FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout  
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
 

(Pesquisar fics e autores/leitores)

 


 

::Menu da Fic::

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo


Capítulo muito poluído com formatação? Tente a versão clean aqui.


______________________________
Visualizando o capítulo:

1. Dúvidas


Fic: Harry Potter e o Último Herdeiro (CAP 13 POSTADO) AVISOS, por favor LEIAM!


Fonte: 10 12 14 16 18 20
______________________________

Harry estava sentado em sua cabeceira da cama, em transe em seus pensamentos. Havia voltado a dois dias, e não havia saído do seu quarto depois disso. Permaneceu ali, por muito tempo, vendo, ouvindo, por muitas vezes o nada, como? Como? Poderia seguir sem Dumbledores? Qual seria o próximo passo? Tinha uma missão a ser cumprida, uma missão que começou com Dumbledore e não poderia falhar, não, o mundo bruxo dependia disso. Sentiu medo, angustia e tristeza. Pensou que daquele jeito não poderia continuar, deveria seguir em frente com toda a determinação que havia em seu coração e em sua alma. Pensou por muito em seus amigos Rony e Mione, como seria? Leva-los para a morte? Pensamentos transgrediam em sua mente. Sentia falta de Gina, um amor que descobriu a pouco, mais que já se fazia muito grande nele. Não poderia continuar com Gina, mesmo que isso o fizesse sofrer, pensou consigo mesmo e decidiu que era o melhor a ser feito. Deitou-se e tentou dormir, depois de muito afinco conseguiu.
Acordou tarde no outro dia, com uma corujinha minúscula bicando seu braço, levantando-se identificou a corujinha como Pichi, a coruja do seu melhor amigo, pegou a carta que ela trazia e desenrolou e a leu.

Caro Harry

Estou mandando está carta para ti convidar para o casamento de Gui e Fluer, que vai ser realizado daqui 10 dias. Por favor vê se aparece, espero que esteja tudo bem.

ps; Hermione já está aqui, chegou ontem.

Abraços

Rony

O casamento de Gui, como havia se esquecido? De repente.
ZUM
Uma labareda vermelha entra passa pelo seu quarto, e com ela cai uma pena e uma carta. Aquilo lhe parecia muito familiar, mais não poderia ser, não, abriu a carta com os dedos trêmulos e leu.


Querido Harry,

Se estiver lendo essa carta, é porque falhei, desculpe, mais como já ti provei erro ás vezes. Deixo um peso muito grande nas suas costas Harry, me desculpe outra vez, deixo-lhe uma coisa muito importante Harry, você vai receber uma visita de alguém muito especial, em breve assim espero. Que sei que vai lhe ensinar muitas coisas das quais não consegui te ensinar. Ele vai a ti Harry com um nome de Mizis, converse com ele, é um dos meus mais ardilosos amigos, que pedi esse imenso favor de te ajudar em muitas coisas nessa sua longa caminhada. Ele te contará melhor quando vocês se virem, desculpe novamente por não estar ao seu lado. Lembre-se Harry, não desista NUNCA, e acabe com aquilo que comecei a tanto tempo.

