FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout  
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
 

(Pesquisar fics e autores/leitores)

 


 

::Menu da Fic::

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo


Capítulo muito poluído com formatação? Tente a versão clean aqui.


______________________________
Visualizando o capítulo:

14. Novos hóspedes


Fic: "Foi assim..." Capítulo 21 On LIne (*E que venham as pedras...*)


Fonte: 10 12 14 16 18 20
______________________________

Não podia estar se sentindo mais feliz... Estava ao lado do homem que amava, com seu filho em
segurança, segura e finalmente empenhada a lutar pelo que acreditava. Estava feliz por ter se tornado
um mebro da ordem da fênix.
“Agora sim, Draco teria um motivo para orgulhar-se de sua mãe”, pensou Narcisa, fitando os olhos
do filho que a encarava dividido entre a felicidade e a repentina preocuação.
Draco procurou os olhos de Snape, como que esperando uma explicação mas recebeu apenas um “Ela te explicará”.



__ Acho que você pode deixar a faxina para depois Draco- disse a Sra Weasley enquanto os outros
se dispersavam em conversas alheias.- A Gina pode ir adiantando uma parte.
__ Faxina?- sorriu Narcisa sem disfarçar a surpresa e o divertimento ao imaginar o filho fazendo
uma faxina. Draco apenas sorriu para ela, estava feliz demais para retrucar ou fingir-se bravo por sua
mãe estar quase zombando de sua cara por ter que fazer uma faxina.- Não! Não querido, pode ir...
preciso descansar um pouco.
__ Certo- disse ele entredentes olhando de Snape para sua mãe.- já vou indo então.
__ Mais tarde conversamos- sorriu ela.
_ Sim...mais tarde.- ele sorriu sarcasticamente antes de emendar- e a propósito, bela capa mamãe.



Snape lançou-lhe um dos típicos olhares repreensivo mas Draco apenas continuou a rir enquanto se
aproximava de Gina que segurava-se para não rir da cara do professor. Gina apressou-se em indicar
o caminho para o sótão, logo após entregar-lhe um balde e um esfregão e alguns produtos de
limpeza. Seguiram em silêncio enquanto andavam rapidamente, quase que correndo pelos corredores
já não tão silênciosos quanto na madrugada anterior.
Quando finalmente chegaram no sótão, e fecharam a porta atrás de si desataram a dar boas
gargalhadas.



__ Você é louco?!- perguntou Gina enquanto ele a rodopiava no ar, segurando-a pela cintura.
__ Por você? Achei que você já tinha percebido- brincou ele colocando-a de volta ao chão.
__ A capa... era dele não era?- perguntou ela ainda rindo.
__ Como você sabe?- perguntou Draco enquanto executava um feitiço silenciador no aposento.
__ Sei lá...- respondeu ela mais atenta ao gesto dele.- sua mãe corou um pouco e aquele olhar do
Professor... se fosse para mim eu nem pensava duas vezes antes de desaparecer o mais rápido que
pudesse... Mas pra que diabos você está silenciando o sótão?!
__ Já vi que uma noite de sono te faz falta não é?- riu ele um tanto maliciosamente voltando a
segurar na cintura dela, trazendo-a para mais perto.
__ Hm...
__ Além disso, é a primeira vez que faço uma faxina na minha vida,- continuou ele
displicentemente- não vou querer ninguém ouvindo as preciosas dicas que você vai me dar...
__ Dicas?
__ É...- sorriu ele antes de envolvê-la num caloroso beijo que foi interrompido pelos risinhos que
escaparam da boca dela.- Que foi?
__ Nada...- disse ela baixando o olhar, com um sorriso tímido no rosto. Estava definitivamente
corada.
__ Vermelha?- perguntou ele rindo, admirando a graciosidade daquelas sardas sobre a pele corada
dela.- Afinal por quê você está...?
__ Nada!- interrompeu ela afastando-se dele de um jeitinho brejeiro para dirigir-se ao balde no chão
ali perto,
__ Srta Weasley?- insistiu ele imitando o tom geralmente usado por Snape, fazendo-a rir
harmônicamente.
__ É estranho...- disse ela encarando-o nos olhos, já conseguindo controlar o motivo de ter ficado tão
corada. Draco, lendo o que se passava na mente dela, descobriu que a ruiva, mesmo depois daquela
noite maravilhosa que tiveram juntos, sentia-se envergonhada junto dele, sem saber no quê
exatamente pensar... “e se ele estiver pensando no quanto sou boba....?”perguntava-se ela ainda
encarando-o.
__ Você é linda- sorriu ele carinhosamente. Ela, apesar de muito forte, decidida, madura de um certo
modo, não passava de uma menininha, a SUA menininha pensou ele andando na direção dela sem
em nenhum momento desviar-se dos olhos dela. Uma das coisas que mas o encantavam naquela
menina mulher era a capacidade de conservar a sua ingenuidade, sua pureza de um modo que não a
prejudicava em nada no mundo cruel em que estavam vivendo naquele momento de guerra. Ela não
se deixara corromper...
__ Você realmente quer me deixar vermelha hoje não?- murmurou ela sentindo as bochechas
arderem, pensando no quão definitivamente boba ela devia estar parecendo naquele momento.
__ Já disse, você é linda- insistiu ele alargando o sorriso- demais. Perfeita...
__ Draco...
__ Eu te amo- completou ele segurando o rosto dela, depositando um delicado e demorado beijo na
testa dela que se sentiu meio desconcertada.
__ Eu também.- disse ela passando os braços timidamente em volta dele que a acomodou
prontamente num aconchegante abraço.



