FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout  
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
 

(Pesquisar fics e autores/leitores)

 


 

::Menu da Fic::

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo


Capítulo muito poluído com formatação? Tente a versão clean aqui.


______________________________
Visualizando o capítulo:

26. De volta às aulas


Fic: Rebeldes - Sobrevivendo no quinto ano


Fonte: 10 12 14 16 18 20
______________________________

26º capitulo – De volta às aulas


O ano novo foi bem legal. Eu e o Malfoy rimos um pouco. Era bem estranho, mas eu curti. No entanto, eu já sabia de uma coisa...Tudo voltaria ao normal. E minha “amizade” com o Malfoy ficaria reservada para as noites, uma vez por semana.

***

Por volta das sete da noite eu fui para o quarto. Era a última hora de liberdade no castelo. Liberdade que tinha me proporcionado muitas horas de pura diversão, em outras palavras...Sexo.
Assim que abri a porta a vi sentada na cama, com um monte de potinhos espalhados e segurando um espelho. A Mawe estava passeando pelo quarto, veio pra perto de mim quando eu cheguei.

-O que você tá fazendo? – perguntei quando a vi.

-Me arrumando. O Stephen chega hoje.

-Ah. Certo.

Ela continuou passando as coisas na cara. Passou perfume e mais daquelas coisas. Seu cabelo estava liso como sempre.

-Como estou? – ela disse enquanto se levantava e dava uma rodada.

-Legal – na verdade ela estava ótima.

A Weasley estava com uma saia curtíssima jeans e uma blusa rosa de alças. E calçava botas pretas de cano médio.

-Que bom que você gostou – ela disse sarcasticamente – MAWE! – ela gritou.

-Vê se não grita sua louca – eu disse enquanto tapava meus ouvidos.

-Vê se não enche Malfoy...MA... – ela ia começar a gritar de novo quando a Mawe surgiu.

A Mawe estava com um laço rosa com gliter.

-Bom eu já vou indo...Depois pego minhas maquiagens.

Ela pegou um sobretudo jeans que estava na cadeira e pegou a Mawe no colo. Já estava saindo pela passagem quando eu disse.

-Hei Weasley – chamei e ela se virou – Você está linda.

Ela sorriu de volta e saiu do quarto.

***

Hermione e Kristin não paravam de falar. Harry e Rony já estavam ficando irritados.

-Será que vocês querem parar um pouco? Minha cabeça está para explodir.

-Ai Rony você é muito estranho mesmo.

-E você é muito faladeira Kristin.

Ela e Hermione deram uma risada. As duas sabiam exatamente o que iam fazer.

-Ah esqueci de falar pra vocês, dei uma gata pra Gina. De Natal.

Hermione se lembrou que ainda não tinha falado sobre aquilo para eles. Ela tinha achado bem estranho, mas como devia uma a Gina resolveu não falar mais nada.

-Uma gata? Mas você não tinha comprado um livro com receitas de poções para o cabelo?

-Mudei de idéia na última hora. Você sabe né?

-Você é estranha Mione – Rony falou.

-Você anda estranha...Desde o Natal – Harry que falou, mas num sussurro.

***

Em um vagão bem perto dali Nátysi e Ásis pareciam prestes a matar Jim e Matt enquanto Stephen apenas olhava a paisagem.

-Que graça não é? Vocês somem e depois acham que vai ficar tudo bem...

-Calma Ásis...Vai ficar tudo bem. Você vai ver. Não se preocupe.

-Olhem! – Stephen se pronunciou – Hogwarts!

Assim como eles várias pessoas colocavam a cabeça na janela. Vendo assim Hogwarts. Mais alguns meses e férias.

***

Eu estava segurando a Mawe no colo quando as primeiras carruagens começaram a aparecer. Uma atrás da outra. Outros alunos de Hogwarts estavam lá também.

-Gina!

Ouvi alguém gritando e em seguida fui erguida. O perfume do Stephen era inconfundível. Ele me beijou com força.

-Estava com saudades – ele disse enquanto me colocava de volta no chão. A Mawe estava esmagada entre nós dois.

-Eu também.

-Você está linda sabia? O que é isso? – ele perguntou apontando para Mawe.

-A Hermione me deu de Natal. Não é linda?

-Tão linda quanto a dona.

-Gina!

-Gininha!

-Giniquita!

-Giniquitinha!

Ná, Ásis, Matt e Jim me abraçaram também. Agora eu tinha certeza. Minha vida voltaria ao normal.

***

-Gente vocês tinham que ver...O pessoal de lá é muito estranho e eu não conheci ninguém que falava inglês. Era uma confusão só.

Dean estava narrando sua viagem de fim de ano à África. Nós estávamos rindo muito das histórias dele.

-Teve até um dia que eu cai dentro de um poço e precisei da ajuda do meu pai. Ele me tirou de lá com varinha.

Depois foi a vez do Trey contar o que tinha feito.

-Eu e a Hilary nos demos tão bem que vamos passar as férias juntos. Não é demais isso?

-Da doença Trey. Seus filhos vão nascer sem cabeça e com seis dedos.

-Você só coloca defeito hein Malfoy? Nossa! – Trey reclamou.

-Larga a mão de ser sensível. Só disse a verdade.

-Então seus pais eram primos e não sabi...

-O que foi Trey? – disse olhando sério pra ele.

-Nada, só estava brincando.

-Eu também.

Eu e o Dean começamos a rir da cara dele.

-Agora é sério Malfoy...O que você fez? – Dean perguntou.

