FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout  
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
 

(Pesquisar fics e autores/leitores)

 


 

::Menu da Fic::

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo


Capítulo muito poluído com formatação? Tente a versão clean aqui.


______________________________
Visualizando o capítulo:

11. A 'volta' da ruivinha.


Fic: Garota Malvada


Fonte: 10 12 14 16 18 20
______________________________

Pra que teorizar sobre estar só, se o inverso de ser feliz, é a certeza de saber que nem sempre temos respostas que queremos ouvir?(D.Of.D).




-Diz Virginia, qual foi seu pesadelo?-O loiro perguntou novamente ao ver que Gina não respondia e parecia fitar o nada.

-Mas o que está acontecendo aqui?-Madame Pomfrey entrara na enfermaria e fitava os dois, com as mãos na cintura.

-Nada!-Os dois prontificaram-se a dizer rapidamente.

-Srta Weasley...-A enfermeira sorriu e se dirigiu até Gina, pondo a costa da mão na testa da garota.

-Oi!-Gina disse sem saber o que estava fazendo lá.

-Como se sente?-Pomfrey perguntou um pouco esbaforida.

-Com calor...-Disse rindo ao ver que Draco saia de mansinho sem a enfermeira perceber.

-Isso é ótimo!

-Acho que já ouvi isso hoje...-Gina disse se sentando na cama.

Pomfrey olhou a volta procurando alguém.

-Que foi?-A ruivinha perguntou se fazendo de desentendida.

-Cadê o loiro translúcido que estava aqui com você?

-Loiro translúcido?-Gina começou a gargalhar histericamente.

-Shh!Silencio Srta Weasley...-Disse meio confusa.

-Desculpa!

-Tudo bem, mas acho que preciso tomar algo...

-Porque?-Gina abriu um fraco sorriso.

-Juro ter visto um garoto aqui com você...

-Não tinha nenhum garoto aqui!-Sorriu e virou o rosto.-Posso ir embora agora?

-Nunca!-Exasperou.-Mas, como vi que está melhor, talvez daqui uma semana!

Gina arregalou os olhos e deitou um pouco desolada no leito.

O que diabos faria em uma semana trancada em uma ala-hospitalar?




Manhã

Fazia uma linda manhã de sábado, os pássaros cantavam alegremente, se não fosse o fato de Gina estar em uma ala-hospitalar desacordada, o dia estaria perfeito.

Falando na Gina...Era isso que faria!Iria visitar a ruiva e ver se ela estava melhor ou se haveria acordado.

Entrou na ala hospitalar e encontrou sua melhor amiga tomando com má vontade uma sopa.

Correu para abraça-la, quase derrubando a sopa que ela comia.

-Gin...Eu...Tô sem palavras...Como você acordou?Quando?Você está melhor?Ah Merlin...Que felicidade!-Nicolly dizia enquanto chorava descontroladamente abraçando Gina.

-Calma Nick, eu tô melhor, acordei ontem...Está tudo bem!-Sorriu e se soltou do abraço esmaga costelas da amiga.

-Como acordou ontem?Que horas?-A amiga perguntou sentando-se na cadeira ao lado da cama de Gina.

-Quando eu digo que acordei ontem...-Gina riu sarcasticamente.-Eu quero dizer que despertei no dia que veio antes de hoje, e, bem...Com um loiro do meu lado...

-QUE?-Nicolly arregalou os olhos.

-É...-Sorriu.-O Draco veio me dizer que eu era especial pra ele.

-Que fofo...

-Não é?-Sorriu meio boba.-Só que eu imaginava um Malfoy animal...-Sorriu rapidamente.-Se você me entende...-Piscou sarcasticamente para amiga.

-Vamos saber se ele não é...

-É né...-Corou um pouquinho, logo se restabelecendo.

-Quando você vai sair daqui Gin?-Nicolly sorriu contente.

-Quem sabe o mês que vem...Foi as esperanças que a Madame Pomfrey em deu...

As duas começaram a rir.Como sentia falta daquela ruiva doida!Era tão bom poder compartilhar daqueles momentos bons junto dela, que a fazia rir...

-Sabe Gin...-Abaixou o olhar até as próprias mãos.-Eu fiquei muito triste quando te vi super pálida como uma morta jogada na sua cama...

Gina instantaneamente abaixou a cabeça.

