FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout  
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
 

(Pesquisar fics e autores/leitores)

 


 

::Menu da Fic::

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo


Capítulo muito poluído com formatação? Tente a versão clean aqui.


______________________________
Visualizando o capítulo:

35. Incidente no lago e abelhas as


Fic: Rebeldes - Sobrevivendo no quinto ano


Fonte: 10 12 14 16 18 20
______________________________

35º capitulo – Incidente no lago e abelhas assassinas

-Preciso falar uma coisa – Ásis falou enquanto se sentava na cama – Eu acho que vou terminar com o Jim.

-Porque? – eu berrei – Como assim? – Mawe se assustou e pulou do meu colo.

-Ele que fazer coisas que eu não quero – Ásis falou ficando vermelha. Eu sabia exatamente que coisas eram aquelas.

-Como assim Ás? – Nátysi falou – Ele está te pressionando para...

-Transar – eu disse simplesmente – É normal gente.

-Mas só você não é mais virgem Gina.

-Eu sei Ás, e não me arrependo. Foi especial na época. Eu estava com o Sam e foi bom. Você não tem que ter medo do inevitável.

-Eu não sei gente... É estranho. Muito, na verdade.

-Ele já falou com você sobre isso?

-Não, mas fica dando indiretas, passando a mão. Eu já disse que não gosto disso, mas ele não entende.

Se elas soubessem tudo o que eu já tinha feito com o Malfoy nem sei como reagiriam. Seria um choque com certeza. Mas não dava pra chegar e falar, vocês viram o que saiu na Cosmowitch? A propósito...Eu fiquei um tempão transando com o Malfoy. É, não dava pra falar isso.

-Calma Ásisinha – chamei-a pelo apelido bobo que eu e Nátysi tínhamos inventado para ela um tempo atrás.

-Eu não sei não...

-Eu falo com ele.

-Melhor não Nátysi – ponderei – Os meninos não entendem muito bem dessas coisas. Vocês sabem, são todos insensíveis demais.

-Nossa Gina, você fala como se tivesse sofrido por causa de algum cara – Ásis falou de repente.

Eu não podia dizer que tinha sofrido. Apenas tinha perdido minha auto estima naquele jogo com o Malfoy. Apesar de não querer mais eu tinha que assumir que estava sentindo falta dos beijos dele.

-Não é isso...Mas já sei o suficiente pra dizer algumas coisas...Só não quero que você se magoe Ás...Você tem que falar com o Jim.

-Eu sei.

-Nós vamos ajudar você – eu disse.

-Você precisa de animo Ás, eu e Gina vamos pensar em algo.

-Adoro vocês meninas – Ásis falou.

-Amo vocês!

Nátysi gritou e pulou na minha cama, Ásis veio logo atrás. Nós ficamos rindo e conversando por um bom tempo. Uma das coisas que eu mais gostava era ficar falando com as minhas amigas.

-Vamos nadar? – sugeri.

***

-E você e a Olívia? – Trey perguntou enquanto contornávamos o Salgueiro Lutador. Nós estávamos fazendo exercícios, correndo por lá.

Aquele Salgueiro me lembrava a Noite dos Desafios. Conseqüentemente eu me lembrei da Weasley. Eu não estava a fim de pensar nela, não mesmo. Nosso jogo tinha acabado da mesma forma que tinha começado. Rápido e sem muitas explicações. Era melhor mesmo.

-Saímos depois que vocês foram dormir – disse normalmente.

-Eu estava acabado ontem, a Claire me mata ainda.

-Você saiu com a Haning de novo não é?

-Não enche Draco, eu sou fissurado naquela garota.

-Ou seria nas pernas dela? – Dean falou ofegante. Ele parecia estar morrendo ali, enquanto corria.

-As pernas dela são realmente lindas, mas eu acho que gosto de verdade daquela garota, ela é linda.

-Tão linda quanto todas as outras que você já pegou – disse maldosamente. Ele sabia que era verdade.

-Estraga prazer – ele disse simplesmente.

-Só a verdade Trey, só a verdade.

-E a Weasley?

-Weasley? Já é passado faz tempo.