A porta pela qual tinham entrado se abriu bruscamente sobressaltando-os.
Como se tivessem acabado de tomar um grande choque eles se separaram, ambos tentando parecer o
mais inocente possivel para o recém chegado. Foi um suspiro de alívio de Draco e um leve muxôxo
que deram coragem para Gina abrir os olhos e encarar quem agora fechava a porta.



__ Mais cuidado com o que faz Draco.- disse Snape internamente se divertindo com a situação.
__ Desculpe-me professor- sibilou ele irritado pelo susto.
__ Srta Weasley, sua mãe pediu que lhe entregasse isso- disse Snape estendendo algumas flanelas e
um líquido negro dentro de um borrifador.- Creio que seja para as fadas mordentes que podem haver
aqui.
__ S-sim s-senhor- gaguejou ela pegando o borrifador e as flanelas imediantamente.
__ E Draco, um feitiço guardião seria de boa ajuda além do feitiço silenciador,- emendou Snape
agora com a mão na maçaneta, os olhos ainda na ruiva agora tão rubra quanto os próprios cabelos.-
ajudaria a dar mais privacidade ao... casal.



Draco abriu um sorrisinho enviesado ao professor que fechava a porta a suas costas com um
sorrisinho igual. Aquele garoto ainda tinha coisas a aprender, riu-se ele. Na verdade, Molly não
havia pedido coisa alguma a ele. Conhecia muito bem o aluno para saber que uma vez que tivesse
feito as pazes com a ruiva Draco não hesitaria em tê-la em seus braços um segundo sequer, mesmo
sabendo dos riscos de serem pegos. E como pôde perceber que os dois, assim como ele e Narcisa,
haviam se acertado, no momento em que encarara o loiro pela primeira vez naquela manhã, sabia
que aquilo aconteceria. Não custaria nada dar uma ajudinha ao jovem casal... pensou ele antes de
decidir dar a dica ao aluno.



Tinha plena consciência da dor de cabeça que seria explicar o namoro dos dois jovens ao irmãos
Weasley... Quanto a Arthur e Molly não haveriam muitos problema, mas quanto aos gêmeos e à
Ronald, certemente as consequências seriam catastróficas. Sabia também que Draco e Gina não
poderiam esconder aquele relacionamento pra sempre, mas por enquanto assim seria melhor, pelo
menos teriam mais tempo para que os irmãos Weasley aceitassem a idéia de que Draco não era
aquilo tudo que eles julgavam ser...



Em meio a seus pensamento novamente chegou a porta do quarto onde deixara Narcisa à poucos
minutos atrás. Instintivamente olhou os dois lados do corredor do andar em que estavam antes de dar
três leves batidas na porta que imediatamente se abriu.