-Como eu fiquei?Foi muito mico?-A ruiva perguntou logo em seguida limpando a garganta.

Nick contou tudo á Gina, desde quando todos estavam tomando café da manhã, até o ponto em que a levaram para a Ala-Hospitalar.

-Nossa...Todos devem ter olhado pra mim né?-Perguntou passando a mão nos cabelos.-CADÊ?-Arregalou os olhos.

-O que Gina?-Nicolly arregalou os olhos com o coração na garganta de tamanho foi seu susto com o grito da ruiva.

Gina começou a rir, mas logo voltou a seu estado normal.

-Quero meu óculos e me amarrador de cabelo de volta!

-Gina, juro que dessa vez não foi eu que peguei!

-Chama a velha daquela enfermeira aqui...-Gina riu gostosamente ao ver a cara que Nicolly fez ao ouvir o ‘velha’.

-Calma Gina, a coitada deve estar tomando café da manhã...

Gina fez bico, mas logo começou a rir.

-Eu devo estar ridícula com esse cabelo solto né?-Gesticulou apontando para o próprio cabelo.

Nicolly nem havia notado, mas a ruiva ficava muito diferente sem o rabo-de-cavalo e os óculos.

-Muito louco!-Disse pegando uma mecha lisa do cabelo de Gina e jogando pra frente.-Se você me deixar dar um jeito nessas pontas duplas, ele vai ficar demais.

-Nem pense nisso sua doida...-Gina riu e jogou o cabelo pra trás.-Se preza a vida...

-Eu prezo...-Riu e colocou as mãos pra frente num gesto de ‘me rendo’.

-Você já tomou café da manhã?-Gina perguntou colocando a sopa de lado.

-Não!-Nick respondeu simplesmente.

-E o que ainda está fazendo aqui?-Sorriu docemente.-Não quero te ver doente.

-Nem queira mesmo...Você nem imagina o que passei ao te ver mais gelada que um iceberg!

-Posso imaginar...

-Ninguém sabe o que aconteceu...-Nicolly resmungou.

-Er...Nem eu!-Suspirou se lembrando de que estava mentindo para a amiga!No meio disso tudo havia acontecido algo muito estranho...Seu pesadelo...Mas, decidiu não contar pra ninguém!Não iria os preocupar de novo.

-Estou surpresa!-Nicolly resmungou.

-Com o que?

-Eu jurava que você ia me perguntar a reação do Potter ao te ver desmaiada!

Gina corou e abaixou a cabeça para que Nicolly não percebesse.

-Não me interessa...-Sorriu um pouco fraco, como que se estivesse sem forças.-Aposto que ele e a Jordan deram uma festinha né?

-Não!-Nicolly se levantou e fitou Gina por um instante.-Ele ficou super preocupado!

-Sei...-Por mais que não quisesse, uma chama de esperança brotou dentro de seu peito.

-É serio, me surpreendi com o Potter...-Olhou nos olhos de Gina, que lutavam para continuar frios e sem sentimento.-Ele correu Hogwarts inteiro atrás de ajuda quando te viu desmaiada.

-Que?-Não se agüentou e começou a rir.-A correr?Agora eu quero que você me explique isso Nick...

-Sabe...Tadinho, primeiro ele foi chamar o Lupin, ai depois mandaram ele ir atrás do Dumbledore!-Riu.-Ele adiou os trinos de Quadribol e até faltou a todas as aulas!

Se Nicolly não estivesse ali, Gina seria capaz de sair pulando pelo quarto!Mas...Porque isso?Sempre odiou o Potter certo?Então não deveria sentir alegria com isso certo?Mas...Sentia...E o que fazer quanto a isso?Ignorar?

-Gina, você não pode simplesmente achar que foi pouco o que o coitado fez!Ele estava com uma péssima cara de cansado, nem deu atenção pra Patricia que estava com uma cara de que queria matar ele!E...Sabe?Quando eu disse que você tinha melhorado bastante, ele sorriu alegremente...Tentou disfarçar que tinha adorado saber disso, mas eu percebi, e quer saber...Eu acho que ele se preocupa com você!

-Okay!-Deitou-se e virou o rosto para a janela ao lado de seu leito, onde podia-se ver o sol brilhando intensamente junto com uma brisa refrescante!

Aquela manhã estava perfeita, mas tinha de ficar naquela merda de Ala-Hospitalar!

Será que o Potter, ele...

