FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout  
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
 

(Pesquisar fics e autores/leitores)

 


 

::Menu da Fic::

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo


Capítulo muito poluído com formatação? Tente a versão clean aqui.


______________________________
Visualizando o capítulo:

2. Capítulo 2


Fic: O Trio e Gina lendo Fanfics - IM BACK . 02.07.12


Fonte: 10 12 14 16 18 20
______________________________

Capítulo 2


 


Mais uma vez, está uma noite calma e tranqüila na Toca. Molly e Arthur estavam fora para visitar Carlinhos na Romênia. Harry, Rony, Hermione e Gina tinham a casa para ele.

Naquele momento, alias, a sala de estar estava ocupada por Harry e os dois Weasley mais novos. Harry e Rony concentrados em uma partida de xadrez bruxo, e Gina estava sentada com as pernas cruzadas, encarando incessantemente a tela do Laptop.

Hermione colocou sua cabeça na porta entreaberta que levava a cozinha. Seu rosto estava sujo de branco e o cabelo estava num emaranhado tão grande que ela parecia ter acabo de sair dum tufão.


- Os biscoitos estão quase prontos. Vocês têm certeza que sua mãe não se importa de eu usar a cozinha? – Hermione perguntou ao namorado.

Rony levantou a cabeça do jogo que ele obviamente estava ganhando, a julgar pela aparente cara de dor que Harry fazia ao pensar.

- Pelas cuecas de Merlin, Hermione, eu já disse que ela NÃO se importa. – o Ruivo parecia aborrecido com a pergunta.

Hermione parecia não convencida. Ela torceu as mãos.

- Quero dizer, eu não perdi permissão a ela antes... Eu me sinto mal... – tentou se justificar a garota.

- Fecha a matraca, ‘Mione! Você praticamente mora aqui, afinal de contas. – disse Rony.

- Não deixe meus pais ouvir isso. Eles estão muito possessivos agora que Voldemort se foi. – Hermione contra-argumentou.

- Eu estou feliz que conseguimos conectar sua casa na nossa rede de Floo. Agora Harry aqui... – e o ruivo entortou o nariz para o amigo.

Harry continuava a encarar o xadrez.

- Cala a boca. Estou tentando ganhar isso aqui. – mas a cara do moreno parecia ir na direção contrária.

- Causa perdida, amigo. Em todo caso, Hermione, você não é a única que está desfrutando de nossa hospitalidade...- e Rony lançou um sorriso maldoso em direção ao amigo.

- Ei! Sua mãe não aceitaria um não como resposta. Eu tenho a sensação que ela me traria na marra para cá caso eu recusasse. Eu realmente não queria morar no Grimmauld Place sozinho, e eu não poderia de maneira alguma voltar a morar com os Dursley, aliás, prefiro morar em Azkaban que voltar para lá. - concluiu Harry, que lançava olhares de dor para o tabuleiro de xadrez.

- Onde eles estão agora? Ainda fugindo de você, esperando que o sobrinho deles apareça na porta para mais um período de férias? Ou quem sabe alguns dementadores para assombrar seu primo com cara de porco? – perguntou o ruivo, visivelmente satisfeito.

Harry deu de ombros.


- A última vez que eu ouvi, eles haviam se mudado para os Estados Unidos. – Harry disse ao amigo.

- Lugar legal. Eu estou feliz que você ficou aqui, Harry. Não ligue pro Ron, ele está com ciúmes da Gina. Vou lá ver os biscoitos, já volto. – disse Hermione, e se retirou para a cozinha.

- Xeque. – o ruivo sorria triunfante.

- Arg!!! HUNF. – foi a resposta que se ouviu.

Alguns minutos depois, Hermione voltou carregando uma bandeja cheia de biscoitos. Ela esticou a bandeja para os garotos, e bateu na mão de Rony quando ele tentou encher a mão de biscoitos.

- ‘Brigado, ‘Mione – disse Harry já com a boca cheia.

Hermione se moveu em direção a Gina, que pegou um biscoito distraidamente, deu uma mordida, sem tirar os olhos da tela do computador.

- Isto ‘tá muito bom… Você é muito melhor cozinheira que a maioria das pessoas pensam, Hermione. – afirmou a ruiva.

- Huh?

Gina percebeu o que ela havia dito e corou.

- Desculpe, aquilo soou ruim, né? Eu estou apenas lendo algumas fics e todo o mundo automaticamente assume que como você é incrivelmente esperta, é naturalmente uma terrível cozinheira. – completou Gina, que parecia um pouco desconfortável.

