed under a Creative Commons
Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License.
Based on a work at potterish.com.