Chega Virginia, não pense nele, você prometeu que não pensaria dessa maneira nele!

-Gina, ele...

-Chega Nicolly, eu não quero mais ouvir tá?Vamos mudar de assunto.

A amiga fez uma cara de poucos amigos e se dirigiu até a porta da ala-hospitalar.

-Desculpa Gin...Mas é o que eu acho!

Gina bufou e fechou os olhos.

-Okay...

-Bom dia pra você!-Nicolly desejou.-Mais tarde eu passo aqui de novo...

-Ah, me faz um favor?-Gina pediu voltando a abrir os olhos.

-Sim...

-Diz pro Michael que eu já acordei e que preciso falar com ele...-Suspirou pesadamente.

-Gina, eu pensei que estaria afim de agradecer ao...

-Potter?

-É!-Sorriu.

-Nem pensar...-Riu altamente.-Eu não pedi nada pra ele!

-Gina, você tá bem mesmo?-Nicolly deu meia volta e saiu de lá.

Como sua amiga ruiva estava sendo infantil.Estava até começando a achar que a hipotermia havia lhe afetado.

**

Desceu até o Salão Principal onde todos já se encontravam.Harry, estava na mesa da Corvinal, Patricia tentava mais que tudo chamar aa tenção do moreno, que nem ligava.

Fred, Jorge, Rony e Mione já estavam sentados na mesa da Grifinória conversando sem muito animo.

-Oi, bom dia!-Disse ao sentar-se na mesa.

Todos responderam com um sorriso amigável.

-Tenho uma novidade que você vão amar!-Anunciou sorrindo feliz.

-Diz...-Fred pediu franzindo o cenho.

-A Gina acordou!Já até falei com ela.

Logo em seguida vieram milhares de perguntas se a Gina estava bem, como ela havia acordado, todas perguntas já feitas para a própria.

-Agora meu dia vai ser perfeito!-Fred disse.

-Acho que o de todos nós...-Hermione acrescentou fazendo todos concordarem.

-Espera...-Nicolly se levantou rindo para Hermione que observo atentamente.-Hei, Harry...-Gritou chamando a atenção do moreno, que olhou sem entender nada.

-Que é?-Perguntou calmamente.

Patricia olhou com cara feia e segurou Harry pelo braço.

-A Gina acordou...-Gritou o mais alto que pode, fazendo vários alunos olharem contentes e algumas garotas olharem com cara feia.

Harry dessa vez levantou o rosto e sorriu alegremente.

-Que bom...-Disfarçou voltando-se com Patricia e beijando-a, que o agarrou como que se este fosse um lindo ursinho de pelúcia.

-E, Michael, ela quer falar com você...-Gritou fazendo Harry parar o beijo com Patricia e olhar para o garoto que se levantava da mesa da Lufa-Lufa e piscava para Nicolly em agradecimento, logo se retirando do Salão Principal.

-Hei, viu a cara dele?-Hermione perguntou num cochicho.

-Se vi...Ele é realmente idiota!-Nicolly murmurou caindo na gargalhada com Hermione.

-O que vocês duas tanto conversam?-Jorge perguntou ironicamente.

-Coisa de garotas...-Hermione respondeu sorrindo.

-É isso ai Mione...-Nicolly riu.




-Nossa, já veio?-Gina olhou alegremente ao ver Michael entrando sorridente na enfermaria.

-Logo que recebi o chamado...-Sorriu e foi até o leito da ruiva.

-Então, eu pensei, que como não vai dar pra nós irmos passear no jardim hoje, se você não iria querer ficar por aqui me fazendo companhia...

-Adoraria!-O rapaz prontificou-se a dizer.

-Ótimo...-Sorriu torto.-Posso te fazer umas perguntinhas...?Assim, só pra gente se conhecer melhor...

-Pode sim...-Michael se sentou na cadeira ao lado da cama de Gina.

-Eu sei que pode parecer idiota, mas só por curiosidade...Seus pais são todos bruxos?

-Sim!-Michael sorriu torto.-Sou puro sangue...

-Tem algo contra os que não são?

-Nem pense isso de mim...Trato todos com devido respeito!-Prontificou-se a informar.

-É assim que deve ser...-Suspirou.-E o que acha das Patys de Hogwarts?

-Bonitas...-Disse normalmente.-Mas muito oferecidas e amostradas...

