FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout  
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
 

(Pesquisar fics e autores/leitores)

 


 

::Menu da Fic::

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo


Capítulo muito poluído com formatação? Tente a versão clean aqui.


______________________________
Visualizando o capítulo:

16. Capítulo XVI


Fic: Depois daquele baile ..


Fonte: 10 12 14 16 18 20
______________________________

A tarde de sábado transbordava beleza. Era outono. As folhas caiam de forma que pareciam que era combinada. Hermione leva as rosas, poucas, porém belas, até o túmulo. Ao chegar lá, viu os detalhes dourados e belos do epitáfio:

Ronald Bilius Weasley
Um belo rapaz que por fim encontrou a felicidade
Sendo marido, pai e avô...
Como não partir feliz depois de tudo isso?
01/03/ 1990
† 26/10/2047

Toda vez Hermione soltava um riso quando lia o epitáfio. Foi o próprio Rony, que aos 57 anos de idade, quando ainda estava no hospital falou isso a ela antes de morrer. Apesar de estar com 70 anos, Hermione se lembra de cada detalhe que viveu nessa vida que esteve ao lado do Rony.
Pediu a cadeira pra ela sentar em frente ao epitáfio. Toda vez fazia o mesmo ritual. Com o tempo, ela se acostumou com o fato de está lá pra conversar com aquele que durante muito tempo, foi seu companheiro no mundo terrestre e que é agora celestialmente:

- Engraçado que hoje de manhã, nossa neta Helena, achou nosso álbum de casamento. Desculpe pelo desleixo, amor, mas eu tava dado como perdido depois que nos mudamos. Ela perguntou como você era... Por incrível que pareça, veio em minha mente tudo que nós passamos juntos, desde primeiro dia que pisarmos em Hogwarts.

"When I first saw you,
(Quando eu vi você pela primeira vez)
I already knew
(Eu já sabia)
There was something, inside of you
(Houve algo, dentro de você).
Something I thought that I would never find
(Algo que eu pensei que nunca encontraria)
Angel of Mine
(Anjo meu)"

Éramos crianças. Porém naquela época já sabíamos o significado da palavra lealdade, principalmente porque tínhamos Harry em nossa vida como amigo. Quantos perigos nós passamos juntos. Enfrentamos tantas batalhas que jamais outros bruxos terão. Mas no momento não gostaria de falar das aventuras que nós tivermos. E sim, das nossas batalhas que, no inconsciente, era mais forte do que as lutas que tivermos com os Comensais da Morte.

"I looked at you, looking at me
(Eu olhei pra você, olhando pra mim)
Now I know why they say the best things are free
(Agora eu sei por que eles dizem que as melhores coisas são gratuitas)
I'm gonna love you boy, you are so fine.
(Estou indo te amar menino, você é tão perfeito)
Angel of mine
(Anjo meu)"

À medida que fomos crescendo, sentimentos confusos apareceram em nossa mente. Tanto para você que havia certa dedução ao meu respeito, me achando estranha, mandona e até chata. E eu achava você muito criança, bobalhão, e às vezes, muito ingênuo para entender as coisas. Toda a vida foi criada um modelo, principalmente nos sonhos de cada adolescente que, um namorado tinha que ser aquele belo inteligente e que cumpra todas as exigências que uma garota quer.

"How you changed my world
(Como você modificou o meu mundo)
You'll never know
(Você nunca saberá)
I'm different now
(Eu sou diferente agora)
You helped me grow
(Você me ajudou a crescer)"

Como fui boba! Logo, eu que aprendia tanta coisa nos livros, não poderia enxergar e perceber que a vida não era um conto de fadas que toda menina deseja. Mas depois, posso dizer que, isso realmente mesmo que eu quisesse, jamais encontraria em livro algum. E sim no decorrer da minha vida, perceberia isso. O amor não molda em uma argila o formato que a gente quer e sim o formato que a gente precisa. Confesso que você não era o modelo de namorado que queria e sim que eu precisava. Fui perceber isso pouco tempo depois.

