FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout  
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
 

(Pesquisar fics e autores/leitores)

 


 

ATENÇÃO: Esta fic pode conter linguagem e conteúdo inapropriados para menores de idade então o leitor está concordando com os termos descritos.

::Menu da Fic::

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo


Capítulo muito poluído com formatação? Tente a versão clean aqui.


______________________________
Visualizando o capítulo:

3. MAIS EXPLICAÇÕES


Fic: NC-18 - O obscuro segredo de Harry Potter


Fonte: 10 12 14 16 18 20
______________________________

Ela suspirou, ele a trouxe mais para perto, ela não protestou, não quebrou o contato visual deles, e apertou levemente a cabeça dele em direção à sua... ela sentia a respiração rápida dele.. e ele o hálito doce e irresistível dela... ela habilmente , com a dança o levara para longe dos olhares de todos conhecidos.... ele sabia que não teria outra chance..... 

---- Mione.... eu.... não sei.... o quanto você bebeu??? ele disse sondando se ela estava sóbria o suficiente para saber o que estavam fazendo ... 

---- Muito pouco, pouco demais para tomar a inciativa para o que está prestes a acontecer aqui.... ela disse mantendo  o contato visual.... 

----- O suficiente para se arrepender amanhã....????? ele retrucou

----- O suficiente para ficar esperando ansiosa seu próximo movimento... e para não me arrepender de nada amanhã... e você.... ??? 

---- Bebi pouco demais para dizer que estou fazendo isto por causa ao álcool, o suficiente para me dar coragem para dizer que faria isso mais dia menos dia... mas pouco demais para poder analisar qual seria sua reação... 

---- Para saber o que vai acontecer... temos definitivamente deixar de conversar...  

---- Tem razão.... dissse ele se aproximando dela.....

O hálito dela era inebriante.. como uma drogra para ele ele se abaixou mais e sentiu a respiração dela...  ele sabia que o que estava prestes a acontecer era algo que não tinha volta, era algo que duraria para sempre, e isso fez ele a querer mais ainda....
x/x/x/x//x/x/x/x/x/x/x/x/ 

Harry se negou a fechar os olhos enquanto se aproximava daquela boca que desejava tanto.. ela por sua vez preferiu quebrar o contato visual quando viu se aproximar e fechou os olhos... se ele desviasse ou se não fizesse o que ela estava pensando ou melhor ardendo de vontade que acontecesse, seria menos embaraçoso....

E então não teve mais tempo de pensar nada... os lábios de Harry estavam pressionados contra os seus levemente, mas o suficiente para fazê-la gemer de leve.... o que pra ele foi um sinal para continuar.... 

O coração dele voava alto, batia forte, como se fosse sair do peito.. ela entrelaçou as mãos no cabelo dele, e o trouxe mais pra perto.... ele não se fez de rogado e intensificou o beijo ... ela colou seu corpo ao dele... os dois em perfeita sintonia... como se tivessem treinado isso por anos!!!  

Ele se atreveu mais um pouco e tocou a língua dela de leve, e isso fez Hermione se entregar totalmente aquele beijo, que pelo menos ela, esperara por anos... Quanto tempo durara aquele beijo? Ela jamais saberia dizer.... 

Eles foram bruscamente interrompidos por um cara bêbado que havia tropeçado e ido de encontro aos dois....

Harry a protegeu com o braço e disse: ----- Vamos sair daqui!!  

Ele a puxou para fora, pela porta dos fundos do bar... ela estava com a cabeça zonza e sabia que não era por causa da bebida... ele a puxava rapidamente e ela pensava se ele havia arrependido, se estava tendo um ataque moral, tipo -- Ah!!! Me desculpe amigos não ficam desta maneira... Ou...
Não sei o que me deu Mione, me desculpe... acho que foi o whisky.... ela pensara tudo isso numa fração de segundos.... ela só percebeu que havia saído do bar pois uma lufada de vento a fez tremer... 

