FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout  
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
 

(Pesquisar fics e autores/leitores)

 


 

::Menu da Fic::

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo


Capítulo muito poluído com formatação? Tente a versão clean aqui.


______________________________
Visualizando o capítulo:

11. Sr.Butocas/Festa/Revelação


Fic: Os Novos Marotos 2 Sobrevivendo a Faculdade


Fonte: 10 12 14 16 18 20
______________________________

Não deu para responder todos os coments por causa da falta de tempo, mas eu tentei!!!! Beijão!!!


Ana_loveharryandhermione


Kitai: Ás meninas vão responder no próximo cap. xD
Amy: Eheheh... Quase a Madonna ficou alejada =X Mas se eu fazer isso mais vezes posso acabar comprometendo a nova linhagem Malfoy, ou seja, meus futuros filhos! Ahh me receberia mesmo? *_* agradecida!
Cold: Se faz tanta questão de minha ilustrissima palavra com vossa senhoria, respondo com prazer!!! Faço até uma música pra você, quer? ALÔOOOO GALERA DO COWBOYYYYYY ALÔOOOO GALERA DE PIÃOOOO!!! E sobre eu ser bixa... Quer que eu prove o contrário? (brilho psicopata nos olhos). Sobre a surra que eu dei no imbecil do Skill... Bem o que ue posso dizer... ELE XINGOU MINHA MOMY! -.- Ninguém fala daquele jeito da momy! =/
Rachel: Amei a música que você fez pro Cold! AHuAhauhau
James: Primeiramente eu gostaria de lhe informar que eu não sou tarado! ¬¬ Sou apenas um homem com desejos normais xD
Katty: Realmente.. Gostar do Snape... -.-" Sem comentários!
Miguel: HEY! Eu não gosto dele! Eu gosto das AULAS dele, é completamente diferente!
Sam: O Johnny não é tarado, apenas... Hã... Você sabe! =X
Johnny: Hey! EU não sou tarado =~ Apenas hã.... Bem homem sabe?

_BaBi_


Kitai: O cap está
Amy: P
Cold: O
Rachel: S
James: T
Katty: A
Miguel: D
Sam: O
Johnny: \o/


A Dóris Black


Kitai:Ehehe... ainda bem que num atrasou ;P Dessa vez eu demorei mais do que as outras vezes, mas é que eu tava em semana de prova, e semana de prova vc sabe como é né? Aquele inferno -.- Vou lá dar uma olhada sim! Podexa ;) Sobre sua fic D/G so sorry mas eu não leio D/G =~
Amy: Minha lista é perfeita né? *-* é parecida com a da autora =X
Cold: Minhas musiquinhas não estarão neste cap. infelizmente mas no outro estarão sem falta! Para você ter uma prévia delas, aqui vai... "EM FESTA DE RODEIOOOOO NÃO DÁ PRA FICAR PARADOOOO, TEM PIÃO EM BOIADEROSSSS E MUIÉ..." Er... Como é o resto mesmo? o.O
Rachel: Espero que ele realmente curta mais, não gosto de vê-lo triste por conta dela...
James: Sim, agora curtirei a vida adoidado! Não se preocupe!
Katty: O Miguel deveria relaxar... É minha opinião! u.u
Miguel: Tento relaxar, mas é que... *suspira fundo* ás vezes as coisas acontecem quando menos esperamos e não sabemos como lidar com isso no momento!
Sam: Graças a Merlim que meu namorado teve a SANIDADE de trancar a porta! u.u
Johnny: Eu não ia dar o mesmo vacilo do Jamesito deixando a porta aberta! -.- Sou mais inteligente do que vocês pensam!

-=|Lady Bathory|=-


Kitai: Eu te dou ele de presente!
Amy: Nossa, quer mesmo? Qual seu endereço? Que via sedex? xD
Cold: Hey! Assim vocês duas me magoam! u.u~ Mas... Sobre você querer um de mim, bem... Eu sou único, sinto muito ;)
Rachel: Não estamos ocupando o lugar... Não é bem assim...
James: É! Não é bem assim! Acontece que ás vezes as pessoas seguem caminhos opostos...
Katty: E isso não quer dizer que ás pessoas deixam de se gostar!
Miguel: E a amizade entre irmãos do Coldezito e da Melzita, bem... Você vai ver...
Sam: Basta ler o cap!
Johnny: Entãoo... Beijos de abóbora! =**

Ana Karynne


Kitai: Acredite, não é a única a querer! *-*
Amy: Eu e a Madonna dormindo = a Ti Fofo? Não vi nada de fofo o.O
Cold: Eu tenho cara de Banco? o.O
Rachel: Melhorou? Ahh aposto que apronto daquelas né? De deixar ele morrendo de ciumes, ou então deu gelo? Sempre funciona...
James: HEY! minha namorada agora virou conselhereira amorosa -.-
Katty: Deixa ela James! E homem tem que se pisar com salto alto! ;)
Miguel: É, o apelido pegou mesmo ahauahu.. eu agora virei chaveiro! --.--
Sam: Tudo bem, sem problemas ;)
Johnny: Beijão! =****

Julynha Black


Kitai: Ás vezes o Cold sabe ser romântico, mas é só as vezes =X
Amy: É, meu clone da Britney realmente se supera ás vezes... ^^ É por isso que eu namoro com ele...
Cold: Foto? o.O Ok... VOCÊ 'TÁ DOIDA? ISSO PODE COMPROMETER MINHA REPUTAÇÃO! -.- Sobre a surra que eu dei no skill ^^ bem... EU SOU O CARAAAAAAA!!!!
Rachel: A esperança é a última que morre...
James: Mas morre mesmo assim! =/ Ahh e podexa que cuidarei bem da Rach! ^^
Katty: O Miguel é muito educado realmente! ^^
Miguel: Err... *cora furiosamente* obrigado...
Sam: Concordo plenamente que o "ursinho" tomou a decisão certa!
Johnny: Err... ursinho pega mal sam... xD

*PaH*


Kitai: *-* Que bom que amou! xD
Amy: Estranho? AQUELE CARA FEZ EU QUASE ALEJAR O MADONNA!!! -.-
Cold: Tadinho de mim por que? Hey! Eu não sou chaveirinho! Sou tigre, grande e feroz ^^
Rachel: Obrigada! ;) Você também é fofa!
James: Err... Fofos?
Katty: Concordo! A Sophie tem que se dar mais valor! Ela é uma garota e tanto!
Miguel: Concordo plenamente, o Cold e a Amy deveriam virar chaveirinhos! ^^
Sam: A cara foi mais ou menos assim -> o.O"""
Johnny: Tava mais para -> u.O"