-Eu já devia imaginar – Trey riu.

-Eu estou realmente cansado – Dean reclamou pela vigésima vez em menos de meia hora.

-Para de reclamar – Trey falou e deu um tapa na cabeça dele.

-Ai Trey! Essa doeu.

-Você que quis vir correr com a gente – falei – Disse que agüentava o tranco, então pare de reclamar.

-Mas vocês já estão fazendo isso há horas.

-Quarenta e cinco minutos na verdade – disse enquanto olhava meu relógio.

Dean parou e apoiou as mãos nos joelhos. Ele estava resmungando sem parar. Aquilo estava me dando nos nervos.

-Vamos dar uma parada?

-De novo? – Trey reclamou – Volta para o castelo Dean, não dá pra ficar parando por causa de você.

-Por favor gente...Vai...Por favor.

-Tudo bem – eu estava muito bonzinho naquele dia – A sua última chance, depois você volta para...

Parei de falar no mesmo instante que ouvi uma risada. Aquela voz era muito conhecida.

-O que é isso? – Dean falou e eu fiz sinal para que ele ficasse quieto.

-Adoro quando as meninas vem nadar aqui – Trey falou com uma cara de tarado – Vamos ver quem é.

Ele nem esperou ninguém falar nada, apenas saiu andando em disparada até o lago. Nós fomos seguindo-o, mas eu já sabia muito bem quem estava naquele lago. Só não queria vê-la naquele momento.

***

Deixamos nossos uniformes em cima de uma pedra e de dentro das bolsas tiramos toalhas e cremes para não queimarmos no sol. O biquíni já estava embaixo do uniforme e não teve complicação.
Fazia tempo que nós não tínhamos um dia tão ensolarado. Pleno sábado, não dava pra perder a chance. Eu estava me sentindo mofada. Precisava dar uma relaxada.
Arrumei minha toalha na grama e me deitei. Nátysi e Ásis entraram no lago, que com certeza estava bem gelado.

-Você não vem Gina?

-Não...Estraga o cabelo.

-Esquece isso hoje, vem.

-Não queridas, vou ficar aqui deitadinha mesmo.

Peguei meus lindos óculos de sol e coloquei. Ele era do jeito que eu gostava, bem grande. Meio quadrado. O melhor presente que eu já havia ganhado de alguém. Passei o creme e me virei de costas.

-Gina a água está ótima – Ásis continuava tentando me convencer – De verdade, entra aqui.

-Não meninas, eu não gosto muito de nadar.

-Mas você nos chamou pra nadar não foi? – Nátysi falou indignada enquanto molhava seu cabelo.

-Vocês nadam e eu fico aqui na grama, segura e seca. Uma excelente idéia não? – eu ri ao ver a cara delas.

-Adorei o seu biquíni Gina.

-Obrigada...Ganhei acho que do Stephen.

-Não mesmo, ele nunca te daria algo tão minúsculo. Deve ter sido o Jim.

-Nem lembro – falei a verdade – Mas eu adorei, então...

-Você adora tudo o que é rosa.

-E quem não gosta? – disse enquanto prendia meu cabelo em um coque rápido. Ele estava colando na minha nuca.

-Pode ser, onde os meninos foram? – Ásis perguntou.

-Treinando com o Harry, para o jogo contra a Lufa-lufa.

-Não acredito que eles perderam.

Respirei fundo, eu não gostava de me lembrar do que tinha acontecido depois daquele jogo.

***

Eu não podia acreditar naquela visão que eu estava tendo. A Weasley tomando sol com o biquíni mais minúsculo que eu já tinha visto em toda a minha vida. Ela estava se achando uma dessas pessoas famosas que sempre saem em revistas da moda, as revistas que ela lê.
Ela estava deitada em uma toalha e usava óculos de sol que combinavam perfeitamente com o rosto dela. Em outras palavras, ela estava linda. Simplesmente linda.

-Não acredito que você pegou isso – Trey sussurrou.

-A garota mais gostosa de Hogwarts.

-Fiquem quietos os dois, vocês já sabem. Ninguém pode saber, ou eu estaria morto por vários motivos.