Ele parou e disse: ---- Está frio... que indelicadeza a minha... e tirou a jaqueta de couro e passou pelos ombros dela... foram até o carro enquanto ela ainda estava tentando entender a reação dele e o que estava prestes a acontecer..

Ela tentou falar e ficou atônita quando viu que sua voz saiu num sussurro: --- Harry.... 

Eles já estavam chegando ao carro dele, e ele abria a porta pra ela e disse: 

----- Shhhh ... me dê um minuto Mione. E a guiou para dentro do carro.  Ele deu a volta no carro, o que deu a ela mais uns segundos pra pensar:   ---- Ele se arrependeu.. tenho certeza... melhor eu fazer cara de quem também não me importei com o que aconteceu.... disse ela pra si mesma.... numa tentativa fracassada de se acalmar... 

Ele se sentou no banco... se virou pra ela e viu que ela estava assustada. Ele passou a mão de leve no rosto dela e disse: 

----- Sabe quanto tempo esperei por este momento???  ele disse chegando mais perto dela 

----- Hummm ... não .. disse ela com cautela... 

Ele passou o rosto pelos cabelos dela.... o cheiro era inebriante e disse com a voz rouca:

---- Desde o dia que você entrou no vagão, procurando o sapo de Neville...  Ela se arrepiou com as palavras ditas bem perto de sua orelha, enquanto ele mordiscava de leve o lóbulo da orelha dela... ela tentou não gemer.... 

---- Harry ... eu... E ele não deu tempo de Mione terminar a sentença... se apossou da boca dela como se fosse sua propriedade há bastante tempo... ela de repente parou de sentir frio.... enlaçou o moreno peplo pescoço e se deixou levar.... 

Eles ouviram um grito no final do beco, e o sangue de Hermione gelou. Harry olhou para o retrovisor e não viu nada. Provavelmente um casal animado se divertindo no escuro... mas algo em sua mente mexeu e ele se soltou dela , meio a contragosto e disse: 

---- Melhor sairmos daqui.... essa vizinhança não é das melhores.... e já fomos interrompidos demais por hoje... 

x/x/x/x/x/x//x/x/x/x/x/x/x//x/x/x/x/x

Chegaram na mansão Black... e Hermione deu graças a Deus por não ter chegado ninguém ainda....

A casa agora era totalmente habitável... graças a ela ... que decorara tudo com seu bom gosto e com pouco dinheiro.., comprara várias coisas no mercado de pulgas preferido, antiguidades, reformara móveis, jogara coisas fora... deixara a casa com cara de casa... como Harry dizia... ela se esmerara mais no quarto dele.. afinal de contas ele nunca tivera um quarto só pra si.. Ele a pegou pela mão e a levou escadas acima... o coração dela martelava.... 

Ele parou na sala e acendeu a lareira com um toque da varinha. Ela o olhou sobre as luzes da lareira e viu o homem que amava... ela ainda não conseguira articular uma palavra...  

Ele se voltou pra ela com uma cerveja amanteigada na mão e disse: 

---- Isso vai te aquecer.... 

 Ela pegou a cerveja e disse : --- Ok... e... 

---- Bom se quiser eu posso fazer as vezes da cerveja e aquecer você.... ele disse se sentando do lado dela e pegando a mão fria dela. O gelo em suas mãos não tinha nada a ver com a temperatura de Novembro e sim com o nervoso que ela sentia...  

---- Harry... hã... precisamos conversar... ela disse afastado-o enquanto ele tentava puxá-la mais pra si. 

Ele a olhou sério e disse: 

---- Não vai me dizer que arrependeu Mione... por favor... eu...não sei... Ela sorriu... era tudo que precisava ouvir..,. a insegurança dele a fez derrubar a última barreira e ela respondeu rápido: 

---- NÃO, não me arrependi.... só não quero ouvir de você que tudo isto foi um engano.. e que exageramos na bebida, disse ela levantando a garrafa para ele . 