Beatriz Lupin


Kitai: Primeiramente eu quero lhe desejar meus parabens, muitos anos de vida, saúde, paz e energia positiva! Não deu para postar no seu niver mas estou postando hoje ok? eeheh..
Amy: Eu e o Madonna bunitinhos? Err.. se você 'tá dizendo, quem sou eu para discordar!
Cold: Também te amo Chamito!
Rachel: Diz que quando se ama uma pessoa você só quer a ver feliz, e quanto mais eu puder dar essa felicidade ao James, bem... Você sabe...
James: *sem palavras* Não sei nem como responder isso...
Katty: Nossa que declaração da Rach... o.o
Miguel: Gostou mesmo dos nomes? xD ando pensando seriamente em ter uns 10 filhos! xDDD
Sam: *cora furiosamente* Poisé.. Fogo, muito fogo... =X
Johnny: Bem.. Foi o que foi se é que você me entende.. =X

Mady Potter


Kitai: Que bom que vc realmente gostou!
Amy: Que bom que gostou da minha lista! ehehehe
Cold: Poisé... Vou falir desse jeito u.u mas pela Chamito vale a pena! ^^
Rachel: James: É... Eu e a Mel já eramos... Agora é bola pra frente!
Katty: Só sei que o Cold está in love1
Miguel: O COld está in love lalalalala
Sam: Fogo? que fogo? o.O
Johnny: Sei de fogo nenhum! =X

Carolina Xavier


Kitai: AhauhaU valeu pelo elogio e pela puxação de saco xD
Amy: Nos ama?????? *-* /me extremamente feliz
Cold: Hey!!!! Não vou ficar por aí divulgando minha vida sexual! ¬¬ E bem.. Eu sei que eu sou perfeito, mas mesmo assim obrigado!
Rachel: Nós sabemos fazer alguém feliz? xDDDD Valeu mesmo!
James: Treinar no Skill até que não seria má idéia... *olhar psicopata*
Katty: Que bom que gosta de nós! Fico extremamente grata!
Miguel: Err... *cora furiosamente* fazer o que?
Sam: Que bom que nos ama! xD
Johnny: Perfeitos? É nos sabemos ;]

Nane Potter


Kitai: O Madonna está in love lalalala =X
Amy: Nhaaa Madonna você me ama mesmo? ^^
Cold: ¬¬ agora todo mundo resolveu tirar uma com a minha cara =~
Rachel: Não se preocupe que eu cuidarei dele ;) assim ele não vai mais atrás dela..
James: Eu já sei dessa frase! Mamãe sempre me ensinou isso!
Katty: Beijão pra você também!!!
Miguel: Bem, uns 10 filhos está ótimo sabe?
Sam: É... Ele não é tarado... =X
Johnny: EU NÃO SOU TARADO!!!!!!

Dani W. B.


Kitai: Eu amo esse filme *-* de paixão! Bem... Sobre o Cold.. ¬¬ Tá com dó? ADOTA!!! Dois meses já? Nossa! Fiquei até emocionada agora eheheh.. Nhaa.. fico até sem graça agora depois de tudo o que vc falo! eehehe.. Sobre 'tá pior do que eu... Bem, eu nunk fui muito normal sabe? AauHAU =XX
Amy: Então somos duas neuradas! Beijão! =*** pS: sorte que não prejudiquei muito a futura geração malfoy! xD pS2: A minha lista é parecida com a da autora =X
Cold: É, a Kiki a cada dia que passa fica mais violenta.. Sobre dividir os MEUS chaveirinhso ¬¬ CLARO QUE NÃO! Eles são MEUS e eu sou EGOISTA! :P Sobre os apelidos da Disney, bem é que a autora tava assistindo Cinderela, aí eu me inspirei =X Poisé quase que as futuras gerações Malfoy's foram prejudicadas... E sobre o Skill eu ainda acho que ele apanhou foi pouco! -.- Quem mandou falar mal da minha momy? =~
Rachel: Ahhh no outro coment.. AHuAHAU.. Sobre eu e o James no banheiro.. Hã... Sem palavras =X DESDE QUANDO O BOB ESPONJA É GAY???? Vou lançar um cruccios no seu professor! Sou apaixonada pelo Bob!
James: Eu tenho uma música lalalalaalal Sobre o nosso professor, ele parece mais que veio da era passada -.-
Katty: Realmente a cada dia que passa o eu-tenho-32-dentes-na-boca-e-eles-são-brancos-brilhantes-e-brilham-no-escuro aumenta cada vez mais AHuAHU.. Não se preocupe que aparecerei mais!
Miguel: Poisé, aquela criatura! Ainda bem que eu tive os Malfoy's, eu entendi o que você quis dizer eheheh no prol ;)
Sam: Somos a favor de Ti Fofo, Ti Lindo e Ti delicia \o/ Sobre eu e o John, fico feliz que tenha aprovado ;)
Johnny: Minhas cantadas são sempre as melhores AHuAHUAHU Que bom que gostou de mim e da Sam juntos! eheheh =*******

Carol PAD


Kitai: O cap está
Amy: É, o que eu posso fazer o Madonna me ama! Sobre a Sra.Malfoy, já ouvi muitas histórias, sou fã dela! E so Sr.Malfoy, bem... Ouvi dizer que é um gato! =X
Cold: E você também me idolatra não é Yakult? xD
Rachel: Sorte? Acho que isso pode se chamar de "GRAÇAS A MERLIM!!!"
James: Eu tenho total reconhecimento disso, minha girl é a melhor!
Katty: Acho que o Miguel sabe como se faz bebes, creio que ele não acredite mais na historia que eles são trazidos por corujas! =X
Miguel: Quero ter 10 filhos! xD E ainda bem que você não se esquceu de mim!
Sam: E eu conheço muito bem esse fogo Weasley =X
Johnny: Eu e a Sam somos perfeitos um para o outro xD

Danny Evans


Kitai: Ainda bem que gostou hehehe..
Amy: Pode deixar eu não tenho ciúmes do madonna xD
Cold: Voltou as boas comigo? ainda bem ^^mas aposto que foi por causa da bolachada que eu dei no Skilll né não???
Rachel: Se ele não cuida de mim eu cuido dele ;)
James: Eu vou cuidar da Rach, eu gosto muito dela ;]
Katty: A cenourinha iria te matar se lesse isso =X
Miguel: Err.. *cora furiosamente* muito obrigado, fiquei sem palavras...xD
Sam: Poisé finalmente ele se deu conta!
Johnny: \o/ e ô se dei =X


Guida Potter


Kitai: Ele é até suportável quando quer...
Amy: Foi sem quererrrrrr =~
Cold: Põe duro nisso! =~
Rachel: Ainda bem que gostou dele optar por mim..
James: Obrigado por me apoiar na escolha ehehe
Katty: Soube de fontes seguras que em breve os personagens antigos reaparecerão! xD
Miguel: Obrigado! xD
Sam: Concordo com você! Não deveria abandoná-los!
Johnny: Ainda bem que eu tenho a sam ;)


Fred L. Weasley

Kitai:MEU BETAAAAAAAA FAVORITO!!! Brigadão por revisar pra mim ok?
Amy: Êbaaaaaa o beta da Kiki!!!
Cold: \o/ \o> réééé agora é nois na fita e os playboy em dvd!
Rachel: Obrigadaaaa \o/
James: ré isso aííí é noissssssss
Katty: Valeu!!!!!
Miguel: Muitisso agradecido!
Sam: beta da kiki, valeu!
Johnny: Obrigadissimo!!!!!!



