FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout  
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
 



(Pesquisar fics e autores/leitores)



 




 

::Menu da Fic::

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo


Capítulo muito poluído com formatação? Tente a versão clean aqui.


______________________________
Visualizando o capítulo:

7. Insônia


Fic: De forma inesperada RxHr Cap final on


Fonte: 10 12 14 16 18 20
______________________________

CAPÍTULO 7


Insônia







 


- E então Harry, encontrou o Monstro? - Perguntou Hermione, que acabava de arrumar a última cama.



- Sim... – suspirou resignado - e... bem ele disse que nunca abandona a casa dos Black.



- Bom, podemos deduzir então que ele realmente não falou com ninguém. Até porque ninguém além dos integrantes da ordem entra aqui. - Disse Hermione em um tom conclusivo.



- E agora ele deve lealdade e obediência ao Harry, embora seja maluco. - acrescentou Rony olhando de Harry para Hermione.



- É, mas ele me odeia. - Lembrou Harry se jogando em um sofá.



- Harry, você sabe que o monstro não bate bem. Ninguém leva nada do que ele fala a sério.



Hermione lançou um olhar desaprovador a Rony, que pareceu fingir não notar.



- Acho que vou dormir. Obrigado por arrumar minha cama Mione. - Ele sorriu triste para a amiga.



Ela retribui o sorriso e começou a revirar sua bolsinha de contas.



Harry fitou Rony por alguns instantes e percebeu que ele olhava Hermione com muito interesse, um brilho diferente nos olhos.



Pensou no quanto o amigo tinha sorte, pois Rony pelo menos tinha Hermione por perto, já ele não sabia quando, e nem mesmo se, veria Gina outra vez.



Rony observou o sorriso sincero de Hermione para Harry, e se pegou pensando em como ela sempre sorria com facilidade para Harry. Não se lembrava de vê-la sorrindo desse modo para ele. Nesse momento, lembrou-se também de como ela era gentil com Krum. Sentiu vontade de chutar algo. “Por que ela nunca é gentil comigo? Por que nunca sorri assim para mim?”


 


Harry, logo após vestir seu pijama, foi o primeiro a deitar. Era bastante tarde, já se passavam das 3 horas da manhã. Hermione vestiu seu pijama, escovou os dentes e achou melhor ir para cama também. Deixaria para pensar em como faria para conviver com Rony normalmente no dia seguinte.



Rony ficou sentado olhando para o nada, pensando em como faria para conseguir dormir. Não entendia como Hermione não percebia o quanto ele queria ficar com ela. As cenas da noite anterior ainda estavam muito vivas na sua cabeça, e a vontade de repeti-las estava se tornando quase insuportável.


 


Ela não era a garota mais inteligente de Hogwarts? Então como não enxergava o quanto ele a desejava?! Rony tinha a sensação de que estava escrito, em letras garrafais, na sua testa que era apaixonado por ela.


 


Hermione percebeu que Rony não havia deitado, podia ver o ruivo de relance. Ele estava sentado na mesma poltrona de frente para eles. Pensou em perguntar por que não tentava dormir um pouco, mas desistiu.


 


Ela não fazia idéia no que ele estava pensando, mas daria qualquer coisa para saber. Será que pensava nela? No que havia acontecido entre eles? Talvez pensasse na família? Ou então no que eles teriam que enfrentar dali para a frente?



Depois de algum tempo, o qual considerou suficiente para que seus amigos já tivessem pegado no sono, Rony resolveu se deitar. Acabou tendo que dormir entre Harry e Hermione. Ficou feliz por ela não ter deitado ao lado de Harry. Sabia que era uma tremenda idiotice ter ciúme de Harry. Sabia que o amigo gostava de sua irmã e que Mione jamais ficaria com o garoto pelo qual Gina era apaixonada, mas o ciúme é algo irracional não é mesmo?! E Hermione era muito atraente, seria impossível que Harry não tivesse notado isso.


 


Embora fosse tarde, Rony tinha a sensação de que o sono tinha definitivamente decido abandoná-lo e por um tempo indeterminado.


 


E como poderia dormir quando seu corpo parecia estar em chamas? Como poderia dormir com Hermione tão próxima? Ele podia sentir o cheiro e escutar a respiração leve dela.


 


Será que toda a vez que ficasse perto de Hermione ficaria excitado? Olhou para baixo e pôde ver o volume já bastante saliente em sua cueca. Respirou fundo e passou as mãos pelos cabelos. Como poderia continuar convivendo com Hermione sem tocá-la?


 


Ela estava de costas para ele, e Rony pensou em como seria bom poder encaixar seu corpo no dela.



Fechou os olhos com força e repetiu mentalmente para si mesmo: “ Oh céus preciso manter o autocontrole.” Mas seu corpo parecia não estar dando a mínima para aquela vozinha desesperada dentro da sua cabeça.


 


Antes que pudesse controlar o impulso, sua mão já estava nos cabelos de Hermione. Eles eram macios e tinham um cheiro inebriante.


 


Como Hermione permaneceu imóvel, totalmente levado pelo desejo, Rony se aproximou e aprofundou o toque, acariciando a nuca da morena, queria aproveitar aquele contato o máximo possível.


 


Hermione prendeu a respiração quando sentiu os dedos de Rony em sua nuca, um arrepio percorreu todo seu corpo. O ruivo não fazia idéia, mas o corpo de Hermione também gritava de desejo. Ela havia percebido cada movimento que Rony tinha feito, e agora podia sentir a respiração quente dele em seu pescoço e não se mexer estava se tornando uma tarefa dificílima. Teve vontade de virar-se de frente para ele e beijá-lo até ficarem sem ar. Mas sabia que se o beijasse não poderia parar e isso seria no mínimo um desrespeito a Harry que dormia ao lado deles.


 


Fechou os olhos e procurou aproveitar aquele toque que lhe causava as mais distintas sensações. Ah se Rony pudesse imaginar como o amava, como o desejava.


 


Seu peito estava aquecido, era tão bom sentir o corpo forte e protetor dele perto. E era maravilhoso perceber que ele tinha vontade de tocá-la e de estar perto. Torceu mentalmente para que ele tocasse todo o seu corpo e se assustou com o próprio pensamento.


 


A vontade de tocar Hermione crescia cada vez mais, e Rony não resistiu em descer a mão que alisava os cabelos da morena e colocá-la delicadamente sobre a cintura da garota. Encontrou um pedaço de pele descoberto pela blusa de alcinhas que ela usava. A pele era quente e macia. Sentiu ela retesar o corpo e tirou a mão assustado.


 

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo

Menu da Fic

Adicionar Fic aos Favoritos :: Adicionar Autor aos Favoritos

 

_____________________________________________


Comentários: 4

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por Ju W. em 18/12/2011

ron ron vc e muito tarado² linda!

Nota: 5

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por Queen B em 23/10/2011

ahhh!!! amei!!!

Nota: 5

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por Ananda Esvael em 27/07/2011

Adorei esse capítulo! Tão fofo >.<

Nota: 5

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por fabiane lopes em 07/05/2011

uuuuuuuuuuuuu que sexy!!!!!amei ta lindo

ron ron vc e muito tarado

e provocante kkkkkkkkkkkkkkkk

Nota: 1

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

_____________________________________________

______________________________


Potterish.com / FeB V.4.1 (Ano 12) - Copyright 2002-2017
Contato: clique aqui

Moderadores:


Created by: Júlio e Marcelo

Layout: Carmem Cardoso

Creative Commons Licence
Potterish Content by Marcelo Neves / Potterish.com is licensed under a Creative Commons
Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License.
Based on a work at potterish.com.