Ele pacientemente tirou a garrafa das mãos dela e disse: 

---- Jamais... levei anos para fazer isso... anos lutando para saber se estava interferindo em algo que poderia existir entre você e meu melhor amigo...  fiquei numa luta íntIma enorme se estava de alguma forma traindo Rony ou a você.. de certa maneira ..... lutei demais contra isso.. e não posso mais ... não consigo... hoje, quando vi aceitação e desejo em seus olhos.. eu me permiti... estou errado?  

Ela ergueu a mão e passou pelo rosto dele e disse: 

---- Não... e isso era tudo que eu precisava saber.. ela disse se aproximando dele. Foi a vez dela agora de puxá-lo para si... ele a pegou pela cintura e a trouxe até seu colo. Ela gemeu... jamais ficara assim com ninguém... ela sabia das aventuras de Harry.. aliás uma vez ouvira ele contar a Rony e a Neville sobre uma noitada particularmente animada que tivera no Brasil em uma missão do Ministério... ela sonhara por meses com as cenas descritas por ele. 

Ele passou a mão pelas costas dela e ela se encaixou no seu colo e gemeu quando ele mordeu o pescoço dela.... suas mãos passeavam pelo corpo dela, sem serem invasivas mas sem deixar de serem insinuantes.... ela não perdia nada... também se aproveitou do momento e curtiu cada pedaço daquela boca que ela desejara por anos.. se aventurava pelo maxilar dele e num arroubo de ousadia passara as unhas de leve nas costas dela.... isso rendeu a Harry um gemido rouco.. e a ela um sorriso de satisfação.. 

---- Harry... ela disse ofegante... eu .. er... eu ... 

Ele acariciou o rosto dela e disse: 

---- Eu sei... eu sei... conheço cada pensamento seu.. cada gesto seu.. vamos devagar - hum???? ele disse beijando-a de leve. 

O coração dela se alivou....  

Ele levantou com ela no colo e a pousou no chão e disse: 

---- Pizza?  Estou morto de fome... e se bem conheço - o Rony - se vier pra casa.... vai chegar faminto... vamos para a cozinha... 

x/x/x/x/x/x/x/x//x/x/x/x/x/x/x//x 

Os dias seguintes foram mágicos para ela... eles decidiram manter o relacionamento em segredo... até terem certeza de como contar a todos... especialmente Rony. Ele estava feliz.. depois de um dia cansativo no Ministério ela passou em sua sala e sugeriu tomarem um chocolate quente numa cafeteria e para fazerem as compras de Natal. 

Ele largou tudo que estava fazendo, com aquela sensação maravilhosa de que tudo agora daria certo pra ele... seria no Ano Novo... fariam a revelação do namoro secreto , no Ano Novo...  

Eles fizeram compras e pararam para jantar em uma cantina italiana. O maitre que os atendeu, mediu Hermione de cima a baixo e fixou o olhar nela, fazendo com que Harry sentisse uma vontade súbta de socá-lo.

Isso era diferente pra ele.. 

Depois de fazerem o pedido e esperar pelos pratos e pelo vinho, ele pegou na mão dela e disse: 

---- Posso fazer uma pergunta totalmente indiscreta, de um namorado relutantemente ciumento? 

Ela o olhou divertida, bebeu um gole de vinho e disse sorrindo: ---- Pode... 

--- Promete me responder??? ele disse inseguro 

---- Depende.... 

Ele riu  e disse: ---- Somente o Vicktor que você namorou... ficou.. beijou.. sei lá....ou tem mais alguém que eu não saiba.... ??? ele disse revirando o raviolli no prato sem comê-lo. 

Ela riu e disse: ---- Mesmo?? Quer saber com quantas pessoas eu já "fiquei" antes de você? ela disse divertida 

---- Mione.. por favor.... 

---- Vai me contar das suas? Tenho a noite toda.. ou vou precisar de mais uma noite? ela disse pegando um raviolli do prato dele 

---- Mione... acho que você não conhece minha parte namorado possessivo conhece? ele disse ainda tenso... 

