FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout  
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
 

(Pesquisar fics e autores/leitores)

 


 

::Menu da Fic::

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo


Capítulo muito poluído com formatação? Tente a versão clean aqui.


______________________________
Visualizando o capítulo:

44. Sentimentos a mostra


Fic: Rebeldes - Sobrevivendo no quinto ano


Fonte: 10 12 14 16 18 20
______________________________

44º - Sentimentos a mostra

Uma semana, uma maldita semana. A única coisa que eu via era a Weasley. Por todos os cantos. Ela estava em todos os lugares. Meninas a imitando, pessoas falando dela. Ela e seus amigos desfilando pela escola.
E não dava mais pra agüentar isso. Eu tinha que fazer alguma coisa. A Taça de Quadribol foi nossa, mas ela não estava lá. E na hora das refeições ela não olhava pra mim. Aquilo tinha se tornado uma maldita obsessão.

-O que vocês acham disso? – Trey perguntou mostrando sua redação.

Nós estávamos estudando na biblioteca. As provas finais já estavam pra começar. Vários alunos estavam ali também. Mas no meio de tudo aquilo a única coisa que eu ouvia era a voz da Weasley. Rindo, se divertindo.

-Draco? – ouvi a voz de Trey distante.

-Que é?

-Cara está começando a dar na cara isso, sabe? A Marie está perguntando a toda hora porque você está distante.

-Não sei do que você está falando Trey – menti.

-Você que sabe.

***

Levantei da mesa e fui para o dormitório. Tinha que pegar mais pergaminho. Os N.O.M.s eram bem difíceis, eu não podia deixar de passar neles. O jantar seria anunciado em pouco tempo.
Os corredores estavam iluminados por tochas. Uma janela estava aberta, o vento entrava violentamente por ela. Uma tocha se apagou, o corredor ficou no completo escuro. Tudo foi muito rápido.
Senti algo queimando nas minhas costas e despenquei.

***

A mulher abriu a porta com força e jogou Gina lá dentro. Tinha arrastado a menina até lá. Aquela sala tinha algo de diferente das outras. Um tipo de quarto subterrâneo. Um banheiro e um minúsculo quarto, sem nada.
Ela jogou Gina lá dentro, na queda Gina fez um corte na cabeça e um no braço. Ainda assim não acordou. A mulher desceu e pegou um punhado de cabelo. Mas para a poção funcionar não teria que usar só o cabelo. Isso que ela iria usar daria um dia todo de poção. Vinte e quatro horas sem se preocupar com isso. Magia Negra era realmente muito melhor.
Com uma faca ela fez um corte na perna de Gina. Recolheu um pouco de sangue e subiu de novo. Retirou a escada e fechou a entrada. Com um simples feitiço silenciador sua vida estaria resolvida.
Pegou um pequeno frasco com um líquido verde, essa era a poção polissuco normal. Colocou o cabelo e nada mudou. Assim que ela colocou o sangue a poção passou de verde para vermelho intenso. Bebeu rápido. Tontura, ânsia de vomito, seu estomago estava sendo revirado. Ela gritou enquanto seu corpo caia pesadamente no chão.

***

Harry e Hermione estavam na Casa dos Gritos. Eles estavam estudando umas informações que Dumbledore havia passado a eles.

-Então é bem provável que Voldemort esteja na Espanha – Hermione falou.

-Rony falou que Zabini anda nervoso ultimamente. Ele some às vezes, isso pode ser um sinal.

-Não sei Hermione, tudo pode ser possível. E o Malfoy?

-Sabe Harry, eu ia até te falar sobre isso...Está tudo muito estranho sabe? Eu poderia até dizer que ele está deprimido.

-Draco Malfoy – Harry zombou – Nunca.

-Eu não sei...Estou seguindo ele. Só o vejo dar foras na namorada e brigar com algumas pessoas...Ou então ele conversa com os amigos...Ou... – ela parou de falar de repente.

-Ou o que?

-Não, ou ele fica na biblioteca.

Hermione respirou pesado. Ela estava mentindo, mas Harry não tinha percebido. Como ela iria dizer a ele que ele tinha passado a semana toda observando Gina. Ontem mesmo ele estava atrás de uma árvore, a observando brincar com Mawe.
E quando ele passava por ela não tinham xingamentos nem zombarias. Ele apenas erguia a cabeça e passava. Seria possível? Não! Não meso.

***

Rony e Liza estavam se beijando no corredor. Ele passava a mão na bunda dela enquanto a menina se esfregava nele. Rony sentiu que era observado e abriu os olhos. Kristin estava ali, os olhando.
Ele parou de beijar Liza e a olhou. Só deu tempo de ver uma lágrima escorrer pelo rosto dela, antes da menina sair correndo.

-O que foi? – Liza perguntou.

-Nada – ele disse e voltou a beijá-la.

Mas ele sabia que algo de errado estava acontecendo com ele.

***

-Cadê a Gina? – Stephen perguntou.

-Já deve estar voltando – Ásis falou distraída enquanto Jim sussurrava algo em seu ouvido.

-Ali ela – Nátysi falou.

“Gina” entrou pela porta da biblioteca sorrindo. Se sentou com seus amigos.

-Oi gente.

-Cadê os pergaminhos? – Matt perguntou confuso.

-Ai nem peguei, vocês sabem né? Eu sempre esqueço tudo.

-Claro que não – Stephen falou – Você é a mais responsável de todos nós.

Por um momento os cinco olharam pra ela. Gina os encarou e relaxou.