__ Ele não tinha usado.- disse Narcisa como se estivesse dando seguimento a uma conversa
inacabada, sentada na cama com um sorriso divertido nos lábios.
__ Assim como eu...- concordou Snape fechando a porta atrás de si, executando os feitiços
Silenciador e guardião. O primeiro garantia que nada poderia ser ouvido além daquelas quatro
paredes, o segundo avisaria caso alguém tivesse a intenção de falar com alguém dentro do aposento
ou entrar lá.
__ Incrível a semelhança de vocês.- comentou ela analisando-o.
__ Até onde sei, isso acontece porque nós somos iguais...- disse ele indicando a si próprio e a
ela, fazendo-a dar uma gostosa gargalhada.
__ Nós? Iguais?- riu ela vendo-o revirar os olhos fingidamente.- Definitivamente não...
__ Você sabe que tenho razão...
__ Não tem não.- disse ela acenando a cabeça negativamente para ele que ergueu uma sobrancelha.-
Principalmente por que eu sou muito mais bonita...



Foi a vez dele soltar uma grande e grave gargalhada. Gargalhada que ela adorava... principalmente
por ser muito rara de se ouvir. Adorava aquele sorriso dele, o jeito como ele jogava os cabelos pra
trás antes de tentar esconder o sorriso abaixando a cabeça deixando o rosto ser encoberto por seus
cabelos.



__ Devo admitir que não tenho argumentos para tal afirmação- disse ele ainda entre os risos- na
verdade devo acrescentar que a palavra bonita não faz jus a tamanha beleza...
__ Tão romântico...- sorriu ela levantando-se indo em direção a ele.
__ Só estou dizendo a verdade- disse ele trazendo-a pra mais perto de si, segurando firmemente em
sua cintura. Ela sorriu.
__ Então devo dizer que menti...- disse ela passando os dedos levemente sobre o peitoral dele
cobertos por suas vestes negras.
__ Mentiu?- indagou ele arqueando as sobrancelhas.
__ Sim... ao dizer que não somos iguais por eu sou bonita.- ela deu de ombros, analisando a testura
do tecido das vestes dele.- Por que você também é, apesar do jeitão mau humorado, carrancudo e
ranziza... é muito bonito.
__ Sei...- disse ele com um ar debochado que a fez soltar um audível muxoxo.
__ Mas isso não muda o fato de que não somos iguais- disse ela esnobando-o e desvencilhando-se
dos braços dele, voltando para a cama. Mal botara o joelho na beirada da cama para depois sentar-se,
sentiu o braço dele puxando-a de encontro ao corpo dele que se jogava na cama. Um ato espontâneo
que a pegou de surpresa. “Bendito feitiço silenciador..”, pensou ela caindo sobre ele, dando uma alta
gargalhada.- Está louco é?!
__ Não, e nem você.- disse ele prendendo-a firmemente entre seus braços.
__ Não é o que parece...- disse ela provocante, roçando os lábios nos dele.
__ Se continuarmos assim terei de concordar com você- disse ele num sorrisinho enviesado, sob o
peso do corpo dela, sentindo-a extremecer.
__ Ótimo- disse ela antes de beijar-lhe calorosamente.- Quanto tempo temos?
__ Meia hora- disse ele após consultar o relógio.
__ Mas que o suficiente- sorriu ela rolando nas costas, deixando o corpo dele pesar sobre o dela. Ele
sorriu um tanto surpreso, não esperava encontrá-la novamente assim tão rapidamente, com o corpo
em erupção, completamente entregue aos próprios sentidos que clamavam por cada pedacinho do
corpo dele, completando-a mais uma vez.



Prazer. Um prazer simétrico, sem culpas, como se um fosse o outro... perdidos entre beijos que iam
de um extremo ao outro do corpo dela, correspondidos por mordidas suaves, às vezes famintas,
àvidas em suas costas e pescoço. Mas não poderiam se estender muito... ele não queria que fosse
daquele jeito, não depois da indescritível noite que tiveram.