---- Ok... bom vamos lá... o Viktor foi o primeiro... claro... esperei infinitamente você me convidar para o baile de inverno... quanta dificuldade...  

Ele arregalou os olhos mas não interrompeu: ---- Depois .. ahhhh... quando fui à Australia pegar papai e mamãe... conheci um bruxo do Ministério de lá.. Paul .... e a gente teve um namoro relâmpago de duas semanas... e .... 

---- Tem mais? gemeu ele ansioso Ela riu gostoso e disse: ---- Você disse que queria saber... devo continuar???  

Ele concordou com a cabeça 

---- E no dia que fui à boate... encontrei um amigo de longa data.. de olhos verdes e cabelos negros... e .... foi definitivamente o melhor beijo da minha vida... então isso resume minha vasta experiência com garotos a 3, incluindo você..... 

Ele pegou a mão dela, visivelmente aliviado e disse:  ---- Me desculpe... mas quando vi o maitre o restaurante te olhando hoje, como se fosse te devorar .. fiquei louco. 

---- Essa é novidade pra mim.... ciúmes?? Ela disse divertida 

---- E Rony?  ele perguntou de sopetão 

Ela fechou o sorriso e disse: 

---- Pensei que confiasse em mim....  

---- Confio... você não entendeu... alguma vez .. ele insinuou algo pra você.. porque sempre tive a certeza de que havia uma certa tensão entre vocês... e 

---- Tensão entre o Rony somente... que foi claramente esclarecida a ele quando ele me pegou com o Viktor no baile de inverno... nunca vi Rony desta maneira para mim ele é só uma amigo, um irmão e nada mais. 

---- E ele? 

---- Acho que pra ele eu era a única opção , à mão... sem ter que sair procurando.. algo assim... ele ficou meio chateado comigo.. mas logo surgiu Lilá de novo - Deus abençoe Lilá... mas nunca o vi entusiasmado com ela.. então acho que ele ainda não encontrou seu par certo....mais alguma dúvida????  

---- Não.... desculpe. Ele disse olhando-a profundamente aliviado. Ela sorriu e disse: --- Eu entendo.... agora minha vez.... você!!!! 

Ele fez uma careta:  - Tenho que dizer uma a uma??? 

Ela riu e disse: ---- Não.. eu não exigiria tanto da sua memória.. e não quero ficar aqui a noite toda... alguma em especial??? Cho??? Gina??? ela disse tentando parecer segura.

---- Cho foi uma paixonite.... meu primeiro beijo e minha primeira decepção... foi depois de ver suas cartas longas ao Viktor que me fez procurar algo parecido.... Gina... um erro gigantesco... acho que a tensão dos tempos e a insistência dela.... não sei como fui fazer isso... 

---- Até que ponto chegaram? ela perguntou séria 

---- Até que ponto chegamos?? ele perguntou confuso.. mas com uma boa idéia do que ela queria dizer... e sem acreditar que ela estava perguntando isto...

 ---- É... até que ponto, você e Gina??? Até o ponto em que você ficou com aquela brasileira no Rio de Janeiro??? ela o olhava profundamente... 

Ele engasgou. 

---- Brasileira..... . Mione por Deus quem te falou dela??? perguntou ele indignado 

---- Você.... 

---- Nunca te disse nada... 

---- Não diretamente..... mas uma noite chegaram, você, Neville e Rony , por sinal, pra lá de bêbados... e você contou detalhes de uma noitada particularmente " caliente" no Rio e eu que não sou surda, ouvi ... estava na biblioteca terminando um trabalho do hospital. 

Ele gemeu e disse : - Até onde você escutou??? 

---- Um pouco além do comentário sobre a depilação à moda brasileira... ela parecia se divertir com o constrangimento dele... 

---- Ah céus!!!  

---- Hey... não sou tão puritana assim... mas não me respondeu... foi tão longe com Gina?? 