Sr.Butocas/Festa/Revelação


O carro negro havia estacionado em uma das ruas de Londres, Cold fizera um feitiço deixando o carro invisível, adentraram um bar e passaram pela porta revelando logo o Beco Diagonal.

- Cold...
- Fala Bambi...
- Sabe, eu acho que agente podia comprar uma coruja pra ela, ao invés de um amasso...
- Pontas, qual é o seu problema com um amasso? – Cold erguia uma sobrancelha, ficando exatamente parecido com Draco.
- Em primeiro lugar todo amasso é metido a besta, segundo eles são orgulhosos, terceiro eles são mimados, quarto se acham os tais e quinto eles atraem toda atenção das mulheres e tenho certeza que a Rach vai ficar horas acariciando esse saco de pulgas ao invés de dar atenção a minha pessoa!
- Pontas, eu só vou te perguntar uma vez ok?
- Pergunte amado Listras!
- VOCÊ TEM MERDA NA CABEÇA?

Continuaram o caminho até uma das lojas de animai mágicos, adentraram na mesma e ficaram olhando os vários bichinhos ali presentes, logo uma mulher gorda e alta com uma coruja negra em um dos ombros aparecera sorridente.

- Olá! Bem vindos a...
- Ok, sem blá, blá, blá minha senhora... – Cold começava. – Estou aqui com o tempo contado, preciso comprar um amasso pra minha namorada retornar a faculdade e entregar na casa dela antes que ela acorde!
- Cold, você poderia ser menos grosso sabe? – James falava rindo de lado.
- Oh! Um amasso? Sorte a sua, tenho um filhote que chegou ontem de Paris! Venham, venham!

Seguiram a senhora pela loja viram em uma jaula um Amasso, um pequeno bichinho mais parecido com uma bola felpuda, da cor alaranjada e da cara amassada, os olhos verdes amarelados brilhando, Cold olhou para o bichinho sorridente logo encarando James que ainda fitava o animal.

- Vai Pontas eu sei que você está louco pra dizer “Mas ele é tãããooo fofinhooo”!!!
- Ah cala essa sua boca Listras! – James girava os olhos.
- Vou ficar com o Amasso! – Cold virava-se para a mulher. – Quanto custa?
- 20 Galeões!
- 20 Galeões por esse saco de pulgas???
- Sim, senhor, 20 Galeões!
- ‘Tá eu vou levar! – Cold girava os olhos e tirava a carteira do bolso pagando a mulher.

O Amasso sentara-se na jaula encarando a cena calmamente, a jaula fora aberta e o bichinho saltara graciosamente para o colo de James, Cold apenas deu seu famoso sorriso eu-tenho-32-dentes-na-boca-e-eles-são-brancos.

- Eu acho que ele gostou de você Pontas!
- Eu não gosto dele! – James afastava o amasso de si.
- Ah qual é Pontas, ele é uma graça!
- Eu não acho graça nenhuma nessa bola de pêlos!

O amasso parecera realmente magoado com as palavras do moreno, o olhou com uma profunda mágoa e pulara graciosamente para o colo do loiro, ainda empinando o nariz e virando de costas.

- Acho que você o magoou... – Cold comentava sério.
- Listras, é só um amasso!

O bichano olhara novamente para James e fizera a mesma cara de indignação de Cold, fazendo o moreno girar categoricamente os olhos.

- ‘Tá, ‘tá bom! Não é apenas um amasso! É um Sr. Amasso!
- Sr.Amasso? – Cold rira de lado. – Acho que ele tem mais cara de Sr.Butocas!
- Sr.Butocas? – James erguia ambas sobrancelhas.

O amasso no colo de Cold parecera agradecido pelo nome, e olhara feio para James que murmurou um “Ok, Sr.Butocas é um lindo nome!”. Voltaram a rua onde haviam estacionado o carro, adentraram no mesmo e seguiram rumo ao campus.

A campainha do apartamento de Rachel e Amy soara, Amy que havia acabado de acordar e tomava seu café olhou interrogativa para Rachel e Katty. Ambas riram divertidas, Rachel atendera a porta dando de cara com Cold e James, ambos com um sorriso maroto e apontado para baixo. Abaixou o olhar e vira: sentado ao lado do pé de Cold uma bolinha felpuda alaranjada. Abriu a boca maravilhada com o bichano e sorriu abrindo passagem para ambos.

Cold adentrou a sala sorridente com Sr.Butocas a seu lado, Rachel parecia não conseguir falar nada, Katty encarou os dois marotos e o felino aos pés do loiro. Amy, no entanto alargou o maior sorriso imaginável.

- Apresento-lhes, o senhor Butocas! – Cold apontava para o amasso que desfilava pela sala, saltando no colo de Amy.

O grito histérico as três garotas ali fizeram com que Cold e James rissem e girassem os olhos, o amasso, no entanto, tinha a expressão de “SOCORRO ELAS VÃO ME MATAR!!!”.

- Ok meninas, menos! Assim vocês vão matar o Sr.Butocas! – Cold falava divertido e o amasso saltava no colo dele.
- Mas ele é tão fofinho! – Comentava Katty.
- Tão lindinho! – Rachel acariciava os pelos do bichano.
- E ele é todo da Amy! – Cold estendia o amasso para a namorada que o pegara feliz da vida.
- Ah Madonna, só você mesmo! – Ela abraçara o namorado sorridente o enchendo de beijos.
- Olha só! Parecem até uma família feliz! – James ria divertido. – A mãe, o pai e o filho, o Sr.Butocas!

Todos ali caíram na gargalhada, o Sr.Butocas parecia já ter se acostumado com seu novo lar, para falar a verdade parecia mesmo o dono da casa fazendo com que todos achassem a maior “gracinha”.

A segunda-feira amanhecera iluminada por um Sol e um céu bastante azul e após Amy ter certeza que o Sr.Butocas já estava bem instalado, seguiu para a aula acompanhada do namorado e dos amigos, achou graça ao ver Sam e Johnny de mãos dadas, todos ali pareciam saber que mais cedo ou mais tarde aquilo aconteceria.

