FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout  
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
 

(Pesquisar fics e autores/leitores)

 


 

::Menu da Fic::

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo


Capítulo muito poluído com formatação? Tente a versão clean aqui.


______________________________
Visualizando o capítulo:

2. Bilhetinhos....


Fic: Te amo Potter... do jeitinho que você é.... NOVO CAPITULO


Fonte: 10 12 14 16 18 20
______________________________

Mais uma aula de História da Magia estava decorrendo. Pra variar, Pedro estava dormindo, Remo tirava notas e Thiago e Sirius tentavam meter conversa com as garotas.
- E aí, Liz…
- Eliza pra você… já lhe falei um montão de vezes, Sirius…
- Ah, mas sabe como eu sou…
- É… sei… metido a besta, mesmo…
- Pô, não precisa ofender… - disse Sirius, com cara de cachorro abandonado.
- Ô Sirius… sabia que você parece mesmo um cachorrinho?
Ele olhou para Thiago. Será que ela sabia que…?
- Mas é só impressão mesmo… cachorro é fofo, querido… você nem isso…
- Se você me deixasse, eu poderia mostrar pra você o quão fofo eu sou… - disse ele, dando um selinho nela.
- Hey… poucas intimidades… - disse Eliza, tentando prender o riso quando ele se virou pra frente, meio emburrado.
Thiago tentava, agora, falar com Lilian.
- Então, meu anjo ruivo?
- Cala a boca, Potter…
- Quer sair comigo?
- Larga do meu pé, Potter. Já disse que não! – disse Lilian, com uma cara meio irritada, meio impaciente.
- Sabia que você fica linda quando tá irritada?
“Pronto… 3,2,1… já…” pensou Eliza.
- POTTER! EU TOU TENTANDO TIRAR NOTAS! SERÁ QUE VOCÊ NÃO SABE QUANDO FECHAR A MATRACA E ME DEIXAR EM PAZ? QUE SACO!!!!
Toda a gente na aula ficou olhando pra ela, até o professor.
- Srta. Evans, por favor, moderação. Mais uma dessas e retiro pontos à Granfinória e levará uma detenção, ouviu bem?
- Sim, professor… - disse Lilian muito corada, olhando de seguida para Thiago, com um olhar de “Eu te odeio mesmo”, ao que Thiago respondeu, mandando um beijinho pra ela.

(N/A: agora vamos ler os bilhetinhos que eles passaram entre si. Como eu não sei como por negrito e itálico nessa porcaria (hehe), escrevo o nome das personagens pra vocês entenderem, ta? Ah, um favor, me ensina a por isso de negrito e itálico!!!! (autora de joelhos, mãos pregadas, implorando)).

