FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout  
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
 



(Pesquisar fics e autores/leitores)



 




 

::Menu da Fic::

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo


Capítulo muito poluído com formatação? Tente a versão clean aqui.


______________________________
Visualizando o capítulo:

16. Garotas


Fic: De forma inesperada RxHr Cap final on


Fonte: 10 12 14 16 18 20
______________________________

CAPÍTULO 16


 


 
 


Seus olhos e seus olhares
Milhares de tentações



Os toques e os beijos se tornavam cada vez mais ousados, ardentes e provocantes. Zonza, Hermione deixou-se levar sem reservas.




Rony queria arrancar as suas roupas e possuí-la ali mesmo... Há dias ansiava por tocá-la, por beijá-la...



E perceber que ela o desejava tanto quanto ele a desejava o fazia se sentir ainda mais excitado.
 


Rony simplesmente já não se via capaz de articular qualquer tipo de pensamento racional e coerente. Naquele momento era seu sexo quem ditava as ordens.
 


Seus dentes e seus sorrisos
Mastigam meu corpo e juízo
Devoram os meus sentidos
Eu já não me importo comigo



Hermione o beijava com tanta intensidade que Rony achou que nunca mais parariam. E realmente desejava nunca mais precisar abandonar aqueles lábios macios, rosados e provocantes, mas o ar se fez necessário e precisaram se afastar, mas Rony permaneceu com os braços em torno da cintura de Hermione, acarinhando a pele por baixo da roupa e moendo seu quadril contra o dela.
 


Ela permaneceu de olhos fechados, respirando pesadamente.  



Era uma visão deslumbrante, estava levemente corada, os lábios vermelhos e mais carnudos. Irresistíveis, pensou sorrindo e aproximando o rosto do pescoço dela. Aspirou o perfume da pele e dos cabelos recém lavados, fechando os olhos perdido em sensações conhecidas e desconhecidas. Com Hermione era assim, sempre havia uma novidade. E a cada toque, a cada beijo tudo parecia melhor e mais intenso.



Rony desceu as mãos e continuou alisando suas coxas por baixa da saia, cada vez mais próximo da cavidade úmida e contraída. O toque quente e preciso a fazia arfar, e sem perceber ela rebolava discretamente, roçando seu corpo no membro rijo. Sua intimidade se contraindo numa clara tentativa de disfarçar o desejo de ser arrombada.
 


As mãos delicadas e vorazes de Hermione percorriam as costas do ruivo, arranhando e apalpando a carne tenra, arrancando dele suspiros profundos.



Rony queria deitar Hermione na cama e prová-la inteira.



Queria beijar e sugar seus seios macios; queria tocá-la na sua região mais íntima e sensível; queria se fundir a ela, entrar o mais fundo que pudesse dentro dela. Seu membro pulsou furiosamente com este pensamento e ele gemeu agoniado.

 


Assim que recuperou o fôlego, deslizou os lábios pelo pescoço dela, beijando e sugando cada centímetro de pele disponível. O cheiro dela o embriagava, o fazia perder a noção de tempo, espaço... o fazia completamente irracional.




- Ron... - A voz de Hermione saiu entrecortada, e ela ainda parecia respirar com certa dificuldade.
 


Rony se perguntou se poderia existir algo mais sexy do que ouvi-la sussurrar seu nome de forma tão entregue.



Mas ele não lhe deu atenção, continuou sugando avidamente a pele do seu pescoço, enquanto pressionava seu quadril contra o dela, fazendo movimentos que o levavam cada vez para mais perto de um orgasmo.



- Ron... por fa-vor.... - Insistiu ela num tom quase desesperado.




O ruivo ergueu a cabeça e a encarou. Os olhos dele tinham um brilho intenso e ele parecia grogue. Estava completamente embriagado pelo tesão. Sentia todas as veias do seu corpo pulsando. Cada célula clamava por mais.



Suas mãos agora se aproximavam cada vez mais da virilha de Hermione, que parecia fazer um tremendo esforço para se manter em pé. Rony tocou finalmente a calcinha molhada e grunhiu em desespero. Ela afastou delicadamente os seus dedos, interrompendo o beijo.
 


- Eu quero Ron... eu quero muito...



O brilho nos olhos dele se intensificaram de uma forma quase assustadora, e Hermione soube que estava trilhando um caminho sem volta. Mas quem disse que ela queria voltar? Ela queria se perder naqueles braços, naqueles lábios, naquele corpo inteiro. O desejava fervorosamente.
 


Rony teve ímpetos de sair gritando de felicidade pela barraca, mas não queria soltar Hermione, queria tê-la em seus braços para sempre.



- Ah Mione... eu... eu gosto tanto de você. - Rony tentou capturar seus lábios, mas ela o impediu.