- Atrasados! – a voz do Prof. Snape soara como se fosse um alarme de um despertador.

Cold estava preste a dar uma resposta mal criada quando foi puxado por James e Miguel para que se sentasse e ficasse de boca calada. Aquela aula iria ser junto com a classe de Auror, James olhara de lado para Melanie, ela parecia tão concentrada na aula, não entendia o porque dela ainda o atrair daquela forma, voltou sua atenção para Rachel e viu que ela tinha uma expressão um tanto quanto magoada, pegou na mão da namorada como se dissesse “Tá tudo bem, eu estou com você porque eu gosto de você!”, a morena o olhou e sorriu levemente e beijou a mão do namorado voltando a atenção à aula.

O intervalo entre as aulas haviam chegado, estavam todos juntos reunidos por incrível que pareça, menos Lana que estava na companhia de Hold e Maya com Skill. Melanie parecia estar se dando muito bem com sua nova cunhada, acariciava bastante os pêlos do Sr.Butocas, já que Amy havia o pegado para que não ficasse tão sozinho.

- Você é uma animaga também não é Melanie? – Rachel perguntava sorridente.
- Sim, sou uma gata persa branca! – Melanie sorria de volta.
- Deve ser por isso que o Sr.Butocas gostou tanto de você! – Amy falava animada e as garotas riam.

James olhava para a loira e para a morena conversando, jamais imaginaria essa cena, sua namorada e sua ex-namorada virando grandes amigas, se existisse algum Merlim, ele o odiava!

- Parece que o Pontas está entre a Varinha e a Espada! – Cold comentava risonho.
- Devo concordar com o Listras! – Miguel falava no mesmo tom ao ver Sophie sentando ao lado de Melanie.
- Pontas você já imaginou sua namorada e sua ex, o amor da sua vida e sua nova paixão, amigas? – Johnny perguntava melodramático.
- Pulguento como você se sentiria se eu quebrasse a sua cara? – James falava lançando um olhar assassino para o primo.
- Parece que o Bambi está na TPM! – Cold debochava.
- Ah cala essa boca Listras! – James revirava os olhos.
- Ain Ponticas assim você me magoa! – Cold fazia beiço.
- Listras eu juro que se você não calar essa boca eu vou...
- Bambi, não me faça ameaças! Se não eu gamo! – Cold imitava uma voz feminina levantando-se.

A cena seguinte era um James lançando vários feitiços e um Cold correndo e gargalhando, Miguel e Johnny levantando em seguida e azarando James e correndo para o lado de Cold, as meninas riam da cena dos três marotos correndo de um enfurecido Pontas Potter.

Eles estavam tão entretidos na brincadeira que nem deram conta que estavam sendo observados. Um homem encostado em uma árvore olhando atentamente a cada movimento dos quatro.

- Não sabia que tinha o costume de bancar o detetive Sr.Zambine... – A voz arrastada de Snape falara as costas do homem.
- Como vai Snape? – O homem o saudava.
- O que faz aqui Zambine? Creio que não veio assistir à minha aula já que se formou há muitos anos atrás...
- Vim ver meu filho Snape! – Blásio bradava.
- Não banque o emocional Zambine, nós dois sabemos que você não é...
- Vim apenas alertar meu filho, nada demais...
- Então aquele assunto que Malfoy e Potter vieram tratar comigo na semana passada...
- Era verdadeiro Snape...
- Então alerte seu filho Zambine ao invés de bancar o pai emocional!

Blásio ficara fitando as costas de Snape se afastar aos poucos, suspirou derrotado e colocou a mão dentro do bolso do, sobretudo negro e andara em direção contrária a que estava Miguel e os outros.

Miguel parara de correr e olhara em direção a uma árvore com o cenho franzido, James no momento estava mais preocupado em azarar Cold que corria e se transformava em um tigre branco.

- Algum problema? – Sophie dizia o abraçando por trás.
- Não, eu só tive um pressentimento estranho...
- Entendo... – Ela o beijava nos lábios.
- Mas não é nada demais, não se preocupe! – Ele virava a encarando sorrindo.

Um barulho de explosão fizera com que todos olhassem na direção em que Cold havia corrido, o Tigre voltava correndo e se escondia atrás de Amy e Sr.Butocas. James logo aparecia coberto de cinzas como se tivesse algo explodido em sua cara arrancando gargalhadas até de Melanie e Rachel.

Após a sessão “EU VOU TE MATAR SUA ZEBRA DOS INFERNOS” protagonizada por James Potter, eles seguiram para mais uma série de aulas, e foi na saída de uma das aulas que eles receberam mais um panfleto de “FESTA”, Cold logo sorrira maroto com a possibilidade de poder se embebedar e cantar, e dançar e...

- Com licença! – Uma garota de cabelos roxos e olhos azuis cutucava o loiro.
- Sim? – Ele perguntava erguendo as sobrancelhas.
- Er... Meu nome é Mafalda Sulivan, e... Bem a sua banda tocou na festa passada, eu gostaria da saber se você e seus amigos poderiam tocar nessa festa também! Afinal vai ter pessoas do campus inteiro e...
- Uma música! – Cold falava sério.
- Hã? – A garota perguntava confusa.
- Vamos tocar uma música apenas e depois eu curtirei a festa, me embebedarei e tudo mais! – Terminava com um ar pomposo.
- Ah, sim claro! Como o senhor quiser!
- Não precisa me chamar de senhor, Cold basta ok? – Ele piscava jogando charme.
- E O SENHOR, SENHOR MALFOY PODE ME CHAMAR DE ASSASSINA! – Amy falava por trás dele.
- Err... Oi Amor?
- OI UMA OVA! ANDA LOGO QUE NÓS TEMOS QUE COMPRAR COMIDA PRO Sr. BUTOCAS!

Cold saíra dali com Amy o puxando pela orelha, deixando Mafalda Sulivan risonha.

- Ai iai ai Danoninho! – Cold passava a mão bela orelha vermelha. – Essa doeu!
- Bem feito! Quem mandou jogar charme praquela qualquer!
- Não sabia que era tão ciumenta assim meu Todinho Companheiro de Aventuras! – Ele a abraçava pela cintura.
- Ah! Cala essa boca Madonna!

James andava com Rachel calmamente pelos terrenos da faculdade, era bom ficar com ela, ela conseguia o fazer esquecer de tudo Subiram juntos para a biblioteca e sentaram-se em uma das mesas começando a estudarem em seguida, foi quando Cold entrara na biblioteca sorridente segurando dois pacotes enormes, com uma Amy com cara de poucos amigos logo atrás.