__ Ei- chamou ela vendo-o se afastar um pouco, ofegante, passando as mãos pelos cabelos na
tentativa de pôr os pensamentos em ordem.- Onde você pensa que vai?
__ Shhh...- pediu ele com um novo sorriso. Um sorriso malicioso que denunciava suas intenções...
Beijou-a novamente, dessa vez com calma, saboreando a boca dela minuciosamente.
__ Isso é algum tipo de tortura?- sussurrou ela, os olhos ainda fechados, estasiada por aquele beijo.
__ Só se for pra mim- sorriu ele acariciando os cabelos dela.- Você sabe que e não posso...
__ Ah...- gemeu ela inconformada.
__ E mesmo assim você continua...- arfou ele sentindo ela mordiscar sua orelha.
__ Você não me ensinou a resistir...
__ Resistir?- riu ele- creio que nem eu aprendi tal façanha.
__Certo- ela riu dando-se por vencida soltando-o.
__ Também não precisa me abandonar assim...- reclamou ele beijando-lhe o pescoço. Ela riu mais
uma vez voltando a acariciar os cabelos dele.- Ainda temos dez minutos.
__ Nos quais você vai se comportar direitinho, me levar lá pra baixo e me apresentar aos seus
companheiros da ordem- disse ela pomposamente.
__ Nah...- negou ele num tom raramente usado por ele- pra isso eu preciso de apenas cinco minutos.



Ela riu novamente antes de ser envolvida em mais um beijo. Exatos cinco minutos depois Narcisa
era conduzida novamente para a cozinha por Snape, observando cada detalhe daquela que seria a
partir de agora, provisóriamente, seu novo lar. Antes de descer o último lance de escadas ela parou
segurando no ombro dele.



__ O quê...?- começou ele.
__ Sou apenas a mãe de seu aluno aqui certo?- perguntou ela insegura. Não havia pensado em como
se portaria quanto a sua relação com Severo perante aos membros da ordem.
__ É assim que você quer?- rebateu ele olhando profundamente nos olhos azuis dela.
__ Eu...
__ Porque não pretendo ter mais segredos dos que já tenho para com as pessoas daqui.- disse ele
firmemente.- E muito menos esconder o que sinto por você...
__ Mesmo pondo em risco a sua imagem de durão e malvadão para seus alunos?- brincou ela após
alguns instantes de silêncio no qual acariciara o rosto dele com um sorriso terno.
__ Eu corro o risco- ele sorriu entrelaçando suas mãos nas dela.- embora um pouco de discrição
quando aqueles fedelhos estiverem por perto não vá fazer mal algum...
__ Com certeza...- concordou ela entrando enfim na cozinha que àquela hora estava um pouco mais
movimentada que quando ela chegara.
__ Severo! Fica conosco para o almoço?- perguntou Molly de trás das panelas suspensas mais ao
fundo da cozinha.
__ Não poderei. Mas devo voltar para o jantar- disse ele vendo a cara de surpresa se formando no
rosto dela e de Tonks que estava ali perto.
__ Certo certo... esperaremos por você então.- sorriu Molly ainda desconcertada. __ Vou ver como
estão as crianças na faxina.
__ Eu cuido das panelas aqui Molly- disse Tonks prontamente.
__ Cuida sim...- zombou Gui sentado a mesa, proximo a ela. Tonks fuzilou-o com o olhar enquanto a
Sra Weasley parecia receosa quanto a oferta.
__ Eu posso ajudar Molly- disse Narcisa.
__ Não será preciso...- começou Molly cordialmente
__ Eu insisto- sorriu Narcisa sentindo a mão de Snape mais firme entrelaçada a sua, como que
dando-lhe apoio.
__ Certo, não me demoro- sorriu a Sra Weasley para logo em seguida sair da cozinha em direção à
sala.
__ Já vou indo- começou Snape- ao anoitecer estarei...



Narcisa não chegou a ouvir o fim da frase de Snape pois ela foi abafada por gritos infernais que
chegavam pelo corredor pelo qual ela havia chegado. Sabia do que se tratava só não sabia quem seria
o recém chegado.