Hermione cruzou os braços e sentou-se na poltrona com cara de poucos amigos.

- Porquê? – a morena inqueriu a amiga.

- Eu não sei. É apenas uma das falsas crenças dos escritores de fics, você sabe, os mesmos que acham que o Rony nunca perdeu um jogo de xadrez. – e Gina lançou um olhar de deboche para o irmão.

- Mesmo? – Rony parecia muito feliz.

- Xeque-Mate. – disse Harry.

- O QUÊ?? – e Rony encarou o tabuleiro, com o rosto em choque.

Harry começou a rir.

- To só brincando… - e o Moreno sorria.

- Isso não foi engraçado! – Rony tinha o rosto da cor de seus cabelos.

Hermione e Gina se olharam e rolaram os olhos.

- Exatamente o ponto de vista que eu estava dizendo. – Gina concluiu, olhando em seguida para Hermione.

- Sabe, quando eu estava lendo essas histórias, eu notei também algumas dessas falsas presunções também. – e a morena parecia incomodada e divertida ao mesmo tempo.

- Isso não é engraçado? – questionou a Ruiva.

- Especialmente os famosos Bailes de Natal… Você já leu essas? – perguntou Hermione.

- Não… como eles são? – e Gina parecia interessada em mais informações.

- Bem, você sabe que os bailes especiais só acontecem a cada cinqüenta anos mais ou menos. Ou quando torneios importantes, como o tribruxo, vem para Hogwarts. – começou Hermione.

Gina concordou.

- Mas nas fanfics, especialmente as de romance, há uma festa especial todo Natal, sempre um baile onde toda a Hogwarts está reunida. – concluiu a morena com o seu típico sorriso Hermionesco no rosto.

- Sério?! Hey, isso deve ser divertido a beça. – exclamou a ruiva.

- Sim, é divertido, mas não é real. Quero dizer, o que os pais das crianças iriam dizer se elas ficassem em Hogwarts todo Natal só para eles atenderem as festividades? – e Hermione olhava Gina, praticamente a obrigando a concordar.

Acho que você ‘tá certa. – concordou Gina com cara de paisagem. – Mas não seria de todo ruim, sabia?! – concluiu.

- Mas isso não é tudo. Os autores sentem que eles podem fazer grandes festas a qualquer momento que eles necessitem de uma cena romântica e grandiosa, que unam duas pessoas pré-destinadas uma a outra. Já li histórias de bailes no dia das Bruxas, na Páscoa, no dia dos namorados, e em todos os começos de estações, isso sem contar nas célebres apresentações musicais e em eventos criados da cabeça do autor, onde até dragões competem com os bruxos. É patético. – concluiu a morena.

Gina riu.

- Isso é ridiculo. – e Gina voltou a atenção ao computador.

- Eu sei. Então, me diga, o que você está lendo? – Hermione perguntou.

Gina corou absurdamente e evitou o olhar dos amigos.

- Oh, não é nada de interessante… - e seus cabelos pareciam cor de palha perto de seu rosto, que estava a ponto de explodir.

Ron ergueu a cabeça, curioso.

- O que você está lendo, ein Gininha… - começou Rony.

- NADA! – explodiu a Ruiva.

Harry a olhou também.

- Ah, Gina, conta logo vai! – começou o namorado.

- Ok, mas vocês talvez não irão gostar de ouvir... – ameaçou a garota.

- Tá tudo certo… Hm, pera ai, você não ta lendo Slash, não é? – e Harry já continha os solavancos no estomago.

- Não! Não, não, não! – Gina praticamente gritou para se defender.

- Então o que é? – Hermione quis saber.

- Ah, são as fics água com açucar, mais conhecidas como Mary Sues. – completou a ruiva.

- AHN? – foi o coro dos garotos presentes.

Hermione rolou os olhos.

- Eu as conheço. – Hermione afirmou, o que não causou surpresa em ninguém.

Gina parecia aliviada.

- Então, vai, nos conte como elas são. – o ruivo perguntou de supetão.

- Tá bem. É uma das histórias em que Hermione usa mini-saias o tempo todo, eu tenho uma atitude decidida e adúltera na maioria das vezes e Malfoy se comporta como um astro de rock o tempo todo. – despejou Gina, querendo que aquilo acabasse logo.

Harry parecia aterrorizado. Rony, pelo contrário, parecia ter imaginado a cena de sua namorada em mini-saias. Hermione, infelizmente para o ruivo, percebeu o olhar.