---- Nunca.... não que ela não tivesse tentado.. mas nunca...  

Ela sorriu e disse: --- Alguém marcante?? Além da brasileira???  

Ele revirou os olhos e disse:

 ---- Não... aliás uma exceção... Ela segurou a respiração 

Ele sorriu, viu que ela estava ansiosa e respondeu devagar

---- Está sentanda na minha frente.. comendo quase todo meu raviolli... essa garota sim,... essa foi e é marcante... 

Ela ficou corada e disse: 

---- Mais que a brasileira??? Mesmo sem ela ter feito um décimo do que ela fez?? ela disse roxa de vergonha 

---- Mais .. muito mais..... infinitamente mais marcante... eu amo você!!! Não percebeu isso ainda? 

Ela piscou várias vezes antes de assimilar o que ele havia dito e respondeu: 

---- Também amo você.... demais.... Ele sorriu e fechou os olhos enquanto ela passava a mão pelo rosto dele. 

x/x/x/x//x/x/x/x/x/x/x/x/x/

 Ela estava ficando impaciente... a cada encontro com Harry, as coisas progrediam mais... até que ela se encontrou na situação de confrontá-lo: 

---- Mione.. já te disse que assim não... vamos devagar.. foi assim que te prometi.. e não quero as coisas escondidas e sem poder contar pra todo mundo que estamos juntos. 

---- Ahhhh... sou crescidinha sabia?? Disse ela se levantando do colo dele.  Ah e também tenho idade suficiente pra saber o que quero fazer com o meu namorado!!! 

---- Eu sei.. disse ele se levantando e indo ao encontro dela. 

Ela se esquivou e disse: ---- Não me deseja é isso... gosta de mim.. mas não o suficiente pra gente.. você sabe.. 

Ele riu e a puxou para si em um abraço forte... 
---- Escuta aqui mocinha... desejo e muito .. e como desejo!!! E não acho que esteja pronta ainda, pra fazer amor.... você não consegue nem articular uma frase direito quando se trata de sexo. E já te disse que quero tudo perfeito.. tudo como sempre sonhei.... 

---- Eu estou pronta sim ...você fala que me deseja.. mas como você aje .. eu não sei....  eu amo você... ela disse colando o corpo ao dele. 

Ele não se afastou desta vez... ao contrário.. colou seu corpo ao dela e deu mostras de que a desejava sim.. mais do que ela poderia imaginar... 

Ela suspirou profundo quando sentiu Harry rijo, pressionado contra seus quadris: --- Oh... ok... me deseja... isso é bom... isso é ótimo... já estava achando que tinha algum defeito ou algo assim... Ele riu e a beijou e disse:

---- Deixe eu fazer da minha maneira sim??? Depois do Ano Novo vai ser tudo diferente.. eu prometo!!!Não quero ficar me escondendo feito um ladrão aqui em casa... nem te largar de repente na mesa da cozinha porque escutamos Ron aparatar na sala.. ou porque Neville resolve aparecer no meio da tarde... não é assim que te quero...  Ela suspirou e entendeu.. mas não desistiu 

x/x/x/x/x/x/x/x/x//x/x/x/x/x

CENAS DO PROXIMO CAPÍTULO Depois de se certificarem que estavam sozinhos ela o puxou para cima... no sofá da sala... ela tinha um plano.............

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo

Menu da Fic

Adicionar Fic aos Favoritos :: Adicionar Autor aos Favoritos

 

_____________________________________________


Comentários: 0

Nenhum comentário para este capítulo!

_____________________________________________

______________________________


Potterish.com / FeB V.4.1 (Ano 17) - Copyright 2002-2022
Contato: clique aqui

Moderadores:



Created by: Júlio e Marcelo

Layout: Carmem Cardoso

Creative Commons Licence
Potterish Content by Marcelo Neves / Potterish.com is licensed under a Creative Commons
Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License.
Based on a work at potterish.com.