FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout  
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
 

(Pesquisar fics e autores/leitores)

 


 

ATENÇÃO: Esta fic pode conter linguagem e conteúdo inapropriados para menores de idade então o leitor está concordando com os termos descritos.

::Menu da Fic::

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo


Capítulo muito poluído com formatação? Tente a versão clean aqui.


______________________________
Visualizando o capítulo:

1. Atualmente


Fic: NC-18 - O obscuro segredo de Harry Potter


Fonte: 10 12 14 16 18 20
______________________________

Pessoal, uma fic cheia de suspense e tensão... agora encontramos Harry  sozinho, isolado do mundo e longe dos amigos... vamos mais pra frente entender o porque de tudo isto...

Prólogo

Harry olhou pela janela do chalé, a neve caia monotamente, e ele se permitiu voltar ao tempo. Raras vezes ele fazia isso... mas hoje era especial, a neve, a primeira neve do ano trazia a ele dubias emoções.....

Primeiro ele se lembrava de Hogsmeade, seus passeios com Rony e Hermione.... tempos conturbados, mas sem dúvida nenhuma fantásticos. Eram inocentes com uma coragem típica de adolescentes, enfrentando perigos inimagináveis....

Ele se lembrava do riso de Mione, das reclamações de Rony, até do gosto da cerveja amanteigada que tomavam no três vassouras....

Harry fez uma careta e uma lembrança ruim atavessou sua mente como se um raio o tivesse atingido.

A última fez que ele vira os amigos....era o dia da primeira neve do ano e infelizmente, aquilo fora extremamente necessário.... ele sabia disso... mas eles não sabiam .... e ficaram magoados... extremamente magoados com ele.... o rosto de Hermione , quando ele disse que iria embora e pediu para que não tentassem achá-lo.... a ravia de Rony pela falta de explicações.... tudo isso não saía de sua cabeça... mesmo depois de anos....


Apenas Lupin e Tonks sabiam parte da verdade.. mas haviam cumprido sua promessa e não haviam comentado nada com os amigos.... felizmente... Harry não os queria em perigo... ele suportaria tudo... a solidão.. a saudade... mas não suportaria vê-los feridos ou mortos por sua causa.. isso jamais!!!

A fúria de Harry a este mero pensamento fez com que ele quebrasse um abridor de cartas de metal que ele estava na mão.

Ele se levantou, acariciou Edwiges, que estava adormecida em um canto da sala, até ela tentou animá-lo, há dois anos havia voltado com cartas de Rony e Hermione que ele até hoje não tivera coragem de abrir..... ele a repreendeu e ela ficou olhando-o magoada, com seus olhos âmbar faiscando para ele, por vários dias...

No momento Harry estava em Interlaken , na Suiça, um povoado que se encontra no coração do país alpino, entre os lagos Thun e Brienz, e aos pés de três das montanhas mais célebres dos Alpes.

Fazia dois meses que estava lá, seguindo uma pista, ou melhor uma intuição que tivera desde seu último e conturbado sonho. Será que ele podia chamar aquilo de sonho???

Ele foi até a penseira e voltou a mergulhar nela à procura real de pistas...

""" Era uma noite fria, mas clara.. extremamente clara... ele estava em sua cama quando se sentiu sair do corpo e caminhar por um cenário jamais visto... no sopé de uma montanha, ele se lembrava muito bem...haviam homens encapuzados , extremamente excitados com algo que estavam planejando, havia, gravado no gelo a Marca Negra... Harry observava de longe quando ouviu uma voz metálica e fria:

----- Ainda estou muito fraco... Potter quase conseguiu desta vez.... devo ser mais cauteloso...

----- Mestre.. quando agiremos???? Já faz dois anos que estamos na obscuridade...

Harry gelou, aquela era a voz de Lucius... mesmo depois de tudo que acontecera na batalha final, ele continuava leal à ordem dos Comensais...

A voz de gelo cortou novamente o ar como um suspiro:

---- Ainda não... mas podemos dar a estes trouxas uma demonstrção do que podemos... temos que ser cautelosos, não sei até onde Potter sabe sobre minha pseudo-existência... não sei como andam seus poderes de sondar minha mente.

---- Não deve estar funcionando mestre.. ele acredita que o senhor está acabado.... com todo respeito...

---- Não sei.... ele se afastou dos amigos.... talvez com medo de que eu os ataque como forma de vingança.... idiota.. jamais faria isso....´seria me expor demais... mas me deliciar com aquela sangue-ruim não seria nada ruim... se bem que eu dei pequenas mostras de que eu sou capaz....

Harry sentiu uma raiva imensa.. acordou suado.. mas sem nenhuma dor na cicatriz.... ele não entendia... ele passou a mão na testa nervoso. Era quase se como ele tivesse vontade que ela doesse para ter certeza....

Ele não podia correr riscos.. não podia ..... Sua mente estava confusa... não podia concordar com Lupin que dizia, que sua experiência de "quase morte" fizera uma conexão com Voldemort, lhe dando detalhes do que ele planajava antes de ser destruído.. como um roteiro de todas suas futuras maldades.... Lupin dizia que a melhor explicação era que sua cicatriz não doía, portanto Voldemort, não existia....

Harry não concordava... sua primeira visão tinha sido aterradora....e ele estava feliz na época... feliz demais.... com descobertas que havia feito e que não pudera desfrutar.... tivera que magoá-la antes de poder dizer algo.. tinha que sair de perto... ele era um imã para o perigo....

Depois do último sonho, Harry não sabia para onde seguir... o noticiário da noite o informou corretamente.. a colônia de férias de esqui nos Alpes Suiços sofrera uma avalanche repentina, não detectada, que soterrara vários chalés e matara várias pessoas. A imagem na TV, dera a pista final.. a montanha que ele vira no sonho, estava estampada em sua tela de plasma de 52". Harry não pensou duas vezes e arrumou as malas...

Ele tinha que descobrir... ele tinha.... devia isso a seus pais, aos amigos que se foram na batalha, a Sirius e aos seus amigos....

N/A - INTRODUÇÃO PEQUENA.. DO DILEMA QUE HARRY ENFRENTA... VAMOS COMEÇAR A VOLTAR AO TEMPO PARA QUE COMECEM A ENTENDER O PORQUE DA PARTIDA DE HARRY E O QUE ELE ENFRENTARÁ MAIS PARA FRENTE....

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo

Menu da Fic

Adicionar Fic aos Favoritos :: Adicionar Autor aos Favoritos

 

_____________________________________________


Comentários: 1

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por Fernanda Destro em 08/09/2011

Estou de volta!!!!!!!!!!!!! Semama que vem tem mais!!!

Nota: 5

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

_____________________________________________

______________________________


Potterish.com / FeB V.4.1 (Ano 17) - Copyright 2002-2022
Contato: clique aqui

Moderadores:



Created by: Júlio e Marcelo

Layout: Carmem Cardoso

Creative Commons Licence
Potterish Content by Marcelo Neves / Potterish.com is licensed under a Creative Commons
Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License.
Based on a work at potterish.com.