- Nossa, que cara é essa Amy? – Rachel perguntava.
- A Chambinho ‘tava com ciúmes de mim! – Cold falava sorridente.
- EU não estava com ciúmes Madonna!
- E por que está ficando vermelha? – James falava risonho.
- Cala essa sua boca Potter! – Amy batia com um livro na cabeça do moreno.
- Hey! Não espanque meu namorado! – Rachel fingia-se de brava.
- Hey Pontas, temos trabalho a fazer!
- Nem pensar! – James girava os olhos. – EU já fui lá do outro lado do mundo buscar aquele saco de pulgas! Não saio daqui por nada!
- Anda logo seu Veado dos Infernos! – Cold pegava James pelo braço e o arrastava. – Nos vemos depois Yakult!

Saíram de lá deixando as duas garotas a sós, ambas se encaravam de sobrancelha erguida, aqueles dois realmente não eram normais.

- Olha Listras, você tem que parar com essa mania de me arrastar para todo o canto que você vai!
- Pontas, essa noite vai ter uma festa, nós vamos tocar uma música, e eu quero que a Amy toque conosco!
- Para tudo! – James olhava Cold interrogativo. – Você não acha que ‘tá levando essa lista dela a sério demais?
- Estou apaixonado Pontas! - O loiro dizia coçando a cabeça.
- É, você está realmente in love! – James sorria marotamente.
- Ah cala essa sua boca! E me ajuda!
- Te ajudar em quê? Você já esta in love mesmo...
- Pontas, por Merlim! Eu juro que se você não parar eu vou te MATAR!
- Ui... Parei!

Andaram lado a lado por um bom tempo, logo encontrando Johnny e Miguel. Os quatro estavam lá reunidos, mais uma tarde ensaiando para mais um show.

A noite caíra como uma luva, e mais uma vez estavam todos lá em mais uma festa agitada. Esta, no entanto parecia mais agitada do que o normal, os marotos junto de suas namoradas adentraram a festa, foram recebidos pelas organizadoras que pareciam babar demais os garotos fazendo com que suas namoradas aderissem uma cara de Pitt Bull Raivoso.

Mafalda Sullivan subira ao palco sorridente como uma pessoa que acabara de ganhar na loteria.

- Muito bem! Escutem-me todos! Esses quatro rapazes decidiram tocar uma de suas músicas para nós! Com vocês! OS NOVOS MAROTOS!!!

Ambos trocaram olhares assustados, jamais pensaram que seriam apresentados de maneira tão espalhafatosa, as bochechas de Miguel haviam até ganhado um tom rubro. Subiram no palco, Cold olhou significativamente para James que piscou maroto. Alguém parou na porta da festa e ficou fitando os quatro ali em cima do palco.

- Hã... Muito bem é o seguinte, para cantar essa música eu queria chamar a minha namorada! – Cold sorria para Amy que ficava perplexa. Ele estendia a mão.

A garota murmurava coisas como “não, não, não, não!”.

- Anda logo Amy! Não temos a noite toda! – Ele falava risonho

Amy contra gosto pegara a mão do namorado recebendo uma grande salva de palmas, parecia que todos da faculdade se encontravam ali, eram muitos adolescentes, e até mesmo os professores pareciam ter resolvido dar o ar da graça em algum tipo de festa maluca dos alunos.

- Eu não posso! – Ela murmurava para Cold.
- Claro que pode! Pegamos até uma das suas músicas para cantar! Uma que a Katty escreveu, ela disse que vocês cantaram algum tempo...
- Mas...
- Sem, mas... Deixa acontecer Amy!

Ele a olhara nos olhos, a garota se arrepiara por inteira ao sentir o microfone gelado em suas mãos, Cold colocara a guitarra e ajeitara seu microfone. James sorrira para Amy e uma melodia começara a tocar.

A garota se aproximou ternamente do microfone e com uma voz baixinha e vacilante começara a cantar.

And I'd give up forever to touch you
E eu desistiria da eternidade para tocá-lo
'Cause I know that you feel me somehow
Pois eu sei que você me sente de alguma maneira
You're the closest to heaven that I'll ever be
Você está mais perto do céu que eu vou estar
And I don't want to go home right now
E eu não quero ir para casa agora
And all I can taste is this moment
E tudo que eu posso degustar é este momento
And all I can breathe is your life
E tudo que eu posso respirar é a sua vida
'Cause sooner or later it's over
Porque mais cedo ou mais tarde isso estará acabado
I just don't want to miss you tonight
Eu só não quero sentir a sua falta essa noite


Muitas pessoas ali pareciam contentes com a música, Amy parecia ganhar confiança em cada letra cantada, abriu um enorme sorriso para Cold que piscara maroto para ela.
Maya que estava lá junto de Skill sorriu internamente, Cold deveria estar realmente apaixonado pela garota, sentiu um frio na barriga e suspirou fundo, a voz de Amy realmente era linda.

And I don't want the world to see me
E eu não quero que o mundo me veja
'Cause I don't think that they'd understand
Porque eu não acredito que eles entenderiam
When everything's made to be broken
Enquanto tudo é feito para ser quebrado
I just want you to know who I am
Eu só quero que você saiba quem eu sou


Logo Cold aproximara-se do microfone cantando calmamente, muitas garotas acabaram dando gritinhos felizes o que fizera Johnny e James revirarem os olhos. Ele cantava olhando apenas para a loira a sua frente, apenas para ela e mais ninguém.


And you can't fight the tears that ain't coming
E você não pode lutar contra as lágrimas que não estão caindo
Or the moment of truth in your lies
Ou o momento da verdade em suas mentiras
When everything feels like the movies
Quando tudo se parece como nos filmes


Amy sorria abertamente e cantara junto de Cold, aquela música parecia ser deles, apenas deles e mais ninguém. Melanie olhava o irmão com um doce sorriso no rosto, aquela garota estava mudando Cold, estava o deixando mais maduro e confiante.


Yeah you bleed just to know you're alive
Você sangra apenas para saber que está viva
And I don't want the world to see me
e eu não quero que o mundo me veja
'Cause I don't think that they'd understand
Porque eu não acredito que eles entenderiam
When everything's made to be broken
Quando tudo é feito para ser quebrado
I just want you to know who I am
Eu só quero que você saiba quem eu sou


Cantaram o refrão durante mais três vezes, tudo parecia ter sumido, as pessoas, o palco, e apenas eles sobrado ali, ela tinha o sorriso mais lindo do mundo e ele parecia só ter olhos para ela. Ele estava amando de verdade.


I just want you to know who I am
Eu só quero que você saiba quem eu sou
I just want you to know who I am
Eu só quero que você saiba quem eu sou
I just want you to know who I am
Eu só quero que você saiba quem eu sou



Cantaram juntos pela última vez e se encararam, Cold a beijara com amor e sorrira vitorioso.