-Seis na verdade – Trey riu – Seis irmãos, só você para se meter em roubadas como essa. Só você Malfoy.

-Fica rindo mesmo, vocês vão ver só.

-Que revoltado.

-Se elas nos virem aqui vão fazer o maior escândalo – eu disse – A Weasley é a pessoa mais escandalosa de Hogwarts, imaginem essas duas amigas dela.

-Todas muito gostosas – Dean falou.

-Depois eu que sou tarado – eu ri – Olha o estado deplorável de vocês dois só porque viram três meninas de biquíni.

-Só ta faltando o “ninguém merece” – Trey fez uma voz fina – Ai você fica falando como a Weasley.

-Não enche.

-Ah não! – eu ouvi e olhei para o Dean.

-O que foi? – eu e Trey perguntamos juntos – Olha o que tem ali – ele apontou para o lado do Trey.

Nós três estávamos atrás de uma grande moita. Bem acima das nossas cabeças um enxame de abelhas se preparava para nos atacar.

-Ah não! – dessa vez eu falei.

***

-Vocês ouviram isso? – perguntei as meninas.

-O que?

-Vozes...Será que mais pessoas resolveram vir para o lago?

-Acho que não – Ásis começou – Quase ninguém vem pra cá.

-Pode ser – eu disse e no mesmo instante uma moita começou a se mexer como se estivesse em uma ventania.

***

Depois de olharmos para o enxame as malditas abelhas pareceram se comunicar, já que no instante seguinte elas vieram com toda a velocidade na nossa direção. Nós nos mexíamos sem parar, eu não queria ser descoberto.

-Socorro – Dean sussurrava – Socorro...

Como sempre estabanado ele tropeçou nos próprios pés e caiu em cima de nós, as abelhas continuavam a formar uma nuvem em volta das nossas cabeças quando nós três caímos no chão, pra fora da moita.

***

Gritaria geral minha e das meninas no mesmo instante em que três pessoas caíram quase que do meu lado. Uma nuvem de abelhas em volta deles.

-Abelhas – gritei – Eu sou alérgica. Abelhas.

Acho que as meninas entenderam o recado, porque elas simplesmente se atiraram debaixo d’água. Eu fiz a mesma coisa. Vi as três pessoas correndo na direção do lago e se jogando lá também.
Mergulhei de novo e abri meus olhos embaixo da água, qual não foi minha surpresa ao constatar que era o Malfoy e seus amiguinhos. Subi a superfície para pegar mais ar e vi que as abelhas tinham sumido. Aos poucos as cabeças foram surgindo na superfície lisa do lago.
A primeira coisa que eu fiz quando vi o Malfoy foi começar a dar tapas no braço dele. Muitos tapas.

-Isso é pelo susto, e isso pela espionagem – eu ia dizendo enquanto batia – E isso pelas abelhas – depois gritei – E isso é por ter estragado meu cabelo.

O Malfoy segurou meus pulsos e nós ficamos nos encarando. As meninas estavam preocupadas em se vestir, os amigos do Malfoy tentavam dar em cima delas. Patético.

-Vai parar de me bater? – ele falou divertido.

-Ai! – gritei com força – Olha o meu cabelo! Você destruiu minha vida – gritei mais ainda – Odeio você Malfoy.

Depois peguei minhas roupas e me troquei de qualquer jeito. Eu e as meninas saímos de lá rindo. Essa eu ia jogar na cara do Malfoy até a morte. Atacado por abelhas, que castigo mais bem feito.

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo

Menu da Fic

Adicionar Fic aos Favoritos :: Adicionar Autor aos Favoritos

 

_____________________________________________


Comentários: 0

Nenhum comentário para este capítulo!

_____________________________________________

______________________________


Potterish.com / FeB V.4.1 (Ano 17) - Copyright 2002-2022
Contato: clique aqui

Moderadores:



Created by: Júlio e Marcelo

Layout: Carmem Cardoso

Creative Commons Licence
Potterish Content by Marcelo Neves / Potterish.com is licensed under a Creative Commons
Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License.
Based on a work at potterish.com.