-Concordo plenamente!-Gina fez uma careta.-Tirando o bonitas...

Michael riu então fitou Gina atenciosamente.

-Que foi?-A ruiva perguntou sem jeito, colocando uma mecha do cabelo atrás da orelha.

-Er...Você fica muito linda sem óculos e com os cabelos soltos...

Gina colocou as mãos no rosto e começou a rir.

-Assim eu fico tímida...

-Não fique...-Michael pediu sorrindo docemente para a Gina que agora o encarava.

-Tá...Eu tenho que admitir que você é uma gracinha...E...Sabe?Essas suas bochechas vermelhas é um charme!

-Agora quem fica tímido sou eu...-Riu baixinho.

-Oras, é a verdade Michael!

-Valeu...-Disse um pouco encabulado.

-Ah, deixa disso vai fofo.-Sorriu, o que Michael rir gostosamente.

-Tá bom!

-Hum...Uma ultima pergunta.-Riu sarcasticamente.-Qual a senha da Lufa-Lufa...

Michael olhou pra ela com uma cara de que ia explodir de rir e disse:

-Acha mesmo que vou te contar?




Domingo, 9:30.

-Por favor, madame Pomfrey, eu quero, preciso ir pra Hogsmead!-Gina insistia para a enfermeira que fingia não ouvir.

-Srta Weasley, já disse que não, talvez eu te deixe sair amanhã okay?

-Mas amanhã não tem Hogsmead, tá difícil de entender?-A ruivinha protestava.

Já estava ficando muito nervosa.

-Eu sei, é exatamente esse o ponto!Não terá Hogsmead...

-Mas...

-Sem mais nem menos...-A enfermeira saiu de lá deixando uma ruiva frustrada pra trás!Logo em seguida Nicolly entrou junto de Cassandra.

-Fala ruiva!-A melhor amiga se aproximou junto de Cassandra, assim depositando um beijo em sua testa.

-Oi Gina!-Cassandra cumprimentou sorridente.-Tudo beleza?

-Beleza?-Gina olhou nervosa para Cassandra que tinha o cabelo preso em duas Chiquinhas.-Não vou poder ir para Hogsmead porque a velha da enfermeira não deixou!

-Hum...-Cassandra se segurava pra não rir da cara de Gina.-Uma pergunta!O Potter veio te ver ou falar com você?

-O que?-Gina riu desdenhosa.-Ele nunca se daria ao trabalho.

Cassandra balançou a cabeça negativamente e sorriu.

Ficaram lá, por um bom tempo dando sermão pra Gina, que fingia não estar nem ouvindo.

-JÁ SEI!-A ruiva gritou sorridente.

-Sabe o que?-As duas morenas perguntaram.

-Surpresa!-Gina sorriu e se levantou da cama.-Podem ir indo...

-Nossa, tá expulsando?-Cassandra perguntou surpresa.

-Não, só acho que vocês estão atrasadíssimas para ir pra Hogsmead!-Respondeu sem dar atenção.

-É mesmo...-Cassandra olhou num relógio de pulso.-A gente se vê mais tarde ruiva, vê se não apronta...

Gina sorriu docemente como se fosse uma anja.

Quando as duas saíram de lá, Gina se levantou e olhou pra fora antes de fechar a porta.

-Me aguardem...-Murmurou rindo alegremente.




-Ou, tira a mão daí Patricia!-Harry mandou tirando as mãos da menina de sua bunda.

-Não gosta?-A loira perguntou franzindo o cenho.

-Eu gosto quando é o contrario linda!-Sorriu e beijou a loira, pensando em outra pessoa de cabelos vermelhos.

-Então porque não tenta?-A loura perguntou colocando a mão de Harry na sua bunda.

-Wow...Pirou?

-Você não quer?-Ela perguntou sorrindo sedutoramente.

-Bem...Eu quero né, mas...

-Hei, Harry...Vem cá!-Rony chamou acenado junto de Hermione.

Harry olhou lamentando para Patricia e sorriu dizendo que se viam depois.


-Fala Rony...-Pediu sem vontade e desanimado.A conversa com Patricia estava mais interessante.

-Sabe, eu e Mione estávamos pensando...Você num acha que o Malfoy está muito esquisito?

Harry bufou entediado.

-E você me chama pra pergunta isso?

Hermione olhou indignada para Harry.

-Pode volta lá já que a loira ridícula é melhor que a gente...