- Ron...eu quero, mas não quero que seja assim.



- Como assim? - A questionou parecendo assustado.



Ela não ia dar para trás agora, ia? Sim, ela ia.
 


Rony sentiu uma vontade quase incontrolável de sentar-se no chão e chorar como uma criança mimada que não ganhou o presente de natal que tanto queria.



- Assim, como se estivéssemos fazendo algo errado e imoral. Escondidos.
 


- Ok, não me importo que o Harry veja. - Não havia dito aquilo com a intenção de ser engraçado, estava deveras desesperado, a ponto de aceitar qualquer circunstância, mas o riso sincero de Hermione acabou fazendo-o rir também.
 


Notando que não teria escolha, afrouxou o aperto, e Hermione se afastou alguns centímetros dele.



Sentiu-se completamente abandonado sem o calor do corpo dela colado ao seu.



- Ron, eu quero tanto quanto você. - Admitiu sem olhá-lo nos olhos e com a face corada. – Mas... não pode ser agora.
 


Rony se afastou e se deixou cair pesadamente na cama. Apoiou as mãos ao lado do corpo e de cabeça baixa suspirou em total descontentamento.



- Certo, eu entendo. - Levantou o rosto e sorriu tristemente para ela.
 


Hermione retribuiu seu sorriso e sugeriu que tentassem dormir, pois logo, Rony trocaria de posto com Harry.



Sem alternativas, ele deitou-se. Seu membro continuava inchado e agora latejava dolorosamente. "As garotas são cruéis, pensou amargurado."
 
 


...........................................................




Depois de algumas poucas e mal dormidas horas de sono, Rony adiantou-se para trocar de lugar com Harry.



O vento estava frio, mas ele não reclamava. Talvez o ar gelado pudesse aplacar um pouco o calor que o consumia.



Não entendia porque Hermione não podia simplesmente mandar tudo ao inferno e ficar com ele.



Tudo bem que eles estavam ali para ajudar Harry, mas isso não significava que não poderiam mais viver, significava?



Embora Rony não admitisse nem a si mesmo com todas as palavras, ele sempre temia o dia seguinte.



Era lógico que não queria transar com Hermione por medo de morrer virgem, mas por medo de nunca mais poder tocá-la, sentir o cheiro e a textura daquela pele que tanto amava.



Merlin, e como ele amava.  
 


Sentia como se tivessem perdido tanto tempo com brigas e desentendimentos inúteis. Se arrependia amargamente de não ter ido àquela festa de Natal com ela. Tudo poderia ser diferente agora.
 


Ele suspirou resignado. Estava mais uma vez sendo egoísta e sabia disso, mas era incontrolável. Simplesmente não podia ignorar que a desejava mais que tudo.
 
 




.....

N/A: Ahhh eu adoro esse capítulo, espero que gostem tbm!

AGRADEÇO DEMAIS TODOS OS COMMENTS 


Bells cullen Potter, Brigada pelos elogios e aguardando mais comnents :)
 

Priscilla Moreira, preciso parar num momento tenso para garantir que vcs apareçam e comentem mais e mais...hehehe
 
Carolina Gomes, o suspense é só para vcs voltarem e n abandonarem a Fic...rs...

Gii Rani, que bom q está gostando...

Viviane Barreda, sim, vou fazer das tripas coração para conseguir digitar os capítulos e as shorts que tem brotado...
 
Tia Carolis, faço isso para garantir a presença de vcs aqui :)

Michelle M. Rossi , adoro tua aflição e adoro teus comments... ah n fui muito mau não...rs...
 

Letícia M. Klein, espero que tenha gostado do que aconteceu entre os dois, embora n tenham chegado aos finalmente ainda... 
 

Cleidz, será q n era esse o capítulo q estava esperando? Eu particularmente gosto muito desse!

uk_rossi, Fic atualizada, espero que continue acompanhando...


Sociedade Sul
, tava só esperando teu comment para atualizar...heheeh To brincando...



Bjs, aguardando mais comments...

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo

Menu da Fic

Adicionar Fic aos Favoritos :: Adicionar Autor aos Favoritos

 

_____________________________________________


Comentários: 1

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por fabiane lopes em 09/05/2011

eu adorei tbm que cois heim !!!!

 

uau preciso respirar um pouco kkkkkkkkkkkk

Nota: 1

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

_____________________________________________

______________________________


Potterish.com / FeB V.4.1 (Ano 12) - Copyright 2002-2017
Contato: clique aqui

Moderadores:


Created by: Júlio e Marcelo

Layout: Carmem Cardoso

Creative Commons Licence
Potterish Content by Marcelo Neves / Potterish.com is licensed under a Creative Commons
Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License.
Based on a work at potterish.com.