-Nada. Resolvi ficar em Hogwarts...Dormi bastante. Não tinha ninguém interessante aqui.

Se eles soubessem...

***

Naquela mesma noite, quando eu estava chegando no salão principal o amigo do Malfoy veio me dar à lista.

-Oi Gina! – ele disse cheio de intimidade. Homens – Aqui a lista com os dez Sonserinos, foi difícil escolher, mas está aqui.

-Ah, obrigada...Dean. Depois eu te procuro para falar direitinho que diz vai ser à noite dos desafios e tudo.

-Claro. Tudo bem.

Dei uma risada e me despedi dele. Aquele menino era uma piada. Parecia ser tão desastrado quanto meu irmão.

***

Sentado na mesa da Sonserina eu estava observando-a discretamente. Ela não parava de sorrir ou falar por um minuto sequer. Sua comida provavelmente estava fria. Eu tinha um encontro marcado para aquela noite. Com Olívia.
Vi que a tal Liza, que eu tinha saído há um tempo atrás se levantou e foi falar com ela. O namoradinho dela deu um beijo em seu pescoço e ela abriu um enorme sorriso. Patético. Eu tinha bem mais do que um sorriso e sequer precisava me esforçar.

***

Caroline estava sentada na mesa emburrada. Aquela era para ser a sua noite de glória, quando ela se tornaria à garota mais popular. Mas não, a maldita Weasley era o centro das atenções na mesa da Grifinória.

-Não deu certo Carol – Tiara falou – Mas quem será que a ajudou?

-Ou ela sequer chegou a ir patinar no lago – Kelly falou enquanto prestava atenção em outra coisa.

Discretamente ela viu quando Draco Malfoy, o garoto mais lindo da Sonserina, olhou para Gina Weasley. Aquilo seria no mínimo interessante, mas era melhor não falar pra ninguém. Caroline estava falando com ela e Tiara, agora era só esperar para ver o que a amiga iria fazer contra a Weasley.

***

Entrei no salão comunal quase dez da noite, já tinha pegado todos os papéis. Agora só tinha que dividir tudo certo e pronto. Me sentei em uma das poltronas com Stephen. Ele estava fazendo carinho na minha mão. Eu estava com saudades daquilo.
Sem saber o porque, quis chorar. Ele estava sendo tão gentil e doce comigo, enquanto eu o traía com o inimigo número um da minha família. Não importava se eu amava ou não o Malfoy, apesar de saber que amar o Malfoy era impossível. Mesmo assim, eu continuava traindo a todos.

-O que foi? – ele perguntou enquanto tocava meu rosto de leve.

-Nada...Porque?

-Você ficou séria de repente.

Ele me pegou no colo e me pôs sentada no colo dele. Nossos olhos se encontraram, mais uma vez um nó se formou na minha garganta. Fechei meus olhos e senti os lábios dele contra os meus. Depois ele se afastou e me disse.

-Eu te amo – eu quis morrer atingida por um raio naquele exato momento.

***

Kristin e Hermione estavam na biblioteca conversando. Hermione estava contando como tinha sido ficar com Fred.

-E o que vocês combinaram Mi? – Kristin quis saber.

-Nada na verdade. Mas eu prefiro que isso passe em branco, é só para que não seja mais um Natal qualquer.

-Você gostou? Quer dizer...Ele beija bem, muito bem ou incrivelmente bem? – Kristin falou empolgada.

-Incrivelmente bem, na verdade – Hermione falou enquanto escondia seu rosto com as mãos – Se o Rony descobrir ele vai me falar um monte, você sabe como ele é mala não é? E eu também não quero que o Harry descubra.

-Mas o Harry já fez a escolha dele Mi...Você não tem que se sentir culpada por isso. Você sabe.

-É... – todo o brilho de Hermione sumiu. A simples menção de sua história com Harry era dolorosa e recente demais para ela – Mas só te falo uma coisa – ela falou tentando se animar – A melhor coisa que eu fiz foi beijar o Fred. Você sabe como os caras mais velho são bem mais experientes, não sabe?

-Que bom então. Você pelo visto se divertiu muito nas férias.

-No Ano Novo ele discretamente me deu um beijo, enquanto ninguém olhava. Você sabe né? Para começar o ano bem no amor...Essas coisas.

Um barulho chamou a atenção delas, uns livros caíram na estante de trás. Na mesma hora Hermione se levantou assustada e foi ver o que era, ou quem era. Tinha que saber se a pessoa tinha ouvido o que ela tinha dito.
Quando chegou lá mal podia acreditar no que estava vendo. Ele não podia ter ouvido isso.

-Harry... – ela sussurrou.

Mas já era tarde demais. O rosto de Harry estava impassível. Ela não sabia se ele estava com raiva ou surpreso.

-Não precisa falar nada, você não me deve explicações e eu nem vou contar ao Rony.

Harry não esperou mais nem um segundo, deu as costas para Hermione e saiu de lá. Kristin abraçou a amiga assim que a viu chorando.

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo

Menu da Fic

Adicionar Fic aos Favoritos :: Adicionar Autor aos Favoritos

 

_____________________________________________


Comentários: 0

Nenhum comentário para este capítulo!

_____________________________________________

______________________________


Potterish.com / FeB V.4.1 (Ano 17) - Copyright 2002-2022
Contato: clique aqui

Moderadores:



Created by: Júlio e Marcelo

Layout: Carmem Cardoso

Creative Commons Licence
Potterish Content by Marcelo Neves / Potterish.com is licensed under a Creative Commons
Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License.
Based on a work at potterish.com.