-Vai lá Harryzinho...-Rony disse imitando Patricia.

Harry sorriu abismado.Como eles podiam ficar com ciúmes?

-Estão com ciúmes é?

-Não se trata de ciúmes Harry, e sim de que você está muito diferente!Nem quando você estava com a Patricia da primeira vez tratava a gente dessa maneira!O que tá acontecendo?

-Okay...-Harry suspirou.-Me desculpem!Prometo que vou ficar em Hogsmead com vocês, pois como sabem, são meus melhores amigo!

-Valeu cara!-Rony deu uns tapinhas na costa de Harry e sorriu.

Harry riu e entrou na carruagem que levava a Hogsmead.




-Viu a Weasley, Thrnbury?-Draco perguntou sentando-se ao lado de Cassandra na carruagem.

-Vi!Porque?

-Como ela estava?-Perguntou sem se conter.

-Pra quer saber?

-Curiosidade!-Sorriu de um canto dos lábios e ergueu uma sobrancelha.

-Ela está ótima!Mas muito nervosa porque a Madame Pomfrey não quis deixar ela sair hoje de lá!

-Legal!-Draco disse virando o rosto para a janela da carruagem.

Cassandra ficou o fitando por vários minutos.Ele era tão bonito!Aqueles olhos clarinhos e ao mesmo tempo obscuros...Seus cabelos lisos loiros e platinados...E...Bem, aquela boca vermelhinha...Quase pedindo para ser beijada.

-Não faz isso, incomoda!-Draco pediu virando-se rapidamente.

-O que...Eu fiz?

-Odeio quando não param de me olhar...

Cassandra arregalou os olhos!Como aquele loiro tinha visto ela o olhar se ele tinha o rosto virado para o outro lado.

-Como você...

-Só não faça mais...-Draco olhava-a nos olhos!Aliás, que olhos.

Estavam se fitando, podiam até ouvir a respiração ofegante um do outro, e quando seus lábios iam se encontrar a carruagem fez um movimento brusco e Pansy entrou sorrindo torto e inconvenientemente.

-Oi!Atrapalhei?

-Não!-Draco virou-se novamente.

O que teria acontecido se Pansy não tivesse entrado?Merlin...Teria beijado Cassandra?Mas...E a Virginia?

-E ai ridícula, o que pensa que fazia sozinha na carruagem do meu loirinho?-Pansy perguntou para Cassandra.

-Tentando matar ele sem deixar pistas...

-Muito engraçado...-Pansy riu sem vontade.

Draco virou-se e riu baixinho, chamando a atenção de Cassandra que corou.

**

Chegaram em Hogsmead lá para umas 10:30.O sol brilhava intensamente e os raios já deixavam vestígios de muito calor.

-Coitada da Gina, ela ia adorar estar aqui...-Nicolly comentou.

-Concordo...-Fred se aproximou da morena, sorrindo alegremente.

-Ah, é você...-Sorriu.

-Sim, sou eu!-Sorriu e deu um beijo no rosto da morena.Isso realmente á surpreendera.

-Hum...Legal...-Riu desgostosa e continuou andando, rumo a qualquer lugar.

-Espera gatinha...-Pediu segurando no braço de Nicolly.

-Gatinha?-Nicolle arregalou os olhos e parou de sobressalto.-Como...

-É, vem cá...-Sorriu e puxou Nicolly pelo braço, levando-a para um beco vazio.

-O que...

Fred nem deu tempo para ela falar, foi logo puxando-a e a beijando ardentemente, assim também sendo docemente correspondido.

-Peguei...-Uma voz abafada por um riso fez-se presente.

-Ah!Não acredito!-Nicolly exclamou tampando o rosto com a mão.

-Ops, isso não estava nos meus planos...-Fred murmurou um pouco abobado.

-Eu meio que já sabia...-Gina murmurou caindo na gargalhada.-Olha só a cara de susto de vocês.

Realmente os dois estavam com uma terrível cara de susto, como que se estivessem acabado de ser pegos matando alguém.

-Gina sua doida, você não devia estar na Ala-Hospitalar?-Nicolly perguntou totalmente ruborizada.

-Devia, mas eu fugi, consegui passar por uma passagem que o meu maninho Fred tinha me contado que existia faz tempos...

Sorriu e mandou um beijo no ar para o irmão.