-Estou brincando, vamos estudar.

Os seis voltaram suas cabeças aos livros.

***

-O que foi? – Dean perguntou.

-Não sei – disse olhando pra Weasley.

-Para de olhar pra Weasley, Draco.

-Não é isso – falei – Ela está estranha. Muito estranha.

-Não fala besteira.

***

-Hermione...Eu gosto de você – Harry falou de repente.

Hermione o encarou assustada. Que tipo de brincadeira era essa?

-Do que você está falando Harry?

-Disso.

Ele falou e a beijou.

***

-Kelly olha isso – Tiara a chamou.

-O que é?

-A Caroline, vai se ausentar por uns dias. Olha o bilhete.

Kelly pegou o bilhete e começou a ler.

“Meus pais me chamaram e tive que ir. Em umas duas semanas estou de volta certo? Não se preocupem. Eu estou bem.”

Kelly sentiu um arrepio, ela tinha certeza de que Caroline estava bem. Ela tinha que descobrir o que estava acontecendo.

***

Sem se dar conta de nada as mãos de Hermione foram parar na camisa de Harry. Um segundo depois a camisa se encontrava no chão. Ela gemia enquanto ele beijava sua barriga.
Harry olhou para Hermione, ele não podia acreditar que estava realmente com ela. Ele não teria que olhar para Pansy e imaginar outra garota. Ela também tirou a camisa. Ficou só de sutiã.
As mãos de Harry “escorregaram” para a saia dela, passearam livremente pelas coxas da menina. A luz da lua invadia o quarto.

***

-Oi...Jared – Pansy falou com uma voz sexy, atrás do garoto.

Ele se virou abruptamente e a encarou desconfiado.

-Pansy? O que é?

-Apenas uma perguntinha querido...Você realmente ama Hermione Granger?

-E de que isso te interessa? – ele falou com súbita mudança de humor.

-Não é nada queridinho.

Se ela o chamasse mais uma vez de queridinho ele ia sair andando.

-Fala logo.

-Só queria te dizer que ela está dando em cima do MEU namorado.

-Você é uma invejosa Parkinson...Só porque não é tão mulher como Hermione quer fazer inferno.

Ele disse e saiu andando irritado. Pansy sorriu, satisfeita consigo mesma. Ele tinha pelo menos ficado desconfiado.

***

-Draco, meu amorzinho...Onde você estava?

-Na biblioteca Marie – falei irritado.

-Porque não jantou comigo? Fiquei te esperando lá um tempão.

-Nem jantei... – eu tinha que dar um jeito de me livrar daquela garota.

-O que você acha de subir? – ela falou maliciosamente.

-Não, não...Lembrei que...Que...Já volto.

Não esperei uma resposta. Dei meia volta e sai de lá. Os corredores de noite ficavam bem sombrios. Apertei o passo...Ouvi um barulho estranho e parei. Um miado. Apontei a varinha para o canto do corredor e vi a Mawe.

-O que você faz aqui? – perguntei enquanto a pegava.

Tá certo que animais não respondem...Mas isso era uma mania idiota. A coroa na cabeça dela estava caindo. Só podia ser a Mawe. Ela começou a me arranhar, com medo. Agora sim, alguma coisa estava errada.

***

Stephen estava deitado em sua cama quando a cortina foi aberta.

-Stephen... – Gina sussurrou – Vamos dar uma volta?

Ele levantou assustado. Em um minuto os dois estavam no salão comunal.

-O que...

Ele não pode terminar a pergunta. A menina colou seus lábios nos dele.

***

Abri meus olhos com dificuldade. Minha cabeça estava doendo muito. Olhei pra cima e vi uma passagem. Procurei um lugar para subir, não tinha nada. Uma pequena vela queimava do meu lado.
Aquilo tinha uns dois metros de altura. Minha vista embaçou. Comecei a me desesperar, minha voz não saia. Não foi difícil começar a chorar. Tentei me levantar e não consegui. Cai de novo.

***

O quarto secreto estava limpo, graças ao elfo. Deitei na cama, todo o lugar tinha o cheiro dela. Os travesseiros, a colcha, as paredes...A Mawe miava sem parar. Vi um top rosa caído ali.
Peguei ele.

***

-Hei Malfoy – a Weasley me disse enquanto se levantava – Você está atrasado querido. Que coisa feia.

-Tive que despistar o Trey... – olhei para o minúsculo top rosa. Ela realmente sabia deixar um cara excitado.

-Chato...Me deixou aqui...

Ela se aproximou de mim e tirou minha capa. O cheiro do perfume dela invadiu minha mente no mesmo instante. Ela parou e ficou me olhando. Foi então que ela sorriu, o primeiro sorriso que vinha dela...
Não pude resistir, a peguei no colo e levei na cama.


***

-Que idiotice – disse a mim mesmo – Minha história com a Weasley já era, não sei nem porque ainda mando limparem esse quarto.

Talvez eu passasse a noite ali.

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo

Menu da Fic

Adicionar Fic aos Favoritos :: Adicionar Autor aos Favoritos

 

_____________________________________________


Comentários: 0

Nenhum comentário para este capítulo!

_____________________________________________

______________________________


Potterish.com / FeB V.4.1 (Ano 17) - Copyright 2002-2022
Contato: clique aqui

Moderadores:



Created by: Júlio e Marcelo

Layout: Carmem Cardoso

Creative Commons Licence
Potterish Content by Marcelo Neves / Potterish.com is licensed under a Creative Commons
Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License.
Based on a work at potterish.com.