- Fez um grande Show Amy... Menos um item na sua lista!

Aquilo estava perfeito! Após receberem uma enorme salva de palmas, os marotos desceram do palco, sorridentes, dançaram animados, Cold parecia que havia confundido Whisky de fogo com água, James já havia perdido a conta entre as garrafas de Cerveja Amanteigada e Whisky de fogo, enquanto Johnny bebia o que via pela frente. Miguel parecia ser o único comportado ali.

- Ai, eu tenho a impressão que ‘tá tudo girando! – Amy colocava a mão na testa.
- Ok Amyzinha querida, você já bebeu demais... – Katty falava sorridente.
- Ah não, só mais umazinha Ka..Ka...Katty!
- Você também Rachel!
- Eu, estou bem! – A morena falava se segurando em James. – Ok! Só estou um pouquinho tonta!
- Sam?
- Eu estou bem, só bebi uma garrafa de cerveja, vou ficar para cuidar de Johnny! – Ela sorria sincera.
- Ok! Vou levar essas duas para casa!
- Ah não Katty! – Ambas falavam tristemente.
- Anda logo mocinhas vocês já passaram da conta!

Katty parecia arrancar as duas dali de dentro, enquanto James e Cold gargalhavam da situação, bem a verdade é que só de um olhar para o outro eles caiam na gargalhada. Eram bêbados felizes! Johnny, no entanto estava vomitando enquanto Sam o ajudava calmamente.

- É acho que o John também passou da conta, vou leva-lo para o ap! – Sam falava risonha. – Venha ursinho, você não está bem!

Ela o ajudara a andar em direção a saída, Sophie ria da cena, estava um tanto cansada, mas agradecia a Merlim por Miguel não gostar de beber, olhara o noivo de lado, ele e Katty eram parecidos, balançou a cabeça negativamente tentando afastar tais pensamentos, sentira Miguel beijar-lhe a testa e sorriu.

- Está cansada? – Ele perguntara docemente.
- Sim...
- Vou te levar para casa ok? – Ele sorria.

Acabaram por deixar James e Cold e suas gargalhadas para trás, saindo do imenso salão, andavam abraçados pelo jardim.

- Miguel! – Uma voz autoritária falara as costas dele.

O maroto parara de andar subitamente, Sophie o encarara de lado como se quisesse perguntar o porque dele ficar tão pálido, olhou para trás levemente e viu a figura de um homem. Miguel fizera o mesmo, virara com o cenho franzido e com o punho fechado.

- O que você quer aqui? Não mandei ir embora e me deixar em paz? – Ele vociferava.
- Tenho assuntos a tratar com você filho!
- EU NÃO SOU SEU FILHO! – Era a primeira vez que ele perdia a calma frente de Sophie.
- Miguel! – Sophie abraçava pelo braço.
- Então essa é sua noiva? Muito bela...
- Sophie vá para o apartamento e fique por lá!
- Mas...
- VÁ! – Miguel ordenara.

Sophie nunca vira um brilho tão diferente nos olhos do noivo, talvez fosse pela raiva que estava sentindo, resolveu não contrariar, correra em direção a seu prédio. Miguel continuava ali bufando de raiva encarando aquela figura paterna.

- Sente vontade de me bater filho? – Blásio se aproximava.
- Se afaste de mim... – Ele dizia dentre os dentes.
- Sua mãe sentia muita a sua falta...
- Eu já disse para ir embora!
- Acho melhor você ir se acalmando filho, tem algo que você precisa saber, ou melhor... Você e seus amigos...
- Do que você está falando? – Miguel falava ainda sério sem demonstrar emoção.
- Ouviu do caso de Trevor La Blanck? – Miguel consentiu com a cabeça. – O Ministério está reunindo todas as forças que você possa imaginar, inclusive bruxos que não são Inomináveis e Aurores, parece ter um novo bruxo das trevas por aí... A verdade é que Trevor La Blanck foi o oitavo auror encontrado morto...
- Isso é problema do Ministério! Eu e meus amigos fizemos nossa parte, acabamos com Voldemort!
- E o Ministério é grato a vocês! – Blásio falava calmo. – Acontece que agora é mais pessoal... Sua mãe foi atacada Miguel!

Miguel ficara sério fitando o pai, há quanto tempo ele não se lembrava do jeito de sua mãe, uma famosa estilista fria e autoritária, sentiu um nó na garganta, por mais que odiasse seus pais por terem feito o que fizeram com ele não podia deixar de ter aquele sentimento.

- E como ela está? – Perguntou frio.
- Em coma, os médicos não tem muita esperança... – Blásio falava calmo.
- E sobre esse novo bruxo das Trevas, o que sabem sobre ele?
- Pouca coisa, apenas que mata por diversão, e que deve ter o mesmo sonho que o antigo Lorde das Trevas...
- Eu não vou me meter em mais uma guerra com tão poucos detalhes, mande o Ministério parar de freqüentar bailes e começarem a trabalhar!
- Precisamos de você e seus amigos Miguel! São uns dos melhores bruxos do mundo mágicos!
- Ah que engraçado, agora você precisa de nós! Quando eu tinha 10 anos fui descartado!
- Pode me culpar o quanto quiser! – Blásio falava severo. – Apenas pense em quantas vidas serão perdidas se não tivermos a ajuda de vocês!
- Conversarei com minha família antes de tomar qualquer decisão... – Miguel virava de costas.
- EU SOU SUA FAMILIA!
- NÃO! OS MALFOY’S E OS MAROTOS SÃO A MINHA FAMILIA!
- Miguel!!!

O rapaz simplesmente voltara a andar, ignorando o fato do pai estar ali ou não, subiu em seu prédio e adentrou no apartamento, Sam estava na cozinha preparando algum tipo de poção para Johnny.

- Pensei que demoraria a chegar...
- Vim mais cedo, vou dormir... – Miguel falara seco já entrando no quarto.

Sam o olhou de lado, não era costume ele ser grosso, terminou de fazer a poção e entrou no quarto do namorado. Johnny estava deitado com a barriga para cima gemendo.

- Quem mandou beber mais do que devia! Deu nisso! – Sam falava divertida. – Toma, bebe isso! Vai te ajudar...
- Você é uma santa! – Johnny falava bebendo a poção.
- E você um pinguço! Agora dorme que você precisa descansar!

Ela deitara na beirada da cama dele, enquanto ele a abraçava e dormia em seguida.