"You came into my life,
(Você entrou na minha vida)
Sent from above
(Enviado de cima)
When I lost all hope
(Quando perdi toda a esperança)
You showed me love
(Você me mostrou o amor)
I'm checkin' for you boy, you're right on time.
(Eu percebi garoto, você é o certo nessa hora).
Angel of mine
(Anjo meu)"

E como demorou esse tempo. E ainda com muitas brigas e desentendimentos. Como foi uma boba de deixá-lo sozinho esse tempo todo. Imagino por quanto tempo você precisava de mim. Quantas vezes você chorou por minha causa, achando que eu não importava com sua pessoa. E como agia de forma imatura. Achava que, se te tratasse do jeito que eu queria (e você também queria) você iria perceber alguma coisa. Tinha medo de assumir que gostava de você de um jeito a mais achando que você não seria o modelo que eu achava que era.

"Nothing means more to me than what we share
(Nada importa mais para mim do que o que compartilhamos)
No one in this whole world can ever compare
(Ninguém neste mundo inteiro pode se comparar)
Last night the way you moved,
(Na noite passada, o caminho, você moveu)
You're still on my mind
(Você ainda está em minha mente)
Angel of Mine
(Anjo meu)"

O beijo. O primeiro beijo de nós dois. Foi aí que percebi a filosofia do amor ao moldar a argila. Era o que precisava, necessitava. Era realmente o que queria. Tanto que nossos corpos reagiram de forma espontânea, sabendo que, aquele oposto era o que completava. Ambos os corpos tinham uma sincronia perfeita quando estávamos juntos. Parecia uma magia sem necessitar de nada. Nem palavras, nem varinhas, nem livros. Apenas do olhar e do coração. Precisávamos de um elo maior. Até que você me pediu em casamento. Foi o melhor presente da minha vida.

"What you mean to me,
(O que você significa para mim)
You'll never know
(Você nunca saberá)
Deep inside,
(Profundamente)
I need to show
(Eu preciso mostrar)"

Depois do casamento, vivemos grandes momentos de nossas vidas. Até as brigas eram comuns de vez em quando. Até hoje me lembro do dia que descobri que estava grávida de Rodney. Você achava que eu tava doente e que iria morrer. Dramático como você era, acabou desmaiando quando contei que estava grávida. Mas depois a idéia de ser pai firmou rápido na sua cabeça de tal forma que era você que ia comprar as coisas dele. Era engraçado ver um pai assim. Até que Rodney nasceu. Lembro-me hoje das lágrimas de felicidade que surgiram em nossos olhos. Da forma que o segurava. Do carinho que fazia no cabelinho ralo que ele tinha. Hipnótico.

"You came into my life,
(Você entrou na minha vida)
Sent from above
(Enviado de cima)
When I lost all hope
(Quando perdi toda a esperança)
You showed me love
(Você me mostrou o amor)
I'm checkin' for you boy, you're right on time.
(Eu percebi garoto, você é o certo nessa hora).
Angel of mine
(Anjo meu)"

Depois veio a Hillany. Foi surpresa pra nós dois. Ainda não tínhamos planejando que Rodney ira ter uma irmã. Rodney ficou morrendo de ciúmes. Tivermos trabalho em relação a isso. Até que você deu um basta e o chamou para conversar. Até hoje me apaixono com a forma que você lidou com isso. Disse que ele tinha que ser o guardião da irmã que teria que protegê-la dos perigos já que ela não poderia se defender. Rodney ficou segurando uma tampa de panela como escudo e uma colher como espada na frente do berço durante uma semana. E ainda tinha dúvida na adolescência se você era o rapaz certo pra mim? Olha só a prova!

"I never knew I could feel each moment
(Eu não sabia que posso sentir cada momento)
As if it were new
(Como se fosse novo)
Every breath that I take
(Cada suspiro que eu dou)
The love that we make
(O amor que nós fazemos)
I only share it with you
(Eu só posso compartilhar com você)"

Daí veio o que chamamos de medo. Medo da ausência. Medo do além da vida. Você estava andando comigo até que sentiu uma dor muito forte no peito. Fomos ao médico. Estava com uma doença grave no coração. Não tinha cura. A forma como você encarou isso foi tão forte que me confortou nas lágrimas que derramava. Tomava remédios para amenizar a situação. Mas imagino quantas as vezes você não se confrontava com seus pensamentos sobre essa situação que estava passando. Lembrei-me do dia que chorou ao pensar na possibilidade de me deixar mais cedo. O abracei. Para mim não importava mais. Estava no meu lado para sempre.