-Gina, você não viu nada!-Fred disse cerrando os olhos.

-Magina...-Riu e saiu correndo.-Juro que não conto pra ninguém...Pombinhos!

Nicolly e Fred se olharam e não se conteram, começaram a rir sem parar.




-Rony, lembra no nosso terceiro ano quando estávamos aqui em frente a casa do grito e rolou mô clima?-Hermione perguntou coçando a nuca.

-Se lembro...-O ruivo ruborizou um pouco.-Eu era idiota.

-Não!Eu gostava e gosto de você...-Sorriu e deu um Celinho no ruivo.

-Acho bom!-Retribuiu sorridente.

Hermione ficou pensativa por uns minutos até que olhou pra Rony e franziu o cenho.

-Olha Rony, você não acha que a Gina anda muito sozinha?

-Não, ela vive com a Nicolly...

Hermione riu.

-Quero dizer...Um namorado...Entende?

-Que?Pirou Hermione Granger?A Gina é muito novinha pra namorar...

Nesse instante Hermione caiu na gargalhada, como que se Rony tivesse acabado de dizer que hipogrifo se escrevia com ‘i’.

-Rony, a Gina já 15 anos, não é mais criança...

-Mi, vamos mudar de assunto?-Rony fez uma cara de emburrado.

-Vamos mesmo, até porque eu também acho que a vida da Gina eu deixo pra ela cuidar... –Murmurou abraçando Rony docemente.




Por que será que por todo lugar que passava uns olhavam estranho e os outros apontavam?

Estava normal.Usava o costumeiro rabo de cavalo e os óculos...O que haveria de errado?Será que era pelo simples fato dela ter de estar na ala-hospitalar e em vez disso estar andando em Hogsmead?

Sorriu alegremente e continuou a andar, até que encontrou um certo loiro sentado num banquinho...E o melhor, sozinho!

Olhou alegremente e se dirigiu até ele.

-Oi Draco...Me esperando?-Sorriu de uma maneira sexy e piscou para ele, que se levantou rapidamente um pouco surpreso.

-Pensei que estaria na Ala-Hospitalar...-Murmurou um pouco rouco.

-Eu estava mesmo...Mas fugi!-Sorriu como que se isso fosse a coisa mais normal do mundo.

-Sabia que você é doida?-Ele perguntou ironicamente para a ruiva a sua frente, sorrindo como boba.

-Sabia que nós tínhamos combinado de vir a Hogsmead juntos?Eu nunca furo com ninguém...

Ambos riram.

-Vamos pra onde então?-Draco perguntou olhando-a nos olhos azuis clarinhos.

-No três vassouras, que tal?-Sorriu e segurou na mão gelada do rapaz.

-Er...Beleza!-Olhou um pouco assustado para a sua mão que agora estava junta da de uma ruiva.

Saíram andando calmamente por toda Hogsmead até o três vassouras de mãos dadas!Várias pessoas olhavam e cochichavam algo, mas nem ligava!Era sua vida e não a dos outros!Porque será que sempre adoravam se meter em vidas alheias?Porque será que não cuidavam das próprias vidas e deixavam as dos outros em paz?E...

-Porque será que não param de olhar?-Gina perguntou segurando com mais força na mão de Draco, que olhou assustado e fez uma careta de dor.

-Deve ser porque um Malfoy e uma Weasley estão simplesmente andando de mãos dadas por Hogsmead, como que se fossem amigos a tempos...

Gina olhou revoltada e parou na frente do loiro, que fez cara de mal entendido.

-Tá, o que diabos eles tem haver com isso?A vida não é minha e sua?Então... E por favor, não me olhe com essa cara de quem quer saber se bebi algo que continha álcool.

-Beleza...-Riu baixinho tentando voltar a andar.

-Quer que eu solte sua mão?-A ruiva perguntou sinceramente.

Draco olhou para todos e depois para a ruiva.

-Sinceramente não!Adoro ser o malvado e o odiado na história.

-Sério mesmo?-A ruiva perguntou olhando para aqueles olhos clarinhos.

-Aham...

-Então vai adorar isso...

Aproximou-se do loiro e levantou a ponta dos pés, assim podendo beijar aqueles lábios vermelhinhos.

Aquele beijo foi mais frio que todos que já experimentara!Apesar de ter sido poucos, soube que aquilo era mais uma prova de que podia fazer o que quisesse de algo realmente sentimental.