__ Mané- resmungou Jorge.
__ Mas...!
__ Já basta Fred- interrompeu um Arthur Weasley realmente grisalho mais visivelmente ruivo.- e
você também Jorge.
__ Bom dia- saudou Lupin para logo em seguida largar-se numa das cadeiras perto de Gui.
__ Harry!- exclamou Tonks puxando o moreno para um forte abraço.
__ Oi Tonks- respondeu ele um tanto sufocado.
__ Com fome?- perguntou ela. Mas ele não estava ouvindo. Seus olhos iam de Snape para a loira ao
seu lado, com as mãos entrelaçadas nas dele. Se não estava ficando louco de vez aquela era...
Narcisa Malfoy!- Ah! Você já deve conhecê-la mas... de qualquer modo, Harry esta á a Sra Malfoy.
__ Narcisa- corrigiu ela.- Apenas Narcisa.
__ Oh! Certo...- comentou Tonks desconcertada, notando então que ela estava de mãos dadas com
Snape.- Narcisa.
__ Muito prazer Harry- sorriu ela insegura, recebendo um sorriso vacilante em resposta.
__ Já vou indo- disse Snape voltando a fitá-la- ao anoitecer devo estar de volta.
__ Certo- assentiu ela.- Cuide-se.



Snape acenou positivamente antes de, enfim, se retirar.
Definitivamente aquilo não era normal. Harry sentia-se como se estivesse num sonho muito estranho
em que nada, absolutamente nada fazia sentido. A começar por ser recebido por Tonks e não pela
senhora Weasley com seu costumeiro olhar clínico e abraço emocionado. E agora, Snape e Narcisa!
Narcisa Malfoy ali, na sede da ordem da Fênix! E de mãos dadas com ele! Como se fossem um
casalzinho de adolescentes apaixonados que anda por aí de mãos dadas... Inacreditável!!!



__ Harry!- saudou uma Hermione empoirada que chegava a cozinha com Rony e a Sra Weasley em
seu encalço.
__ Harry querido!- saudou a Sra Weasley. Agora sim... as coisas pareceram voltar a seu eixo, tirando
o fato ded que Narcisa ainda estava ali observando a cena por detrás das panelas onde estava com
Tonks.- Com fome?
__ Não, obrigada.- respondeu ele prontamente.
__ Se safou da faxina- comentou Rony dando-lhe um tapinha nas costas.
__ Hoje...- completou Hermione com um ar cansado.
__ E a Gina?- perguntou Harry.
__ Lá em cima- respondeu Hermione rapidamente antes que Ron pudesse abrir a boca.- Vamos
deixar suas coisas no quarto e podemos falar com ela.
__ Certo- respondeu ele sentindo uma certa tensão na voz da amiga.- Com licença- pediu ele antes
de se retirar.



Subiram as escadas apressadamente, em silêncio. Harry com a sensação de que a cada passo que
dava mais errada ficava aquela situação. No caminho encontraram com Lince que ao ver o moreno
pulou sobre ele fazendo uma grande algazarra; Mais uma coisa errada, pensou Harry, um gato que
acha que é cachorro e o pior, sem sua Dona. Onde raios estava Gina?!



__ Mas onde...?
__ Espere!- pediu Hermione fazendo sinal para ele se calar.- Eu sigo, vocês me esperam aqui. E
pode deixar que trago a Gina.
__ Por quê todo esse mistério- perguntou Harry vendo a amiga se afastar em direção ao próximo
lance de escadas.- E por quê a Sra Malfoy está aqui?
__ Não faço idéia mas pode Ter certeza que isso não é o pior...- resmungou Rony de cara amarrada.
__ Pior?
__ Malfoy. Malfoy está aqui!- respondeu ele exaltado jogando uma das malas de Harry no chão do
quarto.
__ O QUÊ?!



Continua...





N/A: la la la... e eis que chega u meu amado Harry ^^ huhuhuhuhu... babado babado babado!(*me
sentindo o leão lobo prestes a fazer uma fofoca*) haiuhaiuahiahaiuhaiahiauhaihaiauhaiuhaiuha^^
Mas nem vou fazer fofoca nenhuma nau... senau estraga a... uia! Oh eu falando demais! Parei parei...
Vamus aos coments :


