FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout  
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
 

(Pesquisar fics e autores/leitores)

 


 

::Menu da Fic::

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo


Capítulo muito poluído com formatação? Tente a versão clean aqui.


______________________________
Visualizando o capítulo:

6. "O que você fez com ela?!"


Fic: Sempre haverá um amanhã


Fonte: 10 12 14 16 18 20
______________________________

N/A Muito obg pelos comentários. E atendendo eles, eu vou tentar fazer este capítulo maior. ^^

Capítulo 6



“ O que você fez com ela?!”





Luna acordou duas horas depois na Ala hospitalar, no início ela não se lembrou do que aconteceu, mas depois ela se recordou Cho a havia estuporado, mas mesmo assim ela não sabia como veio parar na Ala Hospitalar, deitada em uma cama quente e aconchegante.
Passando um tempo ali, deitada, ela recordou a briga e como Cedrico havia tomado partido de Cho, mas o que ela queria? Que ele a defendesse? Afinal Cho era a namorada dele e nada mais justo do que defender ela. Luna ficou muito triste de repente, Harry nunca a defendeu em briga nenhuma, mas o que ela estava fazendo? Comparando Harry com Cedrico. Mas isso não é certo! Falou uma voz dentro dela, você e Cedrico são apenas amigos, entendeu amigos!Ela foi despertada do transe por madame Pomfrey que vinha ao encontro da sua cama com uma caneca de poção:

-Ah! Senhorita Lovegood, que bom que você acordou! –falou ela animadamente.

-Hum, madame Pomfrey?-perguntou Luna incerta, queria saber como ela veio parar ali.

-Sim, querida?

-Como eu vim parar aqui? Quero dizer quem me trouxe até aqui?

-Ah! O senhor Diggory a trouxe até aqui, disse que você havia sida estuporada por alguém que ele não vira, e ficou um bom tempo do seu lado e saiu a mais ou menos meia hora atrás. Um bom garoto, o Diggory.

-Sim, sim, claro!- Luna se apressou a concordar, mas seus pensamentos estavam longe dali, porque Cedrico não dissera que fora Cho que a havia estuporado? Claro que ele não queria ver a sua namorada em encrenca e a protegeu novamente, pensou Luna com raiva, sem saber ao certo o que a aborrecia neste pensamento.

-Lovegood se você tomar esta poção, você já vai poder sair. -falou madame Pomfrey e estendeu para ela a caneca que estava recheada por uma poção verde-musgo e o cheiro lembrava muito o cheiro de peixe estragado.

-Ah! Sim, certo, obrigada!-falou Luna e tomou a poção ( que para o cheiro ruim que tinha estava até agradável).

-Hum, madame, posso sair?-perguntou Luna, ela precisava falar com Cedrico.
-Sim,claro querida claro!-falou madame Pomfrey.

-Muito obrigada novamente, madame Pomfrey!-falou Luna e saiu da enfermaria a fim de achar Cedrico e tirar esta história a limpo.

Enquanto ela o procurava ( era horário de jantar) pensava em como Cedrico era diferente de Harry, ele a ajudou quando ela mais precisava de um ombro amigo e ainda a ajudou quando a própria estava estuporada, para completar ainda ficara uma hora e meia na enfermaria ao seu lado, enquanto Harry nem apareceu para vê-la. Esse último pensamento deixou Luna decepcionada, porque em Hogwarts as paredes tinham ouvidos, isso significa que a escola inteira já deveria saber que Luna havia sido estuporada e mesmo assim, Harry não foi nem ao menos procura-la para saber se estava bem...
Entretida em seus pensamentos, Luna não prestou atenção aonde ela ia e quando se deu conta, ela estava no sétimo andar, de costas para uma porta que se abria lentamente.
De repente Luna sentiu um puxão em seu braço, isto doeu e ela gritou, mas seu grito foi abafado por uma mão que calava a sua boca. Devagar Luna foi puxada á força para dentro da sala... ______________________________________________________________________

Cedrico estava muito preocupado, Luna já havia saído á uma hora e meia da Ala hospitalar e ele ainda não a vira em lugar algum, isso o deixava nervoso. Na verdade, deste que ele recebera a carta de Malfoy, quando Luna sumia por um tempo já era motivo para desespero, afinal Malfoy poderia fazer algo contra ela e ele iria se sentir culpado.
Movido por este pensamento ele foi até o sétimo andar e, sem perceber, parou em frente á uma parede e começou a andar para lá e para cá. Ele fez isto sete vezes seguidas pensando fortemente em um lugar aonde Luna poderia estar a essa hora (era de noite e o jantar já havia terminado há muito tempo).
Ele levou um tremendo susto quando uma porta se materializou na sua frente, mas não pensou duas vezes e entrou no aposento em sua frente que era escuro e úmido, para Cedrico parecia uma Masmorra.
No fundo da sala havia correntes e presa a elas havia uma silhueta de uma garota visivelmente adormecida, que aparentava ter uns 14 anos e cabelos loiros caindo á altura da cintura. Mas não poderia ser ela, não naquele lugar, que brincadeira era essa? Perguntou se Cedrico enquanto se aproximava de uma Luna exausta e adormecida, parecia que cada respiração dela a deixava fraca, parecia que ela havia se machucado, e, de fato, ela tinha um enorme corte que vinha da altura do umbigo, passava pelo seu colo e terminava em seu ombro direito.