De seu amigo,

Alvo Dumbledore

Harry sentiu lágrimas teimando em sair de seus olhos, leu várias e várias vezes a carta, e ficou entrigado, quem seria esse amigo de Dumbledore que poderia o ajudar tanto?
Estava a dois dias de seu aniversário, e decidiu aguardar, ansiosamente, pois Dumbledore não o havia dito que dia esse tal de Mizis apareceria.
Estava sentado ele na sua cama, como sempre fazia, o dia já havia se passado, e ele tentava por seus pensamentos em ordem.
Haveria de sair dali, daquele lugar que por dezesseis anos foi como um inferno. Decidiu arrumar suas coisas para não deixar nada para trás, feito dezessete anos aparataria diretamente na Toca, para aguardar lá a festa de casamento de Gui, decidiu então dormir, amanha se ocuparia de arrumar suas coisas, logo que encostou a cabeça no travesseiro adormeceu.
No dia seguinte, acordou tarde e com um formigamento na cicatriz, mais aquilo já era normal, depois de tudo que havia acontecido. Voldemort, cada vez mais fazia mais vitimas, trouxas e bruxos, o mundo bruxo estava um caos. Passou a manha e a tarde toda arrumando seus pertences e colocando dentro do malão, Edwiges estava dormindo tranquilamente embaixo de sua asa. Foi escurecendo e Harry ficava cada vez mais ansioso pela hora do seu aniversário. Tudo se passava pela sua cabeça, enquanto se passava as horas, sendo cinco para a meia noite, Harry deu uma ultima olhada na rua do Alfeneiros, que pela ultima vez talvez a veria, quando o relógio marcou meia noite, três vultos pretos encapuzados andavam pela rua, Harry percebeu que se tratavam de Comensais, pensando em fugir, aparatar dali mesmo, só que uma coisa lhe tocou, os seus tios e seu primo estavam em casa, e ele sabia que eles matariam todos a procura dele, até mesmo por diversão, decidiu então enfrenta-los, cansado de fugir desceu as escadas com a varinha em punho, seus tios estavam na sala assistindo TV, e Duda estava deitado no chão bêbado, tirando um cochilo. Quando Tio Valter viu seu sobrinho empunhando a sua varinha foi logo gritando;

- O que pensa que está fazendo moleque?. Harry logo respondeu agressivo.

- Não importa, fiquem dentro da casa. – Sua determinação assustou Tio Valter.

Harry abriu a porta com violência, e avistou os três vultos vindo em seu encontro. Harry ouve aquela voz, que tanto o deixa com raiva;

- Olha o bebezinho Potter pensa que pode nos enfrentar. Vamos seu pentelho, de logo sua varinha e não resista.

Harry por sua vez, para o espanto dos Comensais, ergue a varinha e grita;

- Estupefaça!

Um jato vermelho se encaminha diretamente para Belatrix, que por sua vez com um gesto da varinha desvia o feitiço de Harry facilmente.

- Está na hora de você aprender uma liçãozinha pirralho. – Crucio – berra Belatrix, Harry com os reflexos de quadribol desvia facilmente.

- Vamos Bella, você pode fazer muito melhor que isso. – Ele que por sua vez, se atrapalhou e se deixou ser desarmado por um dos Comensais.

- Agora bebezinho Potter, vou ti levar ao Lord para ele me recompensar mais que todos os outros Comensais. – Estupefaça! – Grita Belatrix, mais antes do feitiço atingir Harry, ele sente sendo puxado por todas as direções alguém o havia pegado e aparatado na hora que o raio ia atingi-lo. Harry não vira quem fez isso somente que, quando abriu os olhos estava em um gramado muito lindo, totalmente verde. Olhando pra cima se deparou com a pessoa que o havia resgatado.


----------------------------------------------------------------------------------------------------------

Desculpa erros de português, mais não sou tão bom, espero que gostem do capitulo, o próximo vai ser mais extenso e com mais informações, é que não sabia como começar, me desculpem, fiz o máximo que pudi, votem e deem sujestões, se alguem quisér me ajudar na fic, se tiver as mesmas idéias é só me adicionar no msn. gui_zao@hotmail.com Obrigado!

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo

Menu da Fic

Adicionar Fic aos Favoritos :: Adicionar Autor aos Favoritos

 

_____________________________________________


Comentários: 0

Nenhum comentário para este capítulo!

_____________________________________________

______________________________


Potterish.com / FeB V.4.1 (Ano 17) - Copyright 2002-2023
Contato: clique aqui

Moderadores:



Created by: Júlio e Marcelo

Layout: Carmem Cardoso

Creative Commons Licence
Potterish Content by Marcelo Neves / Potterish.com is licensed under a Creative Commons
Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License.
Based on a work at potterish.com.