- Não, definitivamente não, Ronald… Eu certamente nunca irei usar uma mini-saia dessas, então pode ir tirando o unicórnio da chuva, e apagando essa coisa pervertida da sua mente. – sentenciou Hermione.

Rony parecia desapontado. Gina esboçou um sorriso.

- De qualquer forma, é engraçado, mas definitivamente não é meu tipo preferido. Esses adolescentes metidos a escritores descaracterizam totalmente a gente. Hermione, eu e Malfoy não somos nada parecidos com isso. Eles pegam as imagens desses astros trouxas de filmes e seriados, e acham que somos como eles, e dão o nosso nome aos personagens que certamente não somos nós. – Gina parecia ressentida e raivosa.

- Hmm, então qual é o seu tipo favorito de fic? – Harry questionou a namorada.

Gina trocou um olhar misterioso com Hermione.

- Provavelmente as fics do Super Harry… - Gina começou, sabendo que teria que explicar mais uma vez.

- O quê?! – Harry parecia preocupado dessa vez.

- Ah, você sabe, aquelas fics que você recebe todos os poderes de Merlin, ou de Dumbledore, ou pior ainda, do cara de cobra. E na maioria delas você é quase imbatível, e consegue facilmente realizar magia com as mãos nuas... As Super-Harry fanfics. – disse Gina.

- Super-Harry? Eles não fazem Super-Rony fanfics? – o ruivo questionou.

- Desculpa maninho, mas não… Eu li uma história que você era mordido pelo Lupin e virou um Lobisomem...- começou Gina, que deu um sorriso diabólico para o irmão.

Rony agora parecia aterrorizado, e Harry curioso.

- Então… o que eu faço com esses super poderes? – Harry parecia interessado agora.

- Ah, eu não sei… faz a vida dos Dursley miserável, derrota Voldemort com todas as Horcruxes, se bem que eles nem mencionam as Horcruxes em muitas delas, se torna Ministro da Magia, derrota Dumbledore...- e Gina olhava atentamente para o namorado, esperando sua reação.

- Derrotar Dumbledore? COMO? E para que? – Harry estava se aborrecendo de verdade com aqueles adolescentes estúpidos.

- As pessoas pensam que ele manipulou toda a sua vida para os propósitos dele. Quero dizer, ele deixou você com os Dursley todos aqueles anos, e tudo o mais. – Gina tentou explicar.

- Eu percebo agora porque eles pensam isso… mas essas pessoas não sabem como Dumbledore realmente era, e mesmo que eu quisesse, eu não o derrotaria nem em mil anos, é patético. – Harry sentenciou.

- Eu concordo. – disse a ruiva, ao que parecia um consenso geral.

Houveram mais alguns minutos de silêncio durante o qual Harry e Rony voltaram ao jogo. Hermione comia um de seus biscoitos, e Gina retornou ao computador. Subitamente ela começou a rir copiosamente.

- Que foi? – os três perguntaram ao mesmo tempo.

- AH… é essa história, ela é muito engraçada... – disse Gina.

- Leia a parte engraçada então. – incentivou Hermione.

- Hm… talvez essa não seja uma boa idéia. – comentou Gina, corando levemente.

- Leia logo, Gina. – Rony exigiu, com sua delicadeza habitual.

- Não pode ser tão ruim, pode? – Harry perguntou.

- Tudo bem, mas depois não digam que não avisei. – e Gina se deu por vencida.

Gina moveu o mouse alguns segundos e encontrou o trecho exato.

- As portas do Salão Principal foram abertas. Hermione e Gina entraram bem atrasadas para o café da manhã. O silêncio podia ser tateado no ar, onde cada cabeça masculina se virou para as portas. Todas as garotas ficaram verdes de raiva. Hermione e Gina estavam parcialmente iluminadas pelo sol, ofuscando a beleza para todo o ambiente. Hermione estava vestindo uma mini-saia preta que mostrava um pouco mais do que a imaginação poderia permitir. Suas pernas torneadas a mostra, a curvatura perfeita subindo de forma angelical até o pequeno ponto que era coberto pela saia. Ela andava suavemente, em que os movimentos de suas pernas levantavam um pouco mais a mini-saia, deixando todos os homens hipnotizados por aquela pele macia, e a expectativa de ver um pouco mais de toda aquela beleza. Gina, por sua vez, estava usando uma calça jeans colada, e uma blusinha curtíssima, que além de mostrar toda a extensão de sua barriga, destaca todas as curvas do corpo da ruiva. O longo cabelo dançando em suas costas e os lábios rosados estimulando todas as pessoas que o olhavam, destacava um rosto angelical de puro prazer. Até o Professor Snape estava entortando o pescoço para ter uma boa visão das garotas mais sexys de Hogwarts. – e a ruiva, após lido o trecho, parecia ter saído de um filme de terror.

