FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout  
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout FeB Bordas para criar o Layout
FeB Bordas para criar o Layout
 



(Pesquisar fics e autores/leitores)



 




 

::Menu da Fic::

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo


Capítulo muito poluído com formatação? Tente a versão clean aqui.


______________________________
Visualizando o capítulo:

7. As conclusões de Rony


Fic: Os sentimentos de Rony NC17 RxH - Cap final


Fonte: 10 12 14 16 18 20
______________________________

Cap. 7


As conclusões de Rony


 

 


Na sala comunal, Rony continuava parado no mesmo lugar olhando para a escada do dormitório feminino, por onde Hermione havia desaparecido rapidamente há minutos atrás, com uma expressão abobalhada. Se virou lentamente e subiu para o dormitório masculino.


 


“Nossa... que noite!” Pensou assim que deitou em sua cama. Seu coração ainda batia de forma irregular, e ele constatou sorrindo que apenas Hermione era capaz de deixá-lo naquele estado, completamente fora de controle.

Olhou para a cama de Harry e viu que o amigo dormia tranquilamente, o que não era muito comum. Normalmente, Harry se debatia muito em seu sono, o que Rony concluía ser por conta dos pesadelos que o amigo tinha constantemente. Pensou se contaria a ele tudo que estava sentido, mas achou que seria melhor não falar nada. 
Não sabia se Harry iria gostar de saber que seus melhores amigos, além de brigar quase o tempo todo, também ficavam se agarrando por ai.


 


Rony riu de si mesmo, "se agarrando", eles mal tinham tocado um no outro. Mas a ideia de agarrar Hermione lhe parecia muito, mas muito interessante e tentadora.

Por mais que parecesse bobo fazer comparações, isso era algo simplesmente inevitável.


 


Ele tinha namorado Lilá por mais de um mês, e suas sessões de “amassos” com a namorada não eram o que se podia chamar de comportadas, no entanto, nunca havia sentido nada parecido com o que estava sentido agora, e tudo porque tinha apenas tocado os lábios de Hermione, e realmente não havia passado de um simples toque.


 


 “Eu não acredito que tive coragem de fazer tantas coisas em uma única noite. Afinal, apesar de estar na Grifinória, coragem não é bem meu forte. Mas... consegui finalmente terminar com Lilá. Acho que ela ficou chateada... mas o que posso fazer? Seria pior continuar com ela gostando da... Hermione...” 

Rony deu um grande suspiro quando pensou na amiga. Não havia mais nenhuma dúvida do quanto estava apaixonado por ela. Ainda era difícil admitir isso para si mesmo, até porque ele não sabia em que momento exato tinha passado a vê-la de forma diferente. 

Talvez tivesse sido no baile de inverno no quarto ano, ou então na aula de trato das criaturas mágicas no terceiro quando ela pegou sua mão em busca de proteção... 


 


Rony achou adorável vê-la com medo, assim como achou maravilhoso o fato dela ter acreditado que perto dele estaria protegida.

De repente, ele sentou na cama com uma expressão assustada, tinha acabado de se dar conta de que Hermione não tinha correspondido ao seu beijo e ainda por cima saiu correndo. E lembrando agora, ela não estava com uma cara nada boa quando olhou para ele e desapareceu pelas escadas.


 


“O que deu em você Ronald, porque foi beijá-la? Ela nunca mais vai querer me ver ou falar comigo... Inferno Sangrento!”


 


“Mas apesar de eu ter feito uma grande bobagem, só para variar, não há como negar que foi... simplesmente maravilhoso sentir o gosto dela...”


Rony perdeu as contas de quantas vezes ficava pensando antes de dormir como seria beijar Hermione, qual seria o gosto dela...  


 


“O que ela deve estar pensando?


 


Bom... uma coisa é certa, ela deve estar pensando em um feitiço bem poderoso para acabar comigo”


 


“Ainda bem que não fui corajoso o bastante para dizer a ela o que realmente sinto. Isso certamente acabaria com nossa amizade.”  


 


“Merda, o que aconteceu lá embaixo significa que ela realmente não sente nada por mim!


 


Ou será que sente?”


 


“Não Ronald, claro que ela não sente! Hermione é boa demais para você.”


 


Rony sentiu-se, mais uma vez, naquela noite, terrivelmente miserável. Ele era um nada, e como Hermione Granger iria querer ficar com um nada, sendo ela Tudo?


 

Primeiro Capítulo :: Próximo Capítulo :: Capítulo Anterior :: Último Capítulo

Menu da Fic

Adicionar Fic aos Favoritos :: Adicionar Autor aos Favoritos

 

_____________________________________________


Comentários: 2

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por Bells Raquel em 20/07/2012

Está perfeito, coitadinho, não entendeu o q ela sentiu ao ser beijada, mas tudo tem seu tempo né?

Nota: 5

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

Enviado por fabiane lopes em 29/04/2011

uau que maximo !!!!oh rony nao fica assim voce e tudo pra ela e pra mim tambem amor se ela nao te quiser eu kero!!kkk

parabens !!!!esta lindo

Nota: 1

Páginas:[1]
:: Página [1] ::

_____________________________________________

______________________________


Potterish.com / FeB V.4.1 (Ano 12) - Copyright 2002-2017
Contato: clique aqui

Moderadores:


Created by: Júlio e Marcelo

Layout: Carmem Cardoso

Creative Commons Licence
Potterish Content by Marcelo Neves / Potterish.com is licensed under a Creative Commons
Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License.
Based on a work at potterish.com.