Miguel largara-se em sua cama e ficara fitando o teto, faltava cerca de 3 semanas para o natal, seria o momento em que ele encontraria-se com Draco, Hermione, Harry, Rony, Gina e Luna. Mas não era o momento mais propicio de falar sobre mais um maníaco das trevas querendo ser o todo poderoso. Respirou fundo e caminhou até sua escrivaninha, começou a escrever uma carta a Draco, a mandaria logo cedo.

A manhã estava linda! Miguel havia acabado de mandar a coruja a Draco, espreguiçou-se e saiu do quarto, Johnny estava estirado no sofá com Sam a seu lado lhe levando algo que ela chamava de “Pós-Bebedeira”. Deu um leve sorriso e perguntou sobre quererem comer algo, o resultado foi um Johnny exaltado correndo em direção ao banheiro, deu uma gostosa gargalhada junto de Sam e fora para a cozinha.

Enquanto isto no apartamento das meninas...

- Eu queria arrancar meus olhos em enfia-los em um copo com bastante gelo... – Rach falava tampando o rosto com travesseiro.
- E eu queria arrancar meu estômago fora... – Amy falava chorosa.
- Quem mandou beberem mais do que deviam? Eu que num mandei! – Katty ria da situação das amigas.
- Katty eu juro que se continuar a ser irônica eu te lanço uma azaração daquelas que te deixará parecendo um orangotango cor de rosa! – Amy falava se cobrindo até a altura dos olhos.
- Hey! Vocês não estão pensando que vão ficar na cama o dia todo, estão?
- Essa é a minha idéia principal... – Rach falava virando de lado.
- Pelo que eu fui informada, as senhoritas tem um imenso trabalho de Poções para fazerem! E se quiserem se tornar boas Inomináveis é bom começarem desde já!
- Katty vá catar coquinho na beira do lago e me deixa dormir, eu ‘tô de ressaca! – A loira falava em tédio.
- Ok! Vocês não me deixam outra alternativa... SERPENSOTIA!!!

Uma serpente saíra da ponta da varinha de Katty, Amy e Rachel deram um pulo da cama e correrão em direção ao banheiro, era melhor obedecer à amiga antes que ela fizesse aparecer dragões! Katty sorriu vitoriosa e murmurou um feitiço fazendo a cobra desaparecer.

Todos estavam descendo em direção ao pátio, quando Amy vira um monte de alunos fazendo uma roda em torno de “algo”, olhou de lado para Rachel que fez uma cara de interrogação. Maya e Skill andavam calmamente em direção ao “fato”, quando a ruiva arregalou os olhos e levou a mão à boca, Lana que estava logo atrás da ruiva fez o mesmo no entanto dando um grito de susto.

- AI MEU MERLIM!!!

A cena era de um Cold Malfoy sentado dentro da fonte do colégio tranqüilamente, como se aquilo fosse a coisa mais normal do mundo, e um James escondido atrás da estátua da fonte, completamente rubro.

- Malfoy, o que você faz de cueca no meio do pátio do colégio? – Maya perguntava tampando os olhos.
- Boa pergunta Srta. Potter, bem... Eu não faço idéia... Próxima pergunta? – O loiro falava irônico.

Logo James saíra de trás da estátua no mesmo estado do loiro, todos ali os encaravam perplexos. Cold suspirou fundo, estava passando realmente mal.

- Muito bem galerinha mais ou menos, estamos aqui, estamos ali, estamos em tudo que é lugar... Então se me dão licença eu vou me trocar! Vem comigo Pontas? – Cold falava levantando-se de dentro da fonte.

Muitas garotas ali deram gritinhos exaltados já que a cueca branca do maroto estava transparente, James teve sorte em ter colocado sua típica cueca samba-canção azul marinho.

Rachel que estava de óculos escuros abaixou os óculos e encarou a cena do namorado e Cold saírem pelos jardins, olhou para Amy que estava caindo na gargalhada, se alguém achava aquilo tudo normal era aquela loirinha. Miguel estava com a mão na testa rindo baixinho, enquanto Katty estava com os olhos esbugalhados. Se Johnny e Sam estivessem ali certamente estariam da mesma forma da garota.

- Vocês não vão até seus namorados? – Katty perguntava séria.
- Não, eu acho que eles precisam de um momento a sós! – Amy ria de lado.
- Concordo plenamente! – Rachel olhava os dois se afastando e Cold com a bundinha aparecendo. – É Amy, até que a bundinha de seu namorado não é das más...
- Hey! Pode ir tirando os olhos do compartimento traseiro do MEU MADONNA!
- Sinto lhe informar Amyzinha, mas não foi só agente que viu o compartimento traseiro e o frenteiro de seu amado Madonna, mas sim a faculdade inteira! – Rachel falava risonha.
- É, terei que jogar todas as cuecas brancas dele fora! – A loira franzia o cenho e cruzava os braços arrancando várias gargalhadas.

Cold e James adentraram o apartamento, Cold se dirigira automaticamente ao banheiro enquanto James parava na cozinha para tomar um copo d’água, o loiro iniciava um banho de porta aberta.

- HEY PONTAS!!!
- QUE É???
- COMO AGENTE FOI PARAR NAQUELE ESTADO NA FONTE???
- NÃO SEI! MAS LEMBRO DE VOCÊ FALAR ALGO SOBRE NADAR!
- EU FALEI EM NADAR? EU LEMBRO DE VOCÊ FALAR QUE ESTAVA COM CALOR...
- AH É! AÍ VOCÊ SUGERIU QUE NÓS NADASSEMOS E DEPOIS VOLTASSEMOS AO AP!
- E AÍ O QUE ACONTECEU?
- ACHO QUE DORMIMOS NA FONTE MESMO!

Cold saíra do box e se enxugara rindo, realmente a cara de todos ali quando ambos saíram da fonte foi realmente hilária. Só esperava que sua amada Danoninho entendesse que ele havia bebido demais na noite anterior e que não era sua intenção de aparecer quase nu na frente de toda faculdade. Enrolou-se na toalha e saira do banheiro, James logo adentrou fechando a porta, o loiro riu de lado e dirigiu-se até a cozinha, quando bateram na porta.

- Sim? – Ele falava ao abrir.
- Oi! – Sophie o olhava de cima a baixo. – Hã...
- Entra Sophie, eu vou colocar uma roupa! – Ele ria abrindo passagem para a ruiva.

Ela sentou-se no sofá, enquanto ele entrava no quarto, a porta do chuveiro abrira mais uma vez revelando um James de toalha.

- Prima? – Ele erguia as sobrancelhas.
- JAMES! VISTA-SE! – Ela berrava ao ver a toalha do moreno quase escorregar e ele segurar a tempo.
- Ok! Num precisa gritar! – Ele adentrava no outro quarto.

James e Cold saíram quase na mesma hora dos quartos, se sentaram frente à ruiva, esta tinha uma cara triste e abatida.

