FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout  
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
 

(Pesquisar fics e autores/leitores)

 


 

ATENÇÃO: Esta fic pode conter linguagem e conteúdo inapropriados para menores de idade então o leitor está concordando com os termos descritos.

::Menu da Fic::

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo


Capítulo muito poluído com formatação? Tente a versão clean aqui.


______________________________
Visualizando o capítulo:

30. "Come What May" (Reprise)


Fic: Moulin Rouge - Amor em Vermelho


Fonte: 10 12 14 16 18 20
______________________________

Capítulo 30: “Come What May” (Reprise)




Todos ficaram parados olhando uns para os outros refletindo sobre a frase e procurando a pessoa que pronunciou aquilo.

Harry parou de andar no meio do corredor antes da saída e de costas para o palco.

Gina ergueu a cabeça para fitar Harry, seu rosto estava manchado em lágrimas e ainda chorava mais, tudo em seu corpo doía e sua mente também. Mas apesar de tudo, ela começou a cantar baixinho, embora todo o salão a ouvisse.

Never knew...
(Nunca imaginei...)
...I could...
(...que pudesse...)
...feel...
(...sentir-me...)
...like this
(...assim)
It’s like I’ve never seen...
(Como se nunca tivesse visto...)
...the sky before
(...o céu antes)
Want to vanish...
(Quero desvanecer...)
...inside...
(...com um...)
...your Kiss
(...beijo seu)
Every day I’m loving you
(A cada dia amo você)
More and more
(Mais e mais)


Ela aumentava a voz a cada nota olhando-o profundamente.

Listen to my heart
(Ouça o meu coração)
Can you hear it sing?
(Pode ouvi-lo cantar?)
Come back to me
(Volte para mim)


Agora ela cantava alto, Harry se virara para olhá-la.

And forgive...
(E me perdoe...)
...everything
(...por tudo)


Gina parou de cantar para tomar ar, seu coração doía com o esforço de cantar alto. Quando tornou a cantar, sua voz era baixa de novo.

Seasons may change
(As estações podem mudar)
Winter to spring
(Do inverno à primavera)


- Eu te amo. – sussurrou ela e Harry entendeu.

Till the end...
(Até o fim...)
...of...
(...da...)
...time
(...vida)


Harry a olhou comovido com a canção e quando começou a cantar baixinho e em seguida aumentando a voz a cada nota, todo o salão se virou para fitá-lo.

HARRY
Come what may
(Haja o que houver)
Come what may
(Haja o que houver)
Come what may
(Haja o que houver)
Come what may
(Haja o que houver)


Ele caminhava pelo corredor em direção ao palco enquanto Gina sorria feliz.

HARRY
I will love you
(Eu amarei você)

GINA
I will love you
(Eu amarei você)

HARRY
Until my dying...
(Até o dia da minha...)

HARRY E GINA
...day
(...morte)
Come what may
(Haja o que houver)

HARRY
Come what may
(Haja o que houver)

GINA
What may...
(O que houver...)


Harry já estava no palco segurando a cintura dela enquanto Gina colocara suas mãos nos ombros dele. Cantavam baixinho e juntos.

HARRY E GINA
I will love you
(Eu amarei você)
Until my dying...
(Até o dia da minha...)


Crabbe apontava a arma para Harry e estava pronto para puxar o gatilho quando Rony o viu e largou a corda gritando “Harry, ele está com uma arma!”, e indo cair em cima do inimigo que ambos acabaram entrando em cena no palco.

Todos pararam para olhar aquilo, a arma voou das mãos de Crabbe e parou no meio do palco no qual ninguém viu, exceto Luna que se assustou e saiu correndo de cena.

Rony se levantou rapidamente.

- Estão tentando matar você! – gritou ele.

O público riu achando aquela cena muito engraçada.

- Cale-se! – berrou Zidler, nem ele e nem ninguém acreditou em Rony, exceto Harry e Gina.

- Olhem a arma dele! – continuou Rony apontando para a arma no chão, o público gargalhou.

- Guardas, prendam-no! – gritou Zidler.

- Prendam o homem, agora. – disse Dino que estava em cena e jogando uma mini-explosão no palco.

As dançarinas se assustaram com aquilo e começaram a gritar e a correr de um lado para o outro no palco. Em meio a todo aquele alvoroço, Crabbe tentava chegar até a arma abaixado sem ser notado. Neville regia a orquestra que tocava uma música animada que combinasse com tudo aquilo.

Simas entrou de repente abrindo as portas e, pensando que todos estavam preocupados com sua ausência, ele alegou:

- Não houve nada, o show continua.
_____________________________________________________________________________________

Continua...

No próximo capítulo...


“Rony se virou para Malfoy como se tirasse sarro e começou a cantar, acompanhado por Harry e Gina, Zidler e as dançarinas.”

“Era Gina e Harry que agora cantavam animados.”

“Malfoy pegou a arma e correu pelo corredor em direção ao palco com a arma estendida (...)”


Bjus a todos

Lady Potter

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo

Menu da Fic

Adicionar Fic aos Favoritos :: Adicionar Autor aos Favoritos

 

_____________________________________________


Comentários: 0

Nenhum comentário para este capítulo!

_____________________________________________

______________________________


Potterish.com / FeB V.4.1 (Ano 17) - Copyright 2002-2022
Contato: clique aqui

Moderadores:



Created by: Júlio e Marcelo

Layout: Carmem Cardoso

Creative Commons Licence
Potterish Content by Marcelo Neves / Potterish.com is licensed under a Creative Commons
Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License.
Based on a work at potterish.com.