Eliza – “Ah, Lily… como você fica linda quando tá brava…”
Lilian – “Ah, Liz… nem vem… ele me tira completamente do sério… céus, como eu odeio esse garoto!...”
Eliza – “Você sabia que o ódio é uma forma de amar? São sentimentos ,muito próximos, viu? (risadinha)”
Lilian – “VOCÊ TÁ DOIDA? Se eu pudesse, eu matava esse garoto com minhas próprias mãos, só pra poder ter o gostinho de ver ele sofrendo”
Eliza – “É sei… não quererá dizer pra ter o gostinho de tocar nele? É que não sei se você notou, mas o Thiago tem um corpão…”
Lilian – “É, até que ele é bom… mas que nada! É um galinha, um arrogante, um esnobe, com a mania que tem de passar a mão nos cabelos, pensando que é importante porque é um Maroto e é apanhador e…”
Eliza – “Ta, ta… já entendi… não precisa mais enumerar as “qualidades” dele, ta? Hey, Lily… você já reparou na Aninha?”
Lilian – “Meu Deus… ela tá vidrada no Remo…”
Eliza – “Você acredita que ela tava com ciúmes de vocês dois, hoje?”
Lilian – “Não diga… sério?”
Eliza – “Sério… mas me diga, o que vocês tavam rindo? (cara curiosa)”
Lilian – “Acho que você não vai querer saber, Liz…”
Eliza – “Ah, me conta, vai… conta…”
Lilian – “Já que insiste… ele tava me contando como acha que você e o Sirius fazem um lindo casalzinho…”
Eliza – “Ahahah… tirou o dia pra me zoar, foi?”
Lilian – “Você insistiu… (piscando o olho)”
Eliza – “O que é que você acha de falar com os garotos pra juntar aqueles dois?”
Lilian – “Você sabe como eles são… não conseguem fazer nada… mas podemos tentar…”
Eliza – “Hey, Thiago… vocês dois…”
Thiago – “Sim, Liz?”
Eliza – “Vocês sabem se o Remo tá sozinho?”
Thiago – “Ué… nós tamo aqui, não tamo?”
Lilian – “Ah Potter… deixa de ser idiota…”
Thiago – “Também te amo, minha ruivinha!”
Lilian – “EU TE ODEIO, POTTER!!”
Eliza – “Gente, podem parar? Nós queremos saber se o Remo tá namorando ou ficando com alguém…”
Thiago – “Ah, não… ele tá interessado numa garota, mas…”
Eliza – “Não me diga que é a Anna?”
Thiago – “Como você sabe?”
Eliza – “Digamos que sou muito boa observadora… (piscando o olho)”
Sirius – “Sabe Liz, eu também tou sozinho…”
Eliza – “E eu com isso, Black…”
Sirius – “Porque você não me chama outro nome, Liz?”
Eliza – “Sim, pode ser… que tal… galinha, arrogante, metido, abusado…”
Sirius – “Tava pensando em querido, meu amor, gatinho… não, gatinho não…”
Eliza – “(gargalhando) Sei… fica melhor cachorrinho, ne?”
Sirius – “Se você quiser, posso ser o ‘seu’ cachorrinho… (olhar malicioso)”
Lilian – “Gente… por favor… estamos nos esquecendo do verdadeiro assunto…”
Thiago – “Sim… o de você ir comigo no próximo fim de semana a Hogsmeade”
Lilian – “É… e de seguida você bateu com a cabeça e acordou, ne? Pára de ser chato, eu não saio com você nem que me pagassem uma fortuna!”
Sirius – “Ah, Lilian, sai comigo vai…”
Lilian – “Sirius Black, pára de querer imitar a letra do Potter, ta?”
Thiago – “Você já conhece minha letra? Temos um avanço, meu lírio?”
Lilian – “Não adianta, mesmo… ele vai-me perseguir por resto da minha vida…”
Eliza – “Ô gente… o que nós, eu e a Lilian, tamos querendo dizer é que devíamos juntar os dois ‘pombinhos’”
Thiago – “Claro, mas temos de combinar melhor esse troço, porque a aula tá terminando. Só mais uma coisinha… Lily, você quer sair comigo?”
Lilian – “JÁ DISSE UM MILHÃO DE VEZES E TORNO A REPETIR MAIS UM MILHÃO PRA ESSE SEU CÉREBRO DE ERVILHA PROCESSAR O QUE EU TO DIZENDO: NEM MORTA, ENTERRADA OU SOBRE O EFEITO DE UMA MALDIÇÃO!....”

Lilian enfeitiçou o bilhete pra que ele ficasse em chamas quando Thiago acabasse de ler.
- É, Pontas – disse Sirius, pousando a mão no ombro do amigo – ela, ‘realmente’, te ama…






pronto... mais um pouco...
mas voces ainda n m disseram s ta indo bem, mal...
por favor.... me diz, vai!!!!
se sincero... mas n exagera, e minha 1ª fic!!!!
beijux grandex!!!

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo

Menu da Fic

Adicionar Fic aos Favoritos :: Adicionar Autor aos Favoritos

 

_____________________________________________


Comentários: 0

Nenhum comentário para este capítulo!

_____________________________________________

______________________________


Potterish.com / FeB V.4.1 (Ano 17) - Copyright 2002-2022
Contato: clique aqui

Moderadores:



Created by: Júlio e Marcelo

Layout: Carmem Cardoso

Creative Commons Licence
Potterish Content by Marcelo Neves / Potterish.com is licensed under a Creative Commons
Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License.
Based on a work at potterish.com.