ChunLi Weasley Malfoy: Boa menina, se safou de uma azaração ^^ Mas oh, num me mata nau viu?
Nas tah sim chegandi na reta final da fic (*pega lencinhu e funga*) E nem eh maldade nau... eh pq...
sei lá, axo q se eu prolongar mtu posso acabar perdendo a pouca qualidade da fic a história pode
ficar mais cansativa do que já taj ficando saca? Sei lah... Xoxo (*hauihahaiuhaiauhiauhaihaiahiah*)
nau nau, nau tem a ver com a xuxa, pelo menos nau que eu saiba ^^’E que baum q c gostou do
reencontro De Draco com a Narcisa. Detalhes sordidos??? XD (*eu rolando de rir*), Mione
safadeenha??? Psq? Nem disse o q ela tava fazendo ueh?(*autora querendo aliviar a barra da
certinha Granger... sem mtu sucesso nau?*) Draco dando gargalhadas internas de quem 0.o ?
Anyway... q mtu baum meo, ngm ateh agora tinha comentado as minhas graceenhas nessa fic, meio
q tentei voltar ao lado humor da fic q tava meio de lado neh? Tah tah... vamu fazer assim, quem fizer
o coment/resposta maior vence hihihihih^^ Zuera, adoro coments enormes XD pode continuar viu ^^
E qto ao bunequinho de voddoo (*lembrando de um desenho do pica-pau q tem um lance desse...*)
eu nem ligo tah? Se eu sentir uma pinicadinha nu meu bumbum eu NÃO POSTO!!! Hunpf! E ainda
enfeitiço a pg em q vai constar o aviso dizendo o motivo de eu não estar postando
(*MUAHAHAHAHAHAHAHAHAHHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAAH...*)
Bjus pra ti

Ps.:(* 0.o viu? Ganhou ateh um ps!!! *) , DEIXA EU IR-ME-JÁ-QUE-JÁ-ESTÁ-
PINGANDO!!!!!!!!!!!! 0.ó
AHIAUHAIUAHIAUHIAUHAIUAHIAUHIAUHAIUHAIUAHIAUHAIHAIUHAIUAHIAUHAIH
AIHAIHAIAHAIUHAIAHIUAHIAUHAIUHAIUAHIUAHAIUHAIUAHIAUHIAUHAIUHAIUA
HAIHAIHAIAHAIUHAIAHIUAHIAUHAIUHAIUAHIUAHAIUHAIUAHIAUHIAUHAIUHAIA
(*sim sim Nani quase se mijando de tantu rir*)



Marienne Hifnor: Brigadaaaaaaaauuuuummmm! Pelo coment, pelo elogio, pelo toque... vlw msm.
Evanescence... nem sou fanzoca nau mas AMOOOO aquela música ^^ Tem uma renca de songs com
ela aki na floreios mas...nau podia deixar de fora, ela eh mtu perfeitosa pra essa fic. Espero ter
matado sua ansiedade direitinho e sem decepcioná-la ~~ , E volte sempre ^^
(*Ah! Sua fic...sobre a Astira... mtu interessante, se der eu vou acompanhar ^^ *)


Miaka: Miiiiiiiiiiii (*repare bem... eu tipo... a íntima!*), Seus comnets... ai ai, amo! Quase morro de
rir aqui vendo o teu coment e dpois o da ChunLi... “lembrando delicadamente dos momentos com a
Gina”, “detalhes sórdidos” ahiauhaihaiahaiuhaiuahiauhaiuhaiuahiuaha^^ Mtu massa... e gratificante
pq v6 taum gostando msm (*Nani emocionada*). O flagra hein? Ficou baum? Pelo menos pra mim
foi divertido escrever... agora, eu posso garantir q qdo o Rony descobrir sobre esse romance... aliás
qdo geral souber... nuoh... Altas emoções ^^’(* e k estou eu falando demais...*).
Bjns pra ti Mi (*tente falar isso em voz alta... eh comédia haiahaiuhaiuahiauh* Tah... tow surtando
neh? Eu sei, saquei, parei aki enoton...*)



Liz: Poft! (*Nani cai da cadeira*) Pérae... xeu me refazer... Poft! (*Nani nau aguenta e cai da cadeira
de novo...*) Certo...vou ficar de pé mesmo, assim nau caio da cadeira... MINIIIIIINNNNAAAAA!
Vc realmente nau ficou satisfeita com u seu primeiro atentado a minha vidinha do corazaum e agora
tenta me matar de novoooo ??? KI coisa!!! (*Nani com as pernas bambas*) COMO ASSIM
NANIGUEDEZ ROWLING??? (* Poft! * Nani infarta*)