- O que foi? Algum problema? – James perguntava.
- Sim... – Ela baixava os olhos.
- É com o Penas? – Cold arriscava.
- É...
- Então desembucha! – O loiro a olhava intrigado.
- Ontem a noite o pai dele reapareceu novamente e, Miguel me pareceu diferente ele... Eu não sei como dizer... Eu senti medo do Miguel!
- Olha, o Miguelito é um cara calmo, é normal que ás vezes ele exploda... – James falava passando a mão pelos cabelos.
- E sobre o pai dele não se preocupe, conversaremos com ele depois! – Cold piscava maroto.
- Obrigada... – Ela sorria sincera. – Hã... Cold?
- Senhora?
- Bem, é que... Acho que devia ver a Mel, sei lá você é irmão dela e...
- Eu sei... – O loiro abaixava a cabeça. – Mel e eu nos afastamos Sophie, e... E eu não sei o que falar, ela mudou muito!
- Você...
- Eu vou no apartamento dela ainda hoje ok? Só preciso me recuperar da ressaca! – Ele ria de lado.
- É eu ouvi que vocês andaram pensando que a fonte da faculdade era alguma praia de nudismo!
- Hey!!! Não é bem assim! – James manifestava-se.
- De qualquer forma eu vou indo rapazes...


Ela despedira-se de ambos e saíra dali, não demorou até Amy e Rachel aparecerem com um Kit Ante Ressaca, Rachel e James optaram por ver um filme na televisão trouxa do maroto, que diga-se de passagem Rachel ficara fascinada desde que vira pela primeira vez. Amy e Cold ficaram no quarto apenas conversando.

- Amy? – Ele ergueu a cabeça para ver melhor a loira.

Ela havia adormecido em seu tórax, beijou-lhe a testa e a cobriu, levantou-se e calçou os sapatos. Saiu do quarto fechando a porta logo atrás de si, tinha coisas a resolver.

Fora andando até o prédio de Melanie, subira as escadas ficando frente a porta de seu apartamento, lá fora o dia virava noite, tocou a campainha e ninguém atendeu, girou a maçaneta revelando que estava destrancada.

Ele adentrara no apartamento dela, o cheiro de canela habitava todo o local, suspirou fundo e sorriu de lado, ela sempre fora assim. Bateu na porta que continha o nome "MELANIE" e adentrou.
Ela estava lá, sentada na beira da cama, tinha um olhar frio e distante, no criado mudo ao lado da cama às fotos de ambos quando crianças. Aproximou-se com cautela apanhando o porta retrato e sentando-se ao lado da irmã.

- Ás vezes eu sinto que agente está se afastando e que eu nunca vou conseguir me reaproximar de você... É como se fosse uma estranha e não a minha irmã casula...
- Ás pessoas mudam...
- E isso é uma pena...
- Por que nos afastamos tanto? – Ela perguntara o encarando.
- Mel, você sempre vai ser minha irmã, e uma das pessoas que eu mais amo no mundo, mas você... Eu não vi você cresce entende? E... E eu cheguei e me assustei vendo você noiva e... Agora separada do noivo! É muito trauma pra um Cold Malfoy só! – Ela rira do comentário dele. – Sempre achei que você acabaria ficando com o Pontas, eu com a Maya, o Pulguento com a Lana e o Miguel com a Sophie, e dessa galera toda o único casal que continua junto é o Miguel e a Sophie!
- Você se afastou da Maya e se apaixonou por outra pessoa... – Melanie falava séria. – Eu vi como você olha para Amy, é diferente, você...
- Eu a amo... – Ele encarara a irmã com um sorriso bobo no rosto. – Talvez ame o mesmo tanto que o Pontas te ama...
- James tem namorada!
- E você tinha um noivo e mesmo assim amava o Pontas! Qual é Mel? A quem você quer enganar? A mim que sou seu irmão ou a si mesma! – Ela abrira a boca para falar, mas fora impedida. – Eu vi desde que pequeno o Pontas atrás de você, e você o desprezando, eu vi ele sofrer, eu vi ele sorri por você! E bem... Talvez eu até ache justo você sofrer um pouco por ele, afinal ‘tá na cara que você não está sofrendo pelo Cuecão de Couro!
- Quando foi que você ficou tão sábio assim? – Ela bagunçava o cabelo do irmão enquanto seus olhos enchiam-se de lágrimas.
- Na mesma época que você ficou noiva! – Ele piscava maroto e a abraçava. – Eu só te quero ver feliz Mel, lute pelo Pontas...
- Cold...
- Oi?
- Obrigada... – Ela deitava a cabeça no colo do irmão e ele a beijava na testa.
- Irmãos são para isso não é? Apoiar um ao outro!
- Essa garota, a Amy...
- O que tem ela?
- Ela tem sorte de ter você...
- Não, eu que tive sorte de esbarrar nela! – Ele mostrava seu maior sorriso fazendo a irmã sorrir orgulhosa.
- Quem sabe algum dia eu e o Potter voltemos...
- Um dia pode ser tarde demais... – Cold a olhava sério.
- Nem sempre... – Ela suspirava fundo fechando os olhos.

Sophie adentrara o quarto de Miguel, este estava deitado de barriga para cima em sua cama lendo algum tipo de carta, a ruiva deitara-se ao lado dele recebendo um aconchegante abraço, ele largara a carta de lado e beijara a noiva carinhosamente.

- Me desculpe pela noite passada, perdi a cabeça com meu pai...
- Tudo bem... Quer conversar sobre isso?
- Não... – Ele a beijava novamente.
- Miguel...
- Hum?
- Estou pronta...
- Pronta para quê? – Ele afastava-se dela e erguia ambas sobrancelhas.
- Para ser sua... – Ela o encarara nos olhos.
- Quando você diz minha, você quer dizer minha minha, ou minha no sentido de ser minha profundamente, porque tem dois lados e eu não quero entender o lado errado e... – Ele falava sem parar até ela o puxar e beija-lo com fervor.
- Não se preocupe, a porta está fechada...

Ele sorriu maliciosamente e a beijou com mais força e carinho ainda.


Continua...


APRESENTO-LHES O SR.BUTOCAS!!!!


Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo

Menu da Fic

Adicionar Fic aos Favoritos :: Adicionar Autor aos Favoritos

 

_____________________________________________


Comentários: 0

Nenhum comentário para este capítulo!

_____________________________________________

______________________________


Potterish.com / FeB V.4.1 (Ano 17) - Copyright 2002-2022
Contato: clique aqui

Moderadores:



Created by: Júlio e Marcelo

Layout: Carmem Cardoso

Creative Commons Licence
Potterish Content by Marcelo Neves / Potterish.com is licensed under a Creative Commons
Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License.
Based on a work at potterish.com.