FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout  
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
 

(Pesquisar fics e autores/leitores)

 


 

::Menu da Fic::

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo


Capítulo muito poluído com formatação? Tente a versão clean aqui.


______________________________
Visualizando o capítulo:

13. O escândalo de Pansy


Fic: Apple First Season - Summer Just Began - Completa!


Fonte: 10 12 14 16 18 20
______________________________

13o capítulo: O escândalo de Pansy


 


 Não a nada como um bom escândalo pra se destruir em segundos uma imagem que construiu-se em anos. Pansy nunca teve um escândalo na escola, já estava na hora de um acontecer. Vamos ver o quanto ela agüenta.


 


 Gina entrou no corujal com envelopes nas mãos. Todos estavam na aula, ou matando aula no lago, e ninguém iria no corujal aquela hora. Mandou trinta e nove fotos para as pessoas mais importantes da escola. Ou mais fofoqueiras.


 Ela sabia que o sétimo ano teria um tempo livre logo e depois a última aula. Isso daria tempo para que pelo menos alguns deles recebessem as fotos. Os outros só a receberiam na saída da última aula.


 Que maldade Gina!


 


 ***


 


 A última aula do dia era a mais enfadonha de todas. Mais uma vez, Pansy lia um livro. Já havia se tornado um hábito. Terrence e Draco estavam na aula de Aritmancia, que só os dois faziam.


 


- O Firenze anda surtando com as nossas conversas – Blaise sussurrou para Scarlett – Acha que ele nos expulsa hoje?


 


- Quanto tempo temos de aula? – ela perguntou.


 


- Quarenta e dois minutos – Blaise consultou o caro e novo relógio que a mãe havia mandado como presente por ter se tornado capitão do time – Acho que temos tempo de sobra pra irritá-lo.


 


- Concordo com você – ela riu.


 


- Vocês estão é me irritando – Pansy reclamou – Por que falam tanto, afinal? Se não querem prestar atenção na aula leiam, escrevam... Façam desenhos. Eu não me importo, mas calem a boca.


 


- O Draco não quis te ver ontem, Pansy? – Blaise zombou.


 


- Parece mesmo – Scarlett deu uma olhadinha curiosa em Pansy.


 


- Scarlett... – Pansy balançou a cabeça – Às vezes acho que a única coisa que temos em comum é nosso segundo nome.


 


- Eu adoro meu nome – Scarlett falou de repente – Scarlett Anne... Pansy Anne. É bonito, não acha Blaise?


 


- Por mim dá no mesmo – ele falou – O problema é que eu gosto de nomes bem estranhos sabe? Tipo Yole, ou Zélie. Nomes diferentes te dão a impressão de que a garota é bem diferente.


 


- Pansy é francês meu bem – Pansy falou, olhando-o por cima do livro – Não vem me dizer que é comum.


 


- E Scarlett significa vermelho forte – Blaise sorriu – Eu sei disso, mas o que estou dizendo é que você ainda vai encontrar esses nomes pela vida. Eu falo daquele nome que você só encontra uma vez, numa pessoa única.


 


- Se fosse assim a Weasley seria mais que especial – Pansy zombou, esquecendo-se do livro – A idiota chama Ginevra.


 


- Me lembra Genebra – Scarlett falou distraída – E aquelas férias que eu passei com meus pais por lá.


 


- Viu só? – Blaise falou – Se eu não soubesse que é a Weasley, com certeza ficaria curioso pra conhecer a garota.


 


- Do que é que vocês estão falando, hein? – Millicent perguntou curiosa – Vocês estão sabendo da nova da Weasley?


 


- O que Millie? – Scarlett perguntou.


 


- Parece que ela anda dormindo nas aulas. Estão falando que ela está de caso com um Corvinal e que passa a noite toda transando com ele em uma dessas salas de Hogwarts – ela riu maldosa – Não é um horror?


 


- Nossa isso é totalmente verdade – Roxy falou – Eu ouvi a Patil contando pra irmã gêmea, que o Creevey estava falando com aquela loira idiota... A Dakota Sommerled. Ele reclamou e falou que ela anda sumindo.


 


- Eu acho ela bem gostosa – Owen falou, recebendo olhares irritados das meninas – Ah qual é gente! Ela é sim!


 


- Não, não é – Pansy o olhou, brava – Ela é uma aproveitadora. Isso sim.


 


- Agora já chega! – Firenze bradou, encarando os alunos – Parkinson, Zabini e Sorley... Pra fora agora mesmo.


 


- Mas professor! – Pansy reclamou – Nós não estávamos falando.


 


- Sim estavam! – ele gritou – Fora agora. Cansei das conversas de vocês. E digam ao senhor Malfoy e Grant que estão livres dessa aula porque estão fazendo Aritmancia, mas amanhã eles vêm pra cá. Já acho um absurdo eles só fazerem duas aulas por semana, mas pelo menos não atrapalham tanto.


 


- Babaca – Scarlett sussurrou para Noah enquanto passava por ele.