Sua língua e a de Draco se procuravam violentamente como que se quisessem se testar.O momento mais esperado era o de quando abrissem os olhos e vissem todos olhando com cara de pavor, ódio, medo e surpresa...!Podia imaginar qualquer coisa...Menos que...

Aproveitou mais alguns minutos daquele beijo totalmente diferente de todos e abriu os olhos para constatar o que havia imaginado!Mas o que mais a deixou atordoada foi um par de olhos verdes a fitando...

Não soube porque, mas qualquer um daqueles curiosos poderia manda ir se danar, menos ele...Menos Harry Potter!O porque não soube explicar!Da mesma maneira que não soube decifrar aquele olhar dele...Um olhar confuso...Cheio de emoções indistinguíveis!Porque estava se importando tanto com ele?Porque não conseguia tirar seus olhos dos dele?Porque?Merlin...Isso era tortura para com os pobres e oprimidos...

Derrepente, como que se fosse a coisa mais louca as e fazer, Harry olhou para eles e cospiu no chão, fazendo cara de nojo.

Foi a pior sensação que Gina já tivera!Sentiu-se meio fraca e sem ação...Pela primeira vez na sua vida não soube o que fazer em relação a Harry Potter!

O que ele fizera fora um gesto de desprezo e repudia!Será que ele realmente conseguiria ser tão frio?

Mas porque ele havia se importado se aquilo fora só um beijo?Seria só pelo simples fato de ter sido com um Malfoy?Mas se ele estava pouco se lixando consigo, porque aquela reação?Será que ele realmente se importava com o que lhe acontecia?Será que Nicolly estava certa?

Nicolly...Era ela também!Ela e Cassandra que olhavam indignadas...Estava começando a se perguntar se agira certo ao provar da fruta proibida em frente dos julgadores...

-Malfoy, esquece esse beijo, quer dizer, me esquece...-Olhou um pouco confusa.-Podemos ser amigos, mas nada mais que isso...-Deu meia volta e correu até Nicolly que parecia em choque, enquanto Cassandra olhava sem entender nada com uma feição estranha, difícil de se distinguir, mas nem se comparava á de Harry Potter...


Será que essa Weasley é louca?Ela me beija na frente de todos e depois me diz pra esquecer e considerar ela uma amiga...Essa ruiva é realmente doida!Sem noção de tempo e mundo!Ele estaria simplesmente ferrado naquele momento!Se ele descobrisse...Já era tudo... –Pensava enquanto andava com as mãos no bolso até algum lugar longe de lá.


-Virginia Weasley, pelo amor que você tem pelos seus pais, o que diabos você pensa que estava fazendo beijando um Malfoy em publico?-Nicolly perguntou entre dentes.

Gina olhou-a de esguelha e sorriu um pouco cansada e sem jeito, até corando.

-Beijando oras...

-Gina, você tem um caso com o Malfoy?-Cassandra perguntou engolindo em seco.

-Não!Se tinha, acabou!-A ruiva respondeu séria.

-Como assim?-Nicolly perguntou olhando ao redor.

-Eu disse pra ele me esquecer...Disse que só poderia ser amiga dele.

-Mas nem isso...Você realmente tem síndrome de down garota...-Cassandra gesticulou ficando nervosa.

-O que?-Gina virou o rosto e olhou para Cassandra que parecia estar em choque e muito nervosa.

-Foi o que ouviu...-Cassandra repetiu.

Nesse momento Nicolly arregalou os olhos.O que seria que as duas pensavam que estavam fazendo?

-Porque?Só porque beijei o Draco?Nem foi a primeira vez!-Gina respondeu dando de ombros.

-Como é que é?Sabia que você realmente se encaixa na laia dele?

-Com quem você pensa que tá falando?-Gina olhou para Nicolly que parecia ficar pálida a cada palavra proferida por Cassandra.

-Com uma garota que não se importa em pisar nos outros pra conseguir o que quer...

-Nicolly Melabouth eu estou ouvindo isso da boca dessa desnaturada chamada Cassandra?-A ruiva perguntou pra Nicolly, que até então só soube ficar pálida.

-Está!-Nicolly respondeu simplesmente com muito esforço.

-Olha aqui garota, eu acho que ninguém aqui pisou em ninguém, ou tem?Me conta quem é...-Gina babucilhou um pouco desnorteada com aquilo.