-Eu imaginei que você iria vim, Diggory. -falou uma voz asquerosa que vinha por detrás de Cedrico, este se virou rapidamente e fechou o punho em sua varinha, não precisava da confirmação, sabia que quem estava tentando atacar ele por trás era...

-Malfoy-sussurrou Cedrico, embora com bastante ironia e total desprezo.

-Sim, como vê eu estou aqui, e sabe, tudo isto é culpa sua!

-Minha?! Ora seu... -Cedrico empunhou a varinha para Malfoy, mas este foi mais rápido e um momento depois, Cedrico estava imóvel no chão, sob o efeito de uma “petrificus totalus!” bem rígida e forte de Malfoy.

-É Diggory, sua... -falou Malfoy calmamente como se não estivesse ouvido interrompimento-você poderia ter resolvido isso logo, me pagando o que você me deve. Mas não, você preferiu ir pelo modo mais difícil. Cá estou eu, agora me dê o ouro!-ordenou Malfoy e Cedrico não se mecheu, mas se lembrou que havia pegado o dinheiro emprestado de um de seus amigos para realmente pagar a Malfoy e acabar com o perigo que rondava Luna. Mas agora ele havia passado dos limites, Luna estava muito mal e precisava de atendimento médico logo! Cedrico percebeu que o feitiço estava se esgotando e colocou a mão dentro das vestes procurando o ouro. Malfoy, por sua vez acompanhou Cedrico com o olhar e compreendeu o que ele queria dizer.

-É assim que se faz as coisas Diggory, Accio ouro!-ordenou Malfoy e o ouro de Cedrico voou de sua mãe para a mão estendida de Malfoy.

-Muito bem Diggory agora... -mas foi interrompido por um jato de luz vermelha que jorrou da varinha de Cedrico ele estava em pé novamente, o efeito do feitiço passara.
Malfoy foi jogado para o outro lado da sala e bateu a cabeça com força contra a parede. Logo depois Cedrico voou em cima dele e o chocou contra a parede:

-Me diga o que você fez com ela!- gritou Cedrico descontrolado e apontou para Luna que ainda estava inconsciente.

-Ah! Ela?-falou ironicamente Draco, como ele conseguia ser arrogante em uma hora dessas?-pois é Diggory, a gente se divertiu muito sabe... - mas foi interrompido desta vez por um soco de Cedrico que acertou bem no meio do seu rosto. Malfoy riu mais ainda, ele estava se divertindo?Achava a situação engraçada?

-Ora, Diggory, você não iria querer que eu a decepcionasse? Se eu disse a você exatamente o que poderia acontecer com ela se você não me pagasse?Mas bem, depois de um tempo ela resistiu a “imperius” e se negava de “brincar” aí eu fiquei realmente chateado-Malfoy fez uma falsa cara de aborrecimento e ironia e continuou-ela até sabe duelar bem, sabia Diggory? Quase acabou comigo, mas então eu “puf!” acabei com ela primeiro!

-Você, você não?! Ela não está?!-perguntou Cedrico confuso e afrouxou o braço de Draco para olhar para Luna agora ofegante ela parecia despertar de um pesadelo muito devagar.

-Não Diggory ela não está morta, e nem vai se lembrar do que aconteceu aqui hoje, mas você vai!- e com estas palavras ele se desvencilhou do aperto de Cedrico e no momento seguinte, a varinha de Cedrico estava fora do seu alcance.

Cedrico tentou chegar a sua varinha, mas Draco o impediu:

-Você quer mesmo saber o que eu fiz com ela Diggory?-Cedrico olhou para Luna ela estava respirando, mas não parecia ser mais que um ofegar e ela ameaçava desmaiar de novo, desta vez, Cedrico não soubera dizer se ela iria acordar de novo. Depois seu olhar recaiu sobre Malfoy que estava em sua frente com a varinha diretamente em seu peito a próxima coisa que ele ouviu foi uma fórmula mágica dita por Malfoy, seguida por uma dor muito forte, parecia que o seu corpo iria rachar no meio, lágrimas de dor marejaram do seu olhar. Ele arriscou uma olhada rápida para o lugar na camisa que por debaixo abrigava o seu umbigo, as vestes estavam rasgadas e sangue brotava de sua pele cortada o corte crescia e já passava pelo seu peito quando ele sentiu uma tonteira enorme viu a sala, Luna caída no chão e Malfoy que saía da sala gargalhando pelo corredor girarem em seguida tudo apagou...

Continua...

N/A: Gente me perdoem por fazer isto com os dois, mas foi preciso^^. Queria que vcs comentassem e q votassem na minha fic  E, por favor, tenham paciência que as minhas aulas recomeçaram então fica difícil para escrever... Mas o próximo capítulo acho q vai sair de hj para o Domingo deste final de semana^^
Adoro vcs e comentem e critiquem esse capítulo não ficou grande pq eu queria deixar o suspense: E agora? O que vai acontecer: Esperem o próximo capítulo e vcs verão!
Tchau e b-jus

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo

Menu da Fic

Adicionar Fic aos Favoritos :: Adicionar Autor aos Favoritos

 

_____________________________________________


Comentários: 0

Nenhum comentário para este capítulo!

_____________________________________________

______________________________


Potterish.com / FeB V.4.1 (Ano 17) - Copyright 2002-2022
Contato: clique aqui

Moderadores:



Created by: Júlio e Marcelo

Layout: Carmem Cardoso

Creative Commons Licence
Potterish Content by Marcelo Neves / Potterish.com is licensed under a Creative Commons
Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License.
Based on a work at potterish.com.