 


 Noah sorriu pra ela. Olhando a gatíssima e loira Scarlett McQueen Sorley ir embora com seu irritante jeito imponente. Pansy a seguiu. Blaise andou calmamente até a saída, decidido a irritar o professor a máximo possível.


 


 ***


 


 Draco e Terrence anotavam a matéria enquanto a professora Septina Vector corrigia alguns trabalhos. Theodore Nott esperou uma distração da professora e pulou da primeira carteira para a penúltima. Ficando do lado de Draco e Terrence.


 


- Malfoy que indecência, hein? – ele zombou com seu jeito pervertido de sempre – Não sabia que a Pansy tinha tanto... Fogo.


 


- Como é Nott? – Draco o olhou confuso – Do que diabos está falando?


 


- Do que a escola toda deve estar falando – Theo sorriu – Você e a Parkinson transando pela escola.


 


- Como é? – Terrence encarou os dois – Draco o que é isso?


 


- Não faço a mínima idéia – ele olhou bravo para Theo – Porque você está dizendo isso Nott?


 


- Não estou recriminando nem nada – ele sorriu mais uma vez, divertindo-se tanto que Draco quis quebrar a cara dele – Mas recebi uma foto e tanto hoje de manhã.


 


- Quero ver – Draco exigiu.


 


- É toda sua... Quer dizer, pode até olhar, mas devolve depois – Theo passou a foto para Draco – Recebi agora mesmo.


 


 Terrence e Draco olharam a foto. Chocados.


 


 ***


 


 Hermione andou até Hux, vendo que ele parecia bem feliz enquanto conversava com umas vinte Corvinais. Todas babando em cima dele. Ela suspirou irritada. Huxley era uma gracinha o tempo todo, mas também era galinha pra caramba.


 


- Oi Hermione – ele sorriu quando a viu.


 


- Oi – ela falou séria – Será que a gente pode conversar um pouco?


 


- Qual o problema? – ele perguntou enquanto a seguia para longe das devoradoras de homens – Você parece brava.


 


- Deve ser o calor – ela falou. Pela primeira vez na vida sendo irônica com alguém.


 


- Ta, me fala o que foi – ele cruzou os braços, encostando-se numa árvore – Não me diga que é por causa das meninas.


 


- Você sabe que é – ela suspirou irritada.


 


- Larga disso – ele riu, abraçando-a – Você sabe que eu gosto só de você.


 


 Quem é que resiste a algo assim?


 Mas até quando o chame irresistível de Huxley vai manter o namoro dos dois? Eu não apostaria muito nisso. Acho que logo logo as diferenças vão começar a ficar no meio dos dois.


 


 ***


 


 A sala estava abafada por causa do calor. Rony beijou Wynter com força. Ainda não acreditava que estava saindo com uma garota comprometida. Os dois suavam como se tivessem feito muitos exercícios. Mas acredite, eles ainda não passavam dos beijinhos.


 


- Será que sentiram a nossa falta na aula de Transfiguração? – Wynter perguntou, apoiando a cabeça no ombro de Rony – Nossa eu estou com tanto calor. Você não quer pegar água pra mim?


 


- Água? – ele perguntou.


 


- É – ela sorriu – Eu espero aqui.


 


 Rony se segurou para não revirar os olhos.


 


- A cozinha é longe Wyn.


 


- Você gosta ou não de mim? – ela perguntou emburrada – Vamos lá Ron. Só estou pedindo água.


 


- Tudo bem – ele sorriu pra ela. Completamente derretido – Eu volto em um minutinho, tá? – ele deu um selinho nela.


 


 É... Parece que o calor anda fazendo mal a cabeça dele. Ou Wynter está virando uma possível namorada chata. Acho que as duas coisas.


 


 ***


 


 Dakota sentou em um tronco de árvore e sorriu quando Colin tirou uma repentina foto sua. Os dois tinham adquirido aquela amizade cúmplice. Colin era o único amigo de Dakota e ela estava feliz assim.


 


- Recebi uma foto da Parkinson – Colin falou pra ela – Vai ser um escândalo e tanto.


 


- Ela é uma idiota – Dakota suspirou – Vi a foto também. A Romilda Vane recebeu uma, acredita? Não sei quem mandou... Mas se mandou pra Vane, é porque quer que todo mundo saiba.


 


- Tiraram a foto de uma câmera muito boa – ele falou sem poder evitar – Dá pra ver que estava escuro... Mas a pessoa tirou sem flash e saiu tudo bem visível.


 


- Eu acho que foi uma das ex-namoradas do Malfoy – Dakota falou sorrindo – Ele saí com tantas que jamais vai descobrir quem foi.


 


- Acabaram com a reputação dela, isso sim.


 


- Sabe Col? – Dakota falou de repente – Até que as duas garotas são legais. A Faith e a Gina.


 


- Então vocês se tornaram melhores amigas? – ele perguntou divertido.


 


- Longe disso – ela riu – É só que elas são bem engraçadas e eu fico ouvindo falarem sobre as maiores barbaridades. Só a Faith que é completamente vidrada em estudos. Vidrada demais.