Quando ela terminou, Rony e Harry estavam pasmos olhando para ela. Hermione, no entanto, apenas acenou e deu um tapa em seguida no braço do namorado.

- Pare de idealizar a imagem, Rony… Isso nunca vai acontecer… Eu já li essa história antes. Não é aquela que eu rodo a banca com Rony, Terrence Boot, Ernesto Macmilian, Dino Thomas, os irmãos Crevey e Snape antes de eu finalmente descobrir que Draco e eu somos o casal perfeito? – Hermione parecia recitar uma de suas respostas habituais em Hogwarts.
- Ohhhh, Hermione, você me contou o final! – reclamou a ruiva.

Hermione subitamente olhou bem no fundo dos olhos de sua amiga ruiva…

- Gina, não é engraçado quando as histórias me tratam como uma garota fácil e volupiosa, e outra, na verdade você usa um sutiã maior que eu uso! – disse Hermione.

Gina ficou vermelha, muito vermelha.

- Hermione! – Gina parecia horrorizada.

Rony parecia estar ficando doente. Harry por sua vez, não parecia muito chocado com a informação, e possuía uma expressão “Roníaca” no rosto ao olhar para a namorada. Hermione notou, claro.

- Oh, você não sabia, sabia, Harry? – Hermione fingia estar espantada.

= Lógico que eu sabia, mas a imagem de vocês duas de sutiã me deu uma ligeira sensação de culpa. – Harry confessou para a amiga.

Rony encarou o amigo, suas orelhas em brasa.

- Como você sabe disso? Ei, o que você anda fazendo com a minha irmã? – e Rony parecia levar a mão ao bolso da varinha.

Hermione colocou a mão no braço de Rony, avisando-o para parar.

- Provavelmente não mais que você e eu fazemos, Ronald. Então a não ser que você queira que eu conte essas informações para o Harry e a Gina, acho melhor você ficar de boca calada. Para Sempre! – e a acusação pareceu surtir efeito.

Rony agora estava inteiramente vermelho, mas por fim ele não disse mais uma palavra sequer. Gina pigarreou.

- Hum, me passa os biscoitos, por favor. – requeriu Gina.

Hermione estendeu a bandeja e Gina pegou alguns biscoitos.

- Xeque-Mate! – e o ruivo exibia um sorriso de pura felicidade.

- O quê? Não pode ser! Eu derrotei um basilisco, como um ruivo metido a mago pode me derrotar assim. – dramatizou o moreno.

Rony parecia soberbo.

- Quem disse que eu já perdi um jogo de Xadrez? – começou Rony.

- Eu lembro uma vez… - provocou Gina.

Rony rapidamente mudou o assunto.

- Então… o que mais você está lendo, Gina? – perguntou o irmão.

Gina trocou um outro olhar inquisidor com Hermione.

- Oh, é a fic que Hermione me disse… aquela sobre você e a Pansy Parkinson. Tudo começou quando ela meio que tacou você dentro de um armário de vassouras... – e a irmã sorriu maliciosa para o irmão.

Rony cuspiu o biscoito que estava comendo.


 


 


-------------------------------


 


 


 Povo e Pova do meu Brasil. Eu voltei, já atualizei 2 das minhas fics, estou escrevendo a continuação do futuro tem futuro, e em breve a última delas. Espero que o capítulo esteja bom, fiz o possível para ficar o mais engraçado possível. Aceito sugestões para os próximos capitulos, provavelmente haverá 1 ou 2 capítulos além desse. beijosnabundadetodos . Respondo os comentários assim que eu puder.

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo

Menu da Fic

Adicionar Fic aos Favoritos :: Adicionar Autor aos Favoritos

 

_____________________________________________


Comentários: 2

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por LilyLuppin2 em 05/12/2013

ADOREI!!!!!!!!!!!!!!!!

Nota: 5

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por Lana Silva em 29/01/2012

Ahhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhh sua fic está muiiito diva *----------------------------------------------------* Tô amando *------------*

Nota: 5

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

_____________________________________________

______________________________


Potterish.com / FeB V.4.1 (Ano 17) - Copyright 2002-2022
Contato: clique aqui

Moderadores:



Created by: Júlio e Marcelo

Layout: Carmem Cardoso

Creative Commons Licence
Potterish Content by Marcelo Neves / Potterish.com is licensed under a Creative Commons
Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License.
Based on a work at potterish.com.