" When I first saw you,
(Quando eu vi você pela primeira vez)
I already knew
(Eu já sabia)
There was something, inside of you
(Houve algo, dentro de você).
Something I thought that I would never find
(Algo que eu pensei que nunca encontraria)
Angel of Mine
(Anjo meu)"

Continuamos a viver nossa vida tranquilamente. Até que nossos filhos cresceram. Rodney acabou casando. Foi uma emoção. Lembrávamos juntos do nosso casamento. Sua doença do coração estava agravando. Lembro-me que tive que sair junto com você para respirar um pouco. Você olhava para mim de uma forma que não acreditava que estava ficando forte. Precisei ser seu escudo. Ser seu suporte. Não agüentava ver você tão fraco necessitado de ajuda. O abracei tão docemente que vivi todos os momentos que o deixei de abraçá-lo.

"You came into my life, (came into my life)
Você entrou na minha vida (entrou na minha vida)
Sent from above (above baby)
Enviado de cima (cima baby)
When I lost all hope
(Quando eu perdia toda a esperança)
You showed me love
(Você me mostrou o amor)
I'm checkin' for you boy, you're right on time
(Eu percebi garoto, você é o certo nessa hora)
Angel of mine
(Anjo meu.)"

Daí a esposa do Rodney, a Lucy, ficou grávida. Por incrível que pareça, iríamos ser avós. Ficamos um poucos frustrados com a noticia de sermos avós, mas adoramos a idéia. Você disse que iria contar todas as nossas aventuras para o neto, ou melhor, para a nossa neta. Enquanto você saia com Rodney para resolver as questões do pré-natal, eu ajudava a Lucy com o enxoval da criança. Nós duas preparamos o chá de bebê. Até que Helena, nossa neta que agora é o motivo de todo orgulho da família, resolveu nascer mais cedo e nasceu sete meses antes.

"How you changed my world
(Como você modificou o meu mundo)
You'll never know
(Você nunca saberá)
I'm different now
(Eu sou diferente agora)
You helped me grow
(Você me ajudou a crescer)"

Só apenas um ano depois, seu coração não agüentou. Teve que partir. Teve que ir embora. Jamais esquecerei o dia que deparei com a ausência e a saudade do meu lado. Naquela época senti o desespero de continuar sem sentir seu calor aqui presente. Mas o tempo fez-me mostrar que você sempre estará presente no calor do meu coração. Jamais esquecerei dos momentos felizes que vivi ao seu lado e dos inúmeros exemplos de orgulho deu a nossa família. Hoje sinto falta do seu corpo, da sua matéria. Queria que você estivesse aqui vendo essas belíssimas folhas de outono caindo. Mas sinto na minha alma que você está me tocando. E que você apenas foi emprestado para estar nesse mundo e que, infelizmente, seu prazo de estadia esgotou.

"I looked at you, Looking at me
(Eu vi você, olhando para mim.)
Now I know why they say the best things are free
(Agora eu sei por que eles dizem que as melhores coisas são gratuitas)
I'm checkin' for you boy, you're right on time
(Eu percebi garoto, você é o certo nessa hora)
Angel of mine
(Anjo meu)"

Eu te amo Rony... Sempre te amarei... Até logo... Depois a gente se encontra...

Hermione deixa as flores no tumulo de Rony e segue até a porta do cemitério para pegar um táxi e voltar para casa. Era outono e as folhas continuavam a dá a beleza as ruas de Londres.

* Música : Angel of mine - Monica .


FIM ='/

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo

Menu da Fic

Adicionar Fic aos Favoritos :: Adicionar Autor aos Favoritos

 

_____________________________________________


Comentários: 0

Nenhum comentário para este capítulo!

_____________________________________________

______________________________


Potterish.com / FeB V.4.1 (Ano 17) - Copyright 2002-2023
Contato: clique aqui

Moderadores:



Created by: Júlio e Marcelo

Layout: Carmem Cardoso

Creative Commons Licence
Potterish Content by Marcelo Neves / Potterish.com is licensed under a Creative Commons
Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License.
Based on a work at potterish.com.