-Gina, não se faz de idiota...-Cassandra olhava muito furiosa sabe-se lá porque.

-Agora eu não tô entendendo mais nada?Você bebeu?Cheirou maconha? ‘Cê tá viajando né?

-Não!Olha, acho que até a Patricia é melhor que você!-Cassandra gritou crispando os lábios.

Nicolly olhou de Gina para Cassandra!A outra havia falado de mais...Não estava entendendo o que estava acontecendo!Tá que a Gina ter beijado o Malfoy fora errado, mas até ai ter um ataque de xingamentos já era de mais...

-Olha aqui Thrnbury, se você está com dor de cotovelo pelo Draco, eu não posso fazer nada minha filha, sabe porque?Porque ele não consegue ver nada em você, e isso...Realmente não é culpa minha!Vai lá falar com ele, já não quero mais nada com ele!O caminho está livre garota, livre!-Gina disse com os olhos marejados em lágrimas.Mas não choraria!Não diante de uma ofensa daquelas.

-Uuuuuuuu...-Nicolly deixou escapar ao ouvir Gina falando tudo aquilo para a morena que até parecia ter se dado por vencida.

Parecia...Mas não havia...E a cada palavra dita por Cassandra, Nicolly ficava mais surpresa.

-Olha, se você acha que é dor de cotovelo...Dane-se!E, quer saber?Eu te acho estranhíssima!Até que na primeira vez que te vi na minha vida você era uma garotinha bem bonitinha, mas depois...Tornou-se nessa pessoa que só pensa em si própria...Nem pensa no que as pessoas ao redor sentem ou querem dizer...!Diz...Eu sou a primeira a dizer que você é realmente horrível?

Gina olhou incrédula e um pouco confusa.

-Não!Você não foi a primeira e tenho certeza que não será a ultima!Mas eu sempre acho um lado positivo em tudo e em todos...Sabia Cassandra?Eu te acho legal, apesar de tudo que você me disse...Sei que você é uma pessoa ótima!Mas nem porisso ache que vou ficar me humilhando pra você!Só quero que saiba que nunca mais na minha vida quero te ver!E não foi por tudo que você me disse não...Eu simplesmente odeio gente falsa, que só diz o que realmente acha quando está puto da vida com a pessoa!-Sorriu maliciosamente.-Só uma coisa pra te dizer: A mim a palavra não conforta, vem sim, da língua da serpente e da inveja, fonte da ruína!-Deu meia volta e pegou na mão de Nicolly.-Pensa nisso...

CONTINUA...




Next Chapter (Próximo Capitulo) :

* Harry arregalou os olhos surpresos.Nunca imaginaria que Gina faria isso!Ela ainda estava bêbada!Não podia se esquecer disso.

* Gina fez o mesmo!A metade do três vassouras tinha os olhos em si própria.Parecia que todos estava querendo perguntar algo, mas não tinham coragem suficiente.

*Mesmo que não quisesse, não pode evitar o arrepio que serpenteou seu corpo ao toque daqueles dedos quentes da ruiva doidona á sua frente!

*Mas não poderia esquecer que seu mundo, sua vida, era totalmente diferente da de Fred!E acima de tudo, não parava de se questionar sobre o que ele pretendia com esse joguinho de conquista!Não estava a fim de sofrer mais do que já sofrera em toda sua vida!

N/A:Olá Amores.Obrigada oelos comentes e espero como eu acho qeu vou, não desapontar ninguém com esse capitulo!Bom, um bjo pra Miaka, ra Ginny e pra Pryscilla que estão sempre comentando minha fic.Bjones mesmo!

Ah, meu novo blog é: http://gingerfitzgerald.blog.uol.com.br/index.html

Se puderem entrem e deixem um comentário blza?Bjkinhas pra vcs.

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo

Menu da Fic

Adicionar Fic aos Favoritos :: Adicionar Autor aos Favoritos

 

_____________________________________________


Comentários: 0

Nenhum comentário para este capítulo!

_____________________________________________

______________________________


Potterish.com / FeB V.4.1 (Ano 17) - Copyright 2002-2022
Contato: clique aqui

Moderadores:



Created by: Júlio e Marcelo

Layout: Carmem Cardoso

Creative Commons Licence
Potterish Content by Marcelo Neves / Potterish.com is licensed under a Creative Commons
Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License.
Based on a work at potterish.com.