 


- Ela sempre foi assim – ele falou – Mas a Gina me preocupa um pouco, sabe? Quando o namoro dela e do Harry acabou todo mundo ficou sabendo. Só sabiam olhar pra ela e pensar... Nossa, lá vai a ex de Harry Potter. Ela não quis falar nada na época, mas eu sei que aquilo acabou com ela.


 


- As pessoas não pensam mais nela como a ex de Harry Potter – Dakota falou – Só lembram do Terrence e de toda aquela história com a Sorley.


 


- A verdade é que ela mexeu com Sonserinos – Colin falou – E ninguém realmente sabe como é mexer com eles até mexer, entende? É perigoso.


 


- Eu gosto de perigo – Dakota olhou divertida pra ele.


 


- Sei disso – ele riu.


 


 ***


 


 As últimas aulas tinham acabado há apenas dez minutos e trinta e nove pessoas já tinham as fotos. No entanto, mais de cem já a haviam visto. Pansy estava entre o terceiro e segundo andar quando dois garotos começaram a mexer com ela.


 


- Arranca a roupa pra mim gostosa! – um deles disse.


 


 Pansy olhou inconformada para o mongo Lufa-Lufa que havia dito aquilo. Outros três Sonserinos apareceram.


 


- Nossa Pansy... Agora não consigo mais dormir sem tirar aquela imagem da minha cabeça.


 


- Não sabia que você era safada Pansy – um outro disse.


 


 Três meninas da Corvinal olharam feio quando Pansy passou. Antes elas só a odiavam por ser uma esnobe nojenta, agora sabiam que além de tudo, Pansy era uma baita galinha. Isso era ruim demais.


 


- Vocês viram que garota mais nojenta? – uma delas sussurrou.


 


 Scarlett e Blaise vinham logo atrás, olhando chocados para toda aquela comoção enquanto passavam pelos alunos. Delilah Creevey olhou curiosa para Pansy, a garota que estava nas mãos de toda a escola.


 


- Ela é meio vadia, não é? – sua amiga sussurrou.


 


- Acho que sim – ela falou meio confusa.


 


- Grita pra mim Pansy! – um Corvinal gritou pra ela.


 


 Ele estava no sexto andar, então todo mundo ouviu o grito. Pansy continuou andando, tentando não se abalar com aquilo tudo. Foi então que ela viu Draco e Terrence andando até ela. Eles pareciam preocupados.


 


- Você precisa ver isso – Draco falou sério.


 


- Ver o que? – ela perguntou, enquanto ouvia duas meninas sussurrando algo como Pansy. Vadia. Malfoy.


 


- Tiraram uma foto nossa – Draco colocou a foto nas mãos dela – Não sei quem fez isso, mas já vi dez delas espalhadas por aí.


 


- Ah meu Deus! – Pansy tentou não chorar quando viu aquilo.


 


 Pela primeira vez na vida a princesa da Sonserina não tinha a mínima idéia do que ia fazer. Ninguém está preparando para um escândalo desses.


 


- Nossa Pansy – Theodore falou quando passou por ela – Não sabia que você era tão quente, gata.


 


 Ela estava tão chocada que não conseguiu formular uma resposta. Scarlett e Blaise tiraram a foto das mãos dela. Pansy olhou para os lados, todo mundo estava olhando pra ela, falando alguma coisa. Ela sabia que para Draco aquilo era ótimo. Mas e pra ela? O que ia acontecer com a sua reputação?


 Sua reputação imaculada. Sem escândalos. Desesperada ela correu escada abaixo, querendo chegar o mais rápido possível ao salão comunal.


 


- Ela jamais vai se recuperar disso – Blaise falou.


 


- Eu só queria saber quem foi o filho da puta que fez isso.


 


- E não foi você Draco? – Scarlett perguntou desconfiada.


 


- Scarlett – Draco riu com um leve desprezo – Porque eu mostraria algo que toda a escola já sabe? Eu não preciso de notícias desse tipo.


 


- Vocês homens são nojentos – ela revirou os olhos, partindo na mesma direção de Pansy.


 


- Vai entender – Blaise olhou para Scarlett, sumindo de vista – E aí? Nós temos treino de madrugada Draco. Já avisou todo mundo? – claro que já Blaise! Draco não precisa de alguém lhe dizendo pra dar ordens. Ele faz isso naturalmente.


 

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo

Menu da Fic

Adicionar Fic aos Favoritos :: Adicionar Autor aos Favoritos

 

_____________________________________________


Comentários: 0

Nenhum comentário para este capítulo!

_____________________________________________

______________________________


Potterish.com / FeB V.4.1 (Ano 17) - Copyright 2002-2022
Contato: clique aqui

Moderadores:



Created by: Júlio e Marcelo

Layout: Carmem Cardoso

Creative Commons Licence
Potterish Content by Marcelo Neves / Potterish.com is licensed under a Creative Commons
Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License.
Based on a work at potterish.com.