(*Pós uti*)

Entaum eh neh... rowling... e q a Jk nau t ouça... Zuera... Meo! Brigadaum msm por tamanho elogio,
q de fato, e nau tente dizer q nau, eu NÃO MEREÇO. Mas msm assim brigadaum msm, fico
imensamente feliz por saber q vc gosta do meu estilo torto e errado de escrever as cenas
“calientes”... e mais ainda ao saber q c ama a fic (*Puxa lencinhu, funga, e pensa nu quão perfeitosas
saum as pessoas q têm comentado na fic*). E (*herm herm*) viaja nos seus pensamento neam... sei
sei(*Nani curiosaaaaa haiuhaiahiauhaiuhaiuah*) huhuhuh^^ Vc tb eh Rh??? KI liiiiindoooo^^ la la,
e vc eh D/g msm ou como eu eh H/G assumida mas nau tem probs em ler/escrever outros shippers?
Essse lance de shippers eh taum relativo non... vc msm q leu 4th of July (* ai d quem estiver lendo
ixu aki, q jah leu 4th of July e ainda NAU COMENTOU *) pode ter percebido q alguma “boa”
alma H/H fez o favor de demonstrar seu “carinho” nos coments ao escrever trocentos mil H2 td
bem... bah td bem nada! Uma coisa eh vc dar u seu coment e expor a sua opinião, outra eh vc tentar
dar uma aulinha grátis de química nos meus coments! Sério... saum soh shippers, pessoas q nem
existem! Precisa disso tudo??? Mas enfim... voltando a tua resposta... Brigada tb pelo
“particularmente perfeita” (* Nani corada*) Espero q vc curta “Ao seu lado” tb ^^
Bjus pra ti fofa ^^


Natasha: Q bom q vc amou ^^ Volte sempre blz?
Bjus



Mauela Malfoy: hihihihih^^ Tah lindo? Quase xorou??? 0.o boba nada... sério msm? T dxei
emocionada foi? Ou vc eh mtu manteiga derretida?(*Nani cruzando os dedos para a Manu ter se
emocionado d vdd ^^’*) Jeito bobinhu? Vixi?! Tow deixando o Draco sem cara de Draco neh? Pq
tipo... eh u Draco mas... um outro lado do Draco, um lado q só a Gina conhece... bah... axo q c e u
povo q tah lendo taum entendendo neh? Anyway... Jah t addei e vou sim ler u seu cpt 4 blz?
Bjus pra ti e t berro nu msn ^^


Aline: hhihihihihih^^ Eu sei o quão agoniante eh esperar por algo q a gnt qr mtu ver/ler/ q
aconteça... eu t entendo... e espero q vc aguente firme de semana em semana ~~ Q baum q c adorou
u cp 13 e brigada pelo “perfeito”, espero q tnha gostado do 14 e q a espera tnha valido a pena.
Bjus pra ti



Certo certo... Espero q v6 cheguem ateh aki...
GNTIIIIIIIIII!!! Nau me chamen de chata naum, tah podem chamar mas, tipo, 6 se incomodariam
mtu em responder duas pergunteenhas minhas? Se nau enton respondam por favor...
Como vc achou essa fic? E vc já indicou essa fic a alguém?
Me contem me contem!!!
Tah eu menti... tb queria aber se v6 jah votaram alguma vez na minha fic... ?


Tah... podem jogar os tomates agora XD
Bjus e brigadaum pela paciência ^^

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo

Menu da Fic

Adicionar Fic aos Favoritos :: Adicionar Autor aos Favoritos

 

_____________________________________________


Comentários: 0

Nenhum comentário para este capítulo!

_____________________________________________

______________________________


Potterish.com / FeB V.4.1 (Ano 17) - Copyright 2002-2022
Contato: clique aqui

Moderadores:



Created by: Júlio e Marcelo

Layout: Carmem Cardoso

Creative Commons Licence
Potterish Content by Marcelo Neves / Potterish.com is licensed under a Creative Commons
Